Base de dados : LILACS
Pesquisa : SP4.016.167.848 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 131 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 14 ir para página                         

  1 / 131 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-902046 LILACS-Express
Autor: López-Martínez, Mery-Liliana; Jurado-Rosero, Gonzalo-Alberto; Páez- Montero, Iván-David; Madroñero-Palacios, Sandra-Milena.
Título: ESTRUCTURA TÉRMICA DEL LAGO Guamués, UN LAGO TROPICAL DE ALTA MONTAÑA / THERMAL STRUCTURE OF LAKE Guamués, A TROPICAL LAKE HIGH MOUNTAIN
Fonte: Rev. luna azul;(44):94-119, ene.-jun. 2017. ilus, map, tab.
Idioma: es.
Resumo: El presente artículo da a conocer los resultados obtenidos de una investigación desarrollada en el Lago Guamués , la finalidad fue establecer la estructura térmica a escala temporal, para lo cual se llevaron a cabo muestreos en los meses de enero a septiembre de 2013, en 10 puntos que abarcan la totalidad de ambientes presentes en el Lago. Para alcanzar el objetivo planteado se realizaron mediciones in situ de los parámetros de temperatura del agua, oxígeno disuelto y profundidad, mediante la utilización una sonda paramétrica de calidad de agua YSI 6600 V2. Se construyeron los perfiles de temperatura y oxígeno disuelto en la columna de agua y se analizó el comportamiento de la estructura térmica del lago Guamués . Entre los principales resultados obtenidos se encontró que el lago presenta periodos de mezcla completa en julio y septiembre y se encuentra estratificado en mayo, situación que se relaciona directamente con la estacionalidad, es decir, que en las épocas de lluvia favorece la mezcla completa y en épocas de verano se presenta la estratificación térmica del lago, situación que permitió clasificarlo como un lago monomíctico cálido. Finalmente, se resalta la importancia de este estudio en razón que la zona de estudio reviste de características especiales y particulares que han permitido categorizarlo como un ecosistema RAMSAR, dado todo el potencial ecosistémico manifestado en su biodiversidad, bienes y servicios ambientales brindados a la población. No obstante, los estudios existentes sobre la dinámica de la estructura térmica son inexistentes en la región y escasos en sistemas de Colombia, principalmente en lagos de alta montaña, ya que la gran mayoría de estudios se han desarrollado en lagos templados y embalses tropicales.

This article discloses the results of research conducted on Lake Guamués , the purpose was to establish the thermal structure timescale. For this, sampling was conducted in 10 locations of the lake covering all of its different environments during the months of January through September 2013. To achieve the stated objective, in situ measurements of the parameters such as water temperature, dissolved oxygen and depth were taken using a parametric probe of water quality YSI 6600 V2. Profiles of temperature and dissolved oxygen in the water column were built and the behavior of the thermal structure of the lake Guamués was analyzed. Among the main results, we found that the lake has periods of complete mixing in July and September and is stratified in May, a situation that is directly related to the seasonality that is, in the rainy season favors complete mixture and in the summertime lake thermal stratification occurs, allowing classify it as a monomictic warm lake. Finally, the importance of this study is highlighted because the study area has special and particular characteristics that have allowed categorizing it as a RAMSAR ecosystem, thanks to the ecosystemical potential manifested in its biodiversity, goods and environmental services provided to the population, however, existing studies about the dynamics of thermal structure are nonexistent in the region and few in the systems of Colombia, mainly in high mountain lakes because the majority of studies have been developed in warm lakes and tropical reservoirs.
Descritores: Estratificação Térmica
-Critérios de Qualidade da Água
Captação em Lagos
Controle da Qualidade da Água
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Artigo Clássico
Responsável: CO54.1 - Centro de Biblioteca e Información Científica


  2 / 131 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1151686
Autor: Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo.
Título: Plano de amostragem para controle da qualidade da água de consumo humano a partir da gestão integrada da bacia hidrográfica: estudo piloto na Bacia do Tietê-Sorocaba / Sampling plan to control the quality of water for human consumption from the integrated management of the hydrographic basin: a pilot study in the Tietê-Sorocaba Basin.
Fonte: São Paulo; FSP; 2021. 30 p. ilus.
Idioma: pt.
Descritores: Controle da Qualidade da Água
Bacias Hidrográficas
Amostragem
Responsável: BR91.2 - Centro de Documentação
BR91.2


  3 / 131 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Texto completo
Id: biblio-987706
Autor: Perú. Instituto Nacional de Enfermedades Neoplásicas.
Título: Plan de vigilancia y control de la calidad de agua del Instituto Nacional de Enfermedades Neoplásicas / Vigilance plan and water quality control of the National Institute of Neoplastic Diseases.
Fonte: Lima; Perú. Instituto Nacional de Enfermedades Neoplásicas; 20180200. 21 p. tab.
Idioma: es.
Resumo: El documento contiene: la finalidad, objetivos, ámbito de aplicación, base legal para el plan de vigilancia y control de la calidad de agua.
Descritores: Critérios de Qualidade da Água
Instalações de Saúde
-Controle da Qualidade da Água
Responsável: PE18.1 - Biblioteca Central


  4 / 131 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Id: lil-468787
Autor: Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Vigilância em Saúde. Coordenação-Geral de Vigilância em Saúde Ambiental.
Título: Vigilância e controle da qualidade da água para consumo humano / Surveillance and control in water quality for human consumption.
Fonte: Brasília; Ministério da Saúde; 2006. 211 p. ilus, tab, graf.
Idioma: pt.
Descritores: Vigilância Sanitária
-Controle da Qualidade da Água
Poluição Ambiental
Poluição de Rios
Vigilância da População
Limites: Humanos
Tipo de Publ: GOVERNMENT PUBLICATIONS
Responsável: BR599.1 - Coordenação Geral de Documentação e Informação (CGDI)
BR599.1; 10001022079, MT; BR599.1; 10001022080, AG, e.2; BR599.1; 10001022081, AG, e.3


  5 / 131 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: lil-404804
Autor: Simões, Marise; Pires, Maria de Fátima C.
Título: Água de diálise: ocorrência de leveduras, Pseudomonas aeruginosa e bactérias heterotrófifas / Hemodialysis water: occurrence of weasts, Pseudomonas aeruginosa, and heterotrophic bacteria
Fonte: Rev. Inst. Adolfo Lutz;63(2):224-231, jul.-dez. 2004. tab.
Idioma: pt.
Resumo: A hemodiálise é uma modalidade terapêutica para pacientes com insuficiência renal. Durante o verão e inverno de 2003 foram analisadas 200 amostras de água de diálise provenientes de 2 unidades hospitalares denominadas A e B. Os pontos analisados foram: 18 do cavalete de entrada (P1), 18 do pré-tratamento (P2), 18 da osmose reversa (OR)(P3), 28 da entrada da máquina (P4), 30 da solução de diálise (P5), 17 das linhas e dialisador (P6), 9 do "loop" (P7), 11 do filtro de carvão (P8), 18 do reuso C (P9), 18 do reuso B (P10), 15 do reservatório da OR (P11). A metodologia utilizada foi a recomendada pelo "Standard Methods for Examination of Water and Wastewater", 1995 utilizando as técnicas: "Pour Plate" para contagem de bactérias heterotróficas (BH) em R2A; membrana filtrante para Pseudomonas aeruginosa em Ágar Cetrimide e leveduras em Agar Sabouraud – dextrose com 200 mg/mL de cloranfenicol e determinações de fluoreto e condutividade; nitrato e sulfato pela metodologia das Normas Analíticas do Instituto Adolfo Lutz, 1985. Não houve diferença significativa entre verão e inverno. A unidade A apresentou leveduras em 5 amostras, P.aeruginosa em 14 e BH acima de 200UFC/mL em 52; enquanto a unidade B apresentou leveduras em 20 amostras, P.aeruginosa em 5, e BH acima de 200UFC/mL em 36. Após a OR foi realizada a pesquisa de endotoxinas bacterianas, sendo detectada em duas amostras na unidade A. Os parâmetros químicos revelaram a eficácia das membranas da OR na filtração dos íons fluoreto, nitrato, sulfato, condutividade nas duas unidades durante inverno e verão, (p<0,001). A RDC 154/2004 não faz referências à pesquisa de P.aeruginosa e leveduras. Este estudo mostrou que estes microrganismos podem estar presentes e não serem sensíveis a desinfecção como aconteceu com as BH. Manter a qualidade da água de diálise é uma maneira de prevenir riscos aos pacientes
Descritores: Controle da Qualidade da Água
Diálise Renal
Leveduras
Pseudomonas aeruginosa
Água
-Osmose Inversa
Responsável: BR91.2 - Centro de Documentação


  6 / 131 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: lil-268379
Autor: Valente, José P. S; Lopes, Carlos A. M; Caminhas, Ana M. T; Horácio, Antonia.
Título: Avaliaçäo bacteriológica dos recursos hídricos do Município de Eldorado - Vale do Ribeira (SP) / Bacteriological evaluation of the water supplies of the Eldorado municipality - Vale do Ribeira (SP)
Fonte: Rev. Inst. Adolfo Lutz;58(2):9-13, jul.-dez.1999. mapas, tab.
Idioma: pt.
Resumo: Foram coletados 48 amostras de água provenientes de caixas d'água comunitárias, de torneiras localizadas em escolas e residências e de fontes, rios e poços, para a determinaçäo do número mais provável de coliformes através do método dos tubos múltiplos. As amostras foram captadas em diferentes Bairros Rurais do Município de Eldorado pertecentes ao Parque Estadual de Jacupiranga e apenas duas delas näo demonstraram contaminaçäo por coliformes. A densidade de coliformes nas amostras de água foi considerada elevada e associada à facilidade e rapidez com que a matéria de origem fecal humana e animal atinge os recursos hídricos, bem como a práticas agrícolas inadequadas, falta de mata ciliar, monocultura de banana nas montanhas e bordas dos rios, clima chuvoso, pobreza, baixa qualidade de vida e nível educacional da populaçäo
Descritores: Bacteriologia
Enterobacteriaceae
Recursos Hídricos
-Redes Comunitárias
Amostras de Água
Microbiologia da Água
Controle da Qualidade da Água
Responsável: BR91.2 - Centro de Documentação


  7 / 131 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Prandi, Maria Ängela Garnica
Id: lil-217902
Autor: Pires, Marco Roberto; Pisani, Beatriz; Prandi, Maria Ängela Garnica; Simöes, Marise.
Título: Desinfecçäo de água com radiaçäo ultravioleta: eficiência bactericida / Desinfection of water with ultraviolet radiation: bactericide efficiency
Fonte: Rev. Inst. Adolfo Lutz;57(1):29-34, 1998. ilus, tab.
Idioma: pt.
Resumo: A desinfecçäo de água com radiaçäo ultravioleta tem demonstrado ser uma alternativa à cloraçäo. O objetivo deste trabalho é estudar a inativaçäo dos microorganismo. Utilizou-se um reator (câmara de desinfecçäo) equipado com lâmpada de ultravioleta, operando no sistema de batelada. Os microorganismos inativados foram E.coli, P.aeruginosa, A.hydrophylia, E.faecalis e V.chrolerae. A E.coli se mostrou o microorganismo de maior resistência inicial, mas a de maior constante de inativaçäo; o E.faecalis foi o mais resistente
Descritores: Raios Ultravioleta/efeitos adversos
CONDUCTOMETRYABDOMEN, ACUTE
Desinfecção da Água
-Controle da Qualidade da Água
Desinfecção/métodos
Microbiologia da Água/normas
Purificação da Água/métodos
Responsável: BR91.2 - Centro de Documentação


  8 / 131 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-831536
Autor: de Souza, Rafael Queiroz; Graziano, Kazuko Uchikawa.
Título: Qualidade da água: fatos e mitos! / Water Quality: facts and myths! / Calidad del agua: ¡hechos y mitos!
Fonte: Rev. SOBECC;21(4):210-212, out.-dez. 2016.
Idioma: en; pt.
Descritores: Água Potável
Água
Controle da Qualidade da Água
-Teste de Materiais
Esterilização
Segurança de Equipamentos
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Congresso
Responsável: BR2499


  9 / 131 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-607982
Autor: Alves, Igor Charles Castor; El-Robrini, Maâmar; Santos, Maria de Lourdes Souza; Monteiro, Sury de Moura; Barbosa, Leandro Patrick Ferreira; Guimarães, José Tasso Felix.
Título: Qualidade das águas superficiais e avaliação do estado trófico do Rio Arari (Ilha de Marajó, norte do Brasil) / Surface water's quality and trophic status assessment in the Arari River (Marajo Island, Northern Brazil)
Fonte: Acta amaz;42(1):115-124, mar. 2012. ilus, tab.
Idioma: pt.
Resumo: A deterioração da qualidade da água pode ser causada tanto por resultado da pressão antrópica sobre os ambientes aquáticos em maiores escalas, como por fatores naturais em menores escalas, tal como ocorre em parte da bacia hidrográfica do Rio Arari (Ilha de Marajó, Pará). Este artigo teve como objetivo a avaliação da qualidade das águas superficiais e o estado trófico do Rio Arari, no trecho entre Santana e Cachoeira do Arari, considerando as variações temporais e espaciais de variáveis físicas, químicas e biológicas da água em dois períodos hidrológicos distintos de 2009: descarga máxima (abril e maio) e descarga mínima (setembro e novembro). Os Índices de Qualidade da Água (IQA) e Estado Trófico (IET) foram determinados simultaneamente em amostras de água superficial durante 12 horas consecutivas nas três estações de coleta ao longo do Rio Arari. Os valores do IQA variaram entre "Ruim" e "Regular", e estão provavelmente relacionadas aos elevados níveis de coliformes fecais, baixas concentrações de oxigênio dissolvido e pH ácido do Rio Arari. Conforme o IET, o rio pode ser classificado como supereutrófico e hipereutrófico, reflexo da grande disponibilidade de nutrientes (e.g. fósforo) e elevada biomassa fitoplanctônica em termos de clorofila a. O Rio Arari está sob um processo de eutrofização natural, visto que as fontes de contaminação antrópica ainda são incipientes, mas elas podem contribuir para um processo de longo prazo de eutrofização artificial.

The deterioration of the water quality may be caused either by the result of human pressure on aquatic environments in larger scales, or by natural factors in smaller scales, such as part of the Arari River basin (Marajó Island, Pará state, Brazil) .This work aimed to evaluate the surface water's quality and the trophic state of the Arari River, between Santana and Cachoeira do Arari localities, taking into account the seasonal and spatial variations of physical, chemical and biological parameters in two different hydrological periods in 2009: the maximum discharge (April to May) and minimum discharge (September to November). The Water Quality Index (WQI) and Trophic State Index (TSI) were determined simultaneously in water surface's samples collected during 12 consecutive hours in three stations along the Arari River. The WQI data ranged from "Poor" and "Regular" and are probably related to the high levels of fecal coliform, low concentrations of dissolved oxygen and acid pH of the Arari River. Regards the TSI, the river may be classified as "supereutrophic" and "hipereutrophic", indicating the wide availability of nutrients (e.g. phosphorus) and high phytoplankton biomass in terms of chlorophyll a content. The Arari River is under a natural eutrophication, since the sources of anthropic contamination are still incipient, although they may contribute to the long-term process of artificial eutrophication.
Descritores: Controle da Qualidade da Água
Eutrofização
Responsável: BR6.1 - BCS - Biblioteca de Ciências da Saúde


  10 / 131 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-790497
Autor: Castro, Taniana Almeida; Sampaio, Fábio Correia; Forte, Franklin Delano Soares.
Título: Fluoretos em Diferentes Fontes de Águas para Consumo Humano em Campo Alegre de Lourdes-BA / Fluoride in Different Sources of Drinkable Water in Campo Alegre de Lourdes-BA
Fonte: Rev. bras. ciênc. saúde;15(4):421-428, dez. 2011. tab.
Idioma: pt.
Resumo: Realizar o mapeamento dos níveis de fluoretosdas águas de poços, cisternas e de águas engarrafadascomercializadas no município de Campo Alegre de Lourdes-BA. Material e Métodos: Na zona urbana, a coleta de águasde cisternas foi domiciliar. As águas minerais foram adquiridasnos mercados. Foram coletadas amostras de águas de 11cisternas, dois poços e sete águas minerais engarrafadas.Na zona rural, foram sorteadas 18 amostras de cisternas devilas rurais. Resultados: As concentrações de fluoretos dascisternas dos bairros variaram de 0,08 a 0,48 ppmF. A maiorconcentração de fluoretos presente nas águas mineraisindustrializadas foi de 0,24 ppmF. A maioria das águasminerais não possuía em seu rótulo a concentração de fluor.As concentrações de fluoretos dos poços variam de 0,03 a0,27 ppmF. Em relação às águas da zona rural, observou-semaior concentração de fluoretos na água da vila Arroz 0,51ppmF e a menor na Barra em 0,03 ppmF. Conclusão: Aconcentração de fluoretos das águas de consumo domunicípio não proporciona risco ao consumidor, podendoser ingerida por crianças na fase de desenvolvimento dadentição. Por outro lado, as águas também não atingiram asconcentrações ideais para a prevenção da cárie dentária...

To evaluate fluoride concentration levels in watersamples from wells, cisterns, and bottled waters marketedin the municipality of Campo Alegre de Lourdes (BA).Methodology: In the urban area, samples from cisterns werecollected at home. Bottled waters were acquired in themarkets. Were collected samples from 11 cisterns, 02 wellsand 07 bottled waters. In the rural area, 18 samples fromcisterns were randomized. Results: Fluoride concentrationsin the cisterns water evaluated ranged from 0.08 to 0.48ppmF. The highest concentration of fluoride was 0.24 ppmF.Most samples of bottled waters did not disclose fluorideconcentration in their labels. Fluoride concentration in thewells ranged from 0.03 to 0.27 ppmF. Concerning to ruralarea, the highest concentration of fluoride in the water wasfound in Arroz (0.51 ppmF) and the lowest in Barra (0.03ppmF). Conclusion: The fluoride concentration present insources of drinkable water in the city provides no risk toconsumption, and may be ingested by children during dentitiondevelopment. Contrariwise, water did not reach a fluorideconcentration capable of acting in the prevention of dentalcaries...
Descritores: Controle da Qualidade da Água
Flúor/análise
Vigilância Sanitária
Água Potável
-Rotulagem de Produtos
Limites: Humanos
Responsável: BR8.1 - Biblioteca Central



página 1 de 14 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde