Base de dados : LILACS
Pesquisa : SP8.473.654.412.052.080.010 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 22 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 3 ir para página          

  1 / 22 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: biblio-1077183
Autor: Gabarra, Maria Orlis; Pásseri, Geraldina.
Título: Cadeia de frio / Cold chain.
Fonte: São Paulo; s.n; set. 1982. 27 p.
Idioma: pt.
Descritores: Armazenamento de Substâncias, Produtos e Materiais
Refrigeração
Vacinas
Vacinação
Responsável: BR91.2 - Centro de Documentação
BR91.2; 895, Cx V1


  2 / 22 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Texto completo
Id: lil-362434
Autor: Neiva, Teresinha J. C; Machado, Marcos J; Hoehn, Monica; Hermes, Elizabeth M; Vituri, Cidônia L; Ferreira, Jovino S; D'amico, Elbio A.
Título: Evaluation of platelet aggregation in platelet concentrates (PCs): storage implications: erratum / Avaliação da agregação plaquetária em concentrados de plaquetas (PCs): implicações de estocagem: errata
Fonte: Rev. bras. hematol. hemoter;26(1):68-68, jan.-mar. 2004.
Idioma: en; pt.
Resumo: A utilização de hemoderivados constituí-se em uma modalidade terapêutica de fundamental importância no exercício da medicina. Dentre os diversos hemocomponentes que podem ser utilizados, o concentrado de plaquetas (CP) é indicado em situações de distúrbios hemorrágicos. Em estudos anteriores demonstramos que a função plaquetária em doadores de sangue apresenta-se reduzida após fracionamento. No presente trabalho, avaliamos as mudanças bioquímicas e funcionais em CP estocados durante três dias à temperatura de 20 ± 2 ºC. Foram estudados 40 CPs estocados em bolsas de polivinil PL-146 tendo como anticoagulante CPD. O estudo de agregação plaquetária foi avaliado utilizando-se como agonistas colágeno e trombina. Os parâmetros bioquímicos avaliados foram pH, PCO2, pO2 e concentração de lactato. Foi observado um aumento significativo de pH de 7.07 ± 0.04 para 7.36 ± 0.07 (p < 0.01). A concentração de pC02 diminuiu progressivamente de 69.2 ± 7.7 mmHg para 28.8 ± 6.2 mmHg (p<0.001) durante o período de estocagem. Por outro lado, a concentração de pO2 aumentou de 103.4 ± 30.6 mmHg para 152.3 ± 24.6 mmHg (p<0.001) após 48 horas de estocagem. A concentração de lactato aumentou de 17.97 ± 5.2 para 57.21 ± 5.7 mg/dL (p< 0.001). A agregação plaquetária utilizando-se como agonista trombina -0.25U/mL e colágeno-2.0 mg/mL mostrou hipofunção significativa de 61.8 ± 2.7% para 24.8 ± 9.8% e 62.7 ± 5.0% para 33.4 ± 6.2% (p<0.001), respectivamente. Concluímos que a função plaquetária e os parâmetros bioquímicos avaliados alteram-se significativamente quando as plaquetas são mantidas sob condições de armazenamento.
Descritores: Contagem de Plaquetas
Agregação Plaquetária
Armazenamento de Substâncias, Produtos e Materiais
Plasma Rico em Plaquetas
Tipo de Publ: Errata
Responsável: BR408.1 - Biblioteca da Faculdade de Medicina - BFM


  3 / 22 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-911874
Autor: Puentes, Rodrigo; Furtado, Agustín; Estradé, Maria José; Aragunde, Rafael; Cazales, Nicolás; Costa, Gabriela; Estévez, Jorge; Cirilo, Fernando; Galosi, Cecilia.
Título: Tissue preservation and cell culture of Przewalskii´s horse (Equus przewalskii): an endangered species / Preservação de tecidos e cultura de células do cavalo de Przewalski (Equus przewalskii): uma espécie em extinção
Fonte: Biosci. j. (Online);27(5):826-829, sept./oct. 2011.
Idioma: en.
Resumo: The Przewalskii´s horse or Mongolian wild horse (Equus przewalskii, Poljakov, 1881) is presently the only species of wild horse in existence. Originally from Asia, it is, classified as in extremely high risk of extinction which puts the species in the seriously threatened category. The aim of this work was the preservation of tissues and the development of cell cultures from tissue samples obtained from a Przewalskii´s horse after its death. Biopsies of skin, skeletal and cardiac muscle, and ear cartilage were removed from a recently dead horse, added to Phosphate Buffer Saline (PBS) and refrigerated until processing. Some of the samples were frozen in liquid nitrogen and the other was grown as explants to generate fibroblast cell monolayers. The cell cultures obtained, were subsequently propagated with low passages, and frozen in liquid nitrogen, thus avoiding genetic and phenotypic alterations. The tissues and cell cultures were thawed to ascertain their viability by checking its progressive grow in a flask. It was not possible to obtain cultures from cardiac muscle. A bank of tissues and cells from the single Przewalskii´s horse that existed in Uruguay was generated, and can be used for scientific purposes and for the conservation of the species in the future
Descritores: Preservação Biológica
Preservação de Tecido
Preservação de Amostras de Água
Espécies em Perigo de Extinção
Armazenamento de Substâncias, Produtos e Materiais
Cavalos
Responsável: BR396.4


  4 / 22 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-895128
Autor: Carmo, Wanessa P. D; Fávaro, Luís Fernando; Coelho, Rui.
Título: Age and growth of Zapteryx brevirostris (Elasmobranchii: Rhinobatidae) in southern Brazil
Fonte: Neotrop. ichthyol;16(1):e170005, 2018. tab, graf.
Idioma: en.
Projeto: Fundação para a Ciência e Tecnologia.
Resumo: Age and growth studies are fundamental to successful fisheries management. Zapteryx brevirostris (Müller & Henle, 1841) is distributed off the Brazilian continental shelf and this species is assessed as "Vulnerable" in the Red List of the International Union for the Conservation of Nature (IUCN). Thus, the objective of this study was to present previously unknown information about the age and growth of Z. brevirostris that can be used for its management, conservation, and fisheries. A total of 162 specimens were sampled, with total lengths (TL) varying between 35.7 cm and 56 cm. The vertebrae were embedded in resin, sectioned in cuts with 0.5 mm thickness and the growth bands of the vertebrae were read under a light microscope. In the studied area, Z. brevirostris ages were estimated from 4 to 10 years according to vertebrae patterns. The species reaches its maximum asymptotic size (Linf) around 56 cm (56 cm for females and 50.37 cm for males). This is the first estimate of age and growth for a species of the Zapteryx genus, and the results support the hypothesis that this ray requires future management conservation, particularly due to its slow growth rate and consequent susceptibility to overexploitation.(AU)

Estudos de idade e crescimento são fundamentais para o sucesso da gestão pesqueira. Zapteryx brevirostris (Müller & Henle, 1841) distribui-se pela plataforma continental brasileira, sendo classificada como "Vulnerável" no livro vermelho da IUCN (International Union for the Conservation of Nature). Assim, o objetivo deste estudo foi apresentar informações previamente desconhecidas sobre a idade e o crescimento de Z. brevirostris que podem ser utilizados para sua gestão, conservação e pescas. No total foram amostrados 162 espécimes, com comprimento total (CT) variando de 35.7 cm a 56 cm. As vértebras foram incluídas em resina e seccionadas num corte com cerca de 0.5 mm de espessura, e as bandas de crescimento das vértebras foram lidas com microscópio de luz transmitida branca. Na área estudada, Z. brevirostris possui idades estimadas entre os 4 a 10 anos de idade, de acordo com seu padrão de vértebras. A espécie atinge seu Linf (comprimento máximo assintótico) em torno dos 56 cm (56 cm para fêmeas e 50.37 cm para machos). Essa é a primeira estimativa dos parâmetros de idade e crescimento para uma espécie do gênero Zapteryx, e os resultados obtidos corroboram a hipótese de que a espécie requer uma gestão de conservação adequada, devido sobretudo à sua lenta taxa de crescimento e consequente suscetibilidade à sobre-exploração.(AU)
Descritores: Elasmobrânquios/crescimento & desenvolvimento
Indústria Pesqueira
-Armazenamento de Substâncias, Produtos e Materiais
Limites: Animais
Responsável: BR68.1 - Biblioteca Virginie Buff D'Ápice


  5 / 22 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Briso, André Luiz Fraga
Sundefeld, Maria Lúcia Marçal Mazza
Id: biblio-873415
Autor: Briso, André Luiz Fraga; Sundefeld, Renato Herman; Afonso, Rebeca Lima; Paterno, Flavia Aparecida; Sundefeld, Maria Lúcia Marçal Mazza.
Título: Effect of refrigeration of resin materials on the occurrence of microleakage in class II restorations. / Efeito da refrigeração dos materiais resinosos na ocorrência de microinfiltração emrestaurações classe II
Fonte: Ciênc. odontol. bras;10(4):6-12, out.-dez. 2007. ilus, tab.
Idioma: en.
Resumo: Atualmente muitos profissionais armazenam seus materiais restauradores em refrigeradores, mesmo o fabricante não determinando que esta condição seja obedecida. Assim, este trabalho avaliou a microinfiltração ocorrida em restaurações classe II de resina composta armazenada em diferentes condições e temperaturas. Foram empregados 30 molares humanos hígidos que receberam preparos cavitários, tipo “slot” vertical, com dimensões: 3mm no sentido vestíbulo lingual,1,5 mm no sentido mésio-distal e 5mm no sentido gêngivo-oclusal (1mm abaixo do limite amelo-cementário).Os espécimes foram restaurados com o material adesivo Prime & Bond NT e resina composta TPH Spectrum (Dentsply)em 3 diferentes condições: G-I aplicação dos materiais restauradores na temperatura ambiente (aproximadamente 25°C),G-II aplicação dos materiais restauradores 30 minutos após suas remoções do refrigerador (25°C), e G-III aplicação dos materiais restauradores imediatamente após a retirada do refrigerador (6°C). Os espécimes foram vedados e imersos em solução aquosa de azul de metileno, tamponado, a 2%, na temperatura de 37°C, por 4 horas. Em seguida, foram cortados e avaliados quanto ao grau de infiltração marginal na interface dentina-cemento/restauração e também quanto ao tipo de penetração que o corante apresentou. Os dados obtidos foram submetidos à análise estatística, empregando o método não paramétrico de Kruskal-Wallis (p<0,05) para comparar o grau de infiltração e o teste de proporção para comparar diferenças no padrão de infiltração. Não foi observado efeito adverso na ocorrência e no padrão de microinfiltração quando o sistema restaurador foi empregado imediatamente após sua armazenagem em refrigerador, bem como 30 minutos após ou em temperatura ambiente
Descritores: Resinas Compostas
Infiltração Dentária
Adesivos Dentinários
-Armazenamento de Substâncias, Produtos e Materiais
Limites: Humanos
Responsável: BR243.1 - Serviço Técnico de Biblioteca e Documentação


  6 / 22 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-837014
Autor: Rezende, Ana Carolina Bortolossi.
Título: Conservação de espinafre (Tetragonia expansa) pelo emprego de radiação gama: aspectos físico-químicos, microbiológicos e sensoriais / Preservation of spinach (Tetragonia expansa) using gamma radiation: physical chemical, microbiological and sensorial characteristics.
Fonte: São Paulo; s.n; jul. 2013. 95 p. tab, graf, ilus.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Universidade de São Paulo. Faculdade de Ciências Farmacêuticas para obtenção do grau de Doutor.
Resumo: Nos últimos anos, vegetais têm sido responsáveis por surtos de enfermidades transmitidas por alimentos (ETA) em diversas regiões do mundo por serem veículos dos mais diferentes micro-organismos patogênicos, entre eles Salmonella spp, Listeria monocytogenes e Escherichia coli produtora de toxina de Shiga (STEC). O uso de sanitizantes nem sempre reduz de maneira significativa a população de micro-organismos presentes nos vegetais, sendo necessária a aplicação de técnicas mais eficientes, entre elas, a radiação gama. Assim, os objetivos do presente estudo foram avaliar o efeito da irradiação na redução de STEC, Salmonella spp. e L. monocytogenes inoculadas em espinafre minimamente processado, bem como sobre os atributos físico-químicos e sensoriais do vegetal. Amostras de espinafre (Tetragonia expansa) foram inoculadas com um "pool" de cepas de Salmonella spp, um "pool" de cepas de L. monocytogenes e um "pool" de cepas de STEC, separadamente, e expostas às doses de 0; 0,2; 0,4; 0,6; 0,8 e 1,0 kGy. Os valores de D10 para Salmonella spp, L. monocytogenes e STEC foram, respectivamente, 0,19 a 0,20 kGy, 0,20 a 0,21 kGy e 0,17 kGy. Foram avaliados os comportamentos de Salmonella spp, L. monocytogenes e STEC em amostras de espinafre expostas à doses cinco vezes maiores do que o valor D10 obtido para cada micro-organismo: 1,0; 1,05 e 0,85 kGy, respectivamente, e em amostras não irradiadas armazenadas por 12 dias a (4±1) °C e a (10±1) °C. Os resultados mostram que as doses empregadas reduziram a população de Salmonella e de STEC em aproximadamente 6 ciclos log no dia zero tendo permanecido abaixo do limite de detecção (<10 UFC/g), mesmo após 12 dias de armazenamento em ambas as temperaturas. A dose de 1,05 kGy reduziu a população de L. monocytogenes em, aproximadamente, 5 log imediatamente após a irradiação, porém com recuperação de 2,62 log nas amostras armazenadas a (10±1) °C ao final do período de armazenamento. Amostras de espinafre expostas às doses de 1 e 1,5 kGy e a amostra-controle, mantidas sob refrigeração (4±1) ºC, foram utilizadas para a avaliação da vida de prateleira (VP), análise sensorial, análise de cor, determinação de ácido ascórbico, flavonoides, compostos fenólicos e capacidade antioxidante. A VP da amostra exposta à dose de 1 kGy foi de 15 dias, dois dias a mais que a da amostra-controle, enquanto a exposta a 1,5 kGy apresentou VP de 12 dias. Todas as amostras expostas à radiação foram aceitas pelos provadores. A irradiação não provocou alterações significativas na concentração de compostos fenólicos e atividade antioxidante, porém houve alteração na cor e na concentração de flavonoides. As estações do ano, por sua vez, tiveram influência sobre a coloração, concentração de compostos fenólicos e atividade antioxidante. Apesar da alteração na coloração ter sido observada na análise instrumental, esta não foi percebida pelos provadores durante a análise sensorial. O processo de irradiação mostrou ser uma boa alternativa para aumentar a segurança microbiológica de espinafre sem alterar as características sensoriais. No entanto, o uso das Boas Práticas de Fabricação nunca deve ser negligenciado

In recent years, fresh produce have been responsible for foodborne disease outbreaks worldwide, due to their contamination by different pathogenic microorganisms such as Salmonella spp., Listeria monocytogenes and Shiga toxin-producing Escherichia coli (STEC). The use of sanitizers does not always significantly reduce the microbial populations present in vegetables, and thus, the application of more efficient techniques such as gamma radiation, is required. The objectives of this study were to evaluate the effect of irradiation on the reduction of the populations of STEC, Salmonella spp. and L. monocytogenes, inoculated on minimally processed spinach, as well as to assess its effect on the sensory and physicochemical characteristics of the vegetable. Spinach (Tetragonia expansa) samples were individually inoculated, with a cocktail of three strains of Salmonella spp, three strains of L. monocytogenes and three strains of STEC and exposed to doses of 0, 0.2; 0.4; 0.6; 0.8 and 1.0 kGy. The D10 values determined in this study ranged from 0.19 to 0.20 kGy for Salmonella spp, 0.20 to 0.21 kGy for L. monocytogenes, and 0.17 kGy for STEC. The behavior of Salmonella spp., L. monocytogenes and STEC were evaluated in spinach samples exposed to doses of 1.0, 1.05 and 0.85 kGy, respectively, and in non-irradiated samples, stored for 12 days at (4±1) °C and (10±1) °C. The results showed that the populations of Salmonella and STEC were reduced at about 6 log, on day zero, and remained below the detection limit (<10 CFU/g) even after 12 days of storage at both temperatures tested. The 1.05 kGy dose reduced the population of L. monocytogenes in approximately 5 log, but in the samples stored at (10±1) °C, the growth of the microorganism (2,62 log) was observed at the end of the storage time. Spinach samples exposed to 1 and 1.5 kGy, as well as the control sample, all kept under refrigeration (4±1) °C were used for the evaluation of the product shelf life, sensory analysis, color analysis, determination of ascorbic acid, flavonoids, phenolic compounds and the antioxidant capacity. The samples exposed to 1 kGy displayed a shelf life of 15 days, two days longer than that observed for the control sample, while those exposed to 1.5 kGy showed a shelf life of 12 days. All samples exposed to radiation were accepted by the sensorial panel. The irradiation had no significant effect either on the concentration of phenolic compounds or on the antioxidant activity. Nevertheless, there was a reduction in the concentration of flavonoids and change on the color. The color, phenolic compounds concentration and antioxidant activity were influenced by the seasons of the year. Although the change in color was observed by instrumental analysis, this was not perceived by the panelists during sensory analysis. The irradiation process is a great alternative for microbiological safety purpose together with Good Manufacturing Practices
Descritores: Irradiação de Alimentos/métodos
Spinacia oleracea/efeitos da radiação
Armazenamento de Substâncias, Produtos e Materiais
-Colimetria
Escherichia coli/classificação
Listeria monocytogenes/crescimento & desenvolvimento
Salmonella/química
Toxina Shiga
Responsável: BR40.1 - DBD - Divisão de Biblioteca e Documentacão do Conjunto das Químicas
BR40.1; T 664.07, R467c. 30100020184


  7 / 22 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-753384
Autor: Lauracio, Claudia; Chayña, Elio; Ramos, Wilfredo; Padilla, Tania; Catacora, Paula.
Título: Viabilidad de las células del ligamento periodontal en diferentes medios de almacenamiento y transporte / Viability of periodontal ligament cells in different storage and transport media
Fonte: Kiru;10(2):91-95, jul.-dic. 2013. graf.
Idioma: es.
Resumo: Objetivo. Evaluar la tasa de sobrevivencia y la capacidad preventiva de los sellantes de ion¢mero de vidrio de alta viscosidad colocadosde acuerdo al protocolo propuesto por el tratamiento restaurador atraumatico (TRA), en primeros molares permanentes en ni¤os de 6a 12 a¤os de edad, en una comunidad de alto riesgo. Material y m‚todos. Se trataron 75 primeras molares permanentes de 34 ni¤osde la Instituci¢n Educativa “Jos‚ Olaya Balandra” en el balneario de Bujama, distrito de Mala, Ca¤ete, Per£. Los sellantes se colocaronutilizando ion¢mero de vidrio de alta viscosidad siguiendo el protocolo del TRA y fueron evaluados luego de 12 meses utilizando loscriterios de la Organizaci¢n Mundial de la Salud (OMS). Resultados. Las piezas evaluadas mostraron que 56,4% present¢ sellantescompletos (c¢digo 0); el 23,6% sellantes parcialmente presentes sin caries (c¢digo 1); el 1,8% sellantes parcialmente presentes consignos de caries (c¢digo 2), y el 18,2% present¢ ausencia de sellantes sin presencia de caries (c¢digo 3). Empleando el criterio deefectividad biol¢gica se establece que 98,18% de las piezas inicialmente tratadas permanecieron libres de caries. Existi¢ una diferenciasignificativa (p<0,05) en relaci¢n a la ubicaci¢n de la pieza, observ ndose mayores tasas de retenci¢n en las primeras molares inferiores(67,9%) al compararlas con las superiores (44,4%). Conclusiones. Los sellantes TRA demostraron tener un gran potencial para prevenirlesiones de caries oclusales en primeras molares permanentes a los de 12 meses de seguimiento.

Objective. To evaluate the survival rate and preventive capacity of high viscosity glass ionomer sealants placed according to theprotocol proposed by ART, in first permanent molars in children aged 6 to 12 years old, in a high risk Peruvian community. Materialand methods. 75 first permanent molars were treated from 34 children of the school “Jose Olaya Balandra” in Bujama, district of Malain Ca¤ete, Peru. Sealants were placed using high viscosity glass ionomer following the ART protocol and they were evaluated after 12months using the World Health Organiation (WHO) criteria. Results. Evaluated pieces showed that 56, 4% had completed sealant (Code0), 23, 6% partially sealants present without caries (code 1), 1,8% partially sealants present with signs of decay (Code 2) and 18,2% hadno sealant without the presence of caries (code 3). Using the biological effectiveness criterion states that 98, 18% of the parts treatedinitially remained free of decay. There was a statistically significant difference (p <0,05) relative to the location of the piece, showinghigher retention rates in the first molars (67, 9%) when compared to higher (44,4%). Conclusions. The ART sealants showed a greatpotential to prevent oclusal caries lesions in first permanent molars after 12 months of follow up.
Descritores: Sobrevivência Celular
Células/microbiologia
Ligamento Periodontal
Armazenamento de Substâncias, Produtos e Materiais
-Grupos Controle
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Responsável: PE264.1 - Biblioteca


  8 / 22 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Id: lil-719649
Autor: Costa, Marco Antonio F. da; Costa, Maria de Fátima Barrozo da.
Título: Segurança química: para áreas de saúde, ensino e indústrias / Chemical safety: for health, education and industries.
Fonte: Rio de Janeiro; Publit; 2011. 174 p. ilus, tab.
Idioma: pt.
Descritores: Compostos Químicos
Prevenção e Proteção contra Incêndios
Segurança Industrial
Equipamentos de Proteção
Medidas de Segurança
-Saúde do Trabalhador
Rotulagem de Produtos
Armazenamento de Substâncias, Produtos e Materiais
Ambiente de Trabalho
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Manual de Referência
Responsável: BR526.1 - Biblioteca de Saúde Pública
BR526.1; 363.19, C837s


  9 / 22 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-670088
Autor: Abreu, André Luiz de.
Título: Avaliação da distribuição de reativos para diagnóstico in vitro destinados às ações de vigilância e controle de agravos / Evaluation of the distribution of in vitro diagnostic reagents for the surveillance and control of diseases.
Fonte: Rio de Janeiro; s.n; 2010. 50 p. tab, graf.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca para obtenção do grau de Mestre.
Resumo: Neste trabalho apresentamos um panorama do armazenamento de reativos para diagnóstico in vitro distribuídos pelo Ministério da Saúde aos Laboratórios Centrais de Saúde Pública – LACEN, e da Central Nacional de Distribuição de Insumos Estratégicos – CENADI. Foi realizada avaliação normativa considerando-se os componentes de estrutura e processo, destacando-se a importância da adoção das Boas Práticas de Armazenamento - BPA, no aprimoramento dos processos de trabalho. Foram avaliados quinze LACEN nas cinco regiões brasileiras. Foram verificados itens de BPA adotados em cada unidade avaliada. Foi evidenciado que os setores de armazenamento das unidades laboratoriais e do nível central carecem de maiores investimentos em capacitação e, em alguns casos, em estrutura física. O planejamento das aquisições também foi abordado e mostrou-se insatisfatório, conforme evidenciado pelo indicador de desabastecimento. Acreditamos que os desafios e pontos positivos destacados neste estudo possam contribuir para a melhoria dos processos de planejamento, aquisição e armazenamento de reativos para diagnóstico in vitro no âmbito do MS.
Descritores: Reagentes de Laboratório
Laboratórios/organização & administração
Kit de Reagentes para Diagnóstico
Armazenamento de Substâncias, Produtos e Materiais
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Estudo de Avaliação
Responsável: BR526.1 - Biblioteca de Saúde Pública
BR526.1; T658.785, A162a


  10 / 22 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Texto completo
Id: lil-614844
Autor: Camillo, J; Scherwinski-Pereira, J. E; Vieira, R. F; Peixoto, J. R.
Título: Conservação in vitro de Cochlospermum regium (Schrank) pilg. - cochlospermaceae sob regime de crescimento mínimo / In vitro conservation of Cochlospermum regium (Schrank) pilg. - cochlospermaceae under minimal growth storage
Fonte: Rev. bras. plantas med;11(2):184-189, 2009. ilus, graf, tab.
Idioma: pt.
Resumo: Cochlospermum regium é uma planta de áreas de cerrado, caatinga e pantanal. Na medicina popular é conhecida por "algodão-do-campo" e suas raízes são utilizadas para o tratamento de infecções uterinas, intestinais, gastrite, úlceras e artrite. Atualmente, o extrativismo e a destruição dos habitats naturais colocaram o algodão-do-campo na lista de espécies medicinais nativas prioritárias para conservação ex situ. O objetivo deste trabalho foi desenvolver uma metodologia para a conservação in vitro do algodão-do-campo e fornecer subsídios para estudos de micropropagação da espécie. Sementes de algodão-do-campo foram testadas quanto à germinação in vitro pela escarificação ou não das sementes em ácido sulfúrico e inoculação em meio de cultura MS. Para a conservação in vitro, segmentos nodais retirados das plântulas germinadas in vitro foram avaliados por 90 dias sob três regimes de temperatura (10, 20, e 25ºC) e em três concentrações de meio WPM (½, ¾ e pleno). Verificou-se que sementes escarificadas apresentaram percentual de germinação in vitro de 93,3 por cento aos 30 dias, valor significativamente superior aos 13,3 por cento observados nas sementes não escarificadas. A conservação da espécie in vitro mostrou-se viável, desde que as culturas sejam mantidas em câmara de crescimento a 20ºC em meio de cultivo ½WPM. Sob estas condições os explantes mantiveram um crescimento mínimo e percentual de sobrevivência de 100 por cento, após três meses de avaliação.

Cochlospermum regium is a plant from cerrado, caatinga and pantanal areas. In popular medicine, it is known as "algodão-do-campo" and its roots are used to treat uterine and intestinal infections, gastritis, ulcers and arthritis. Nowadays, extraction activities and the destruction of natural habitats has made "algodão-do-campo" one of the major native medicinal species for ex situ conservation. The aim of this work was to develop a methodology for the in vitro conservation of "algodão-do-campo", contributing to studies on the micropropagation of this species. In vitro germination was evaluated in "algodão-do-campo" seeds subjected to scarification or not with sulfuric acid and inoculation in MS medium. For in vitro conservation, nodal segments from in vitro-germinated seedlings were evaluated for 90 days at three temperatures (10, 20 and 25ºC) and three WPM medium concentrations (½, ¾ and full-strength). Scarified seeds presented 93.3 percent in vitro germination at 30 days of cultivation, a significantly higher value than the 13.3 percent observed for non-scarified seeds. The in vitro conservation of "algodão-do-campo" showed to be viable once cultures are kept in a growth chamber at 20ºC in ½ WPM medium. Under such conditions, the explants presented a minimal growth and 100 percent survival after three evaluation months.
Descritores: Bixaceae/classificação
Técnicas In Vitro/métodos
-Germinação
Plantas Medicinais/classificação
Armazenamento de Substâncias, Produtos e Materiais
Responsável: BR1.1 - BIREME



página 1 de 3 ir para página          
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde