Base de dados : LILACS
Pesquisa : SP9.040.010 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 152 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 16 ir para página                         

  1 / 152 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1050744
Autor: Galeano, Giovana Barbieri; Guareschi, Neuza Maria de Fátima; Scisleski, Andrea Cristina Coelho.
Título: Políticas de Pesquisa e Resistências em Tempos de Acirramento dos Processos de Violência / Research Policies and Resistance Policies in Times of Incitement of Violence Processes / Políticas de Investigación y Resistencia en Tiempos de Intensificación de los Procesos de Violencia
Fonte: Psicol. ciênc. prof;39(2,n.esp):19-32, ago.-nov. 2019. ilus.
Idioma: pt.
Resumo: Neste artigo, tomamos os estudos de Hannah Arendt, Walter Benjamin e Giorgio Agamben para problematizar a Psicologia e as demandas que lhe são dirigidas em termos de empreender a produção de estratégias contra práticas violentas que tem crescido no contexto brasileiro contemporâneo. Para a presente discussão, designamos três analisadores principais: o primeiro é uma cena vivenciada em um parque da cidade de Porto Alegre - RS, cuja função como cenário é discutir como a Psicologia aborda questões relacionadas ao cotidiano no que tange a produção de conhecimento; o segundo considera os movimentos realizados por diversos grupos em todo o Brasil sob a hashtag "#elenão"; finalmente, o terceiro focaliza o período após o primeiro turno das eleições presidenciais de 2018, quando o espaço público foi usado para dialogar sobre as propostas presidenciais dos candidatos para o segundo turno. A aposta ético-epistemológica e política de nossa pesquisa está ligada às lutas que constituem um espaço de resistência em relação às práticas violentas incitadas cotidianamente. Argumentamos que as lutas não dizem respeito apenas à afirmação da possibilidade de existência/vida, mas, principalmente, sobre a impossibilidade de não lutar...(AU)

In this article, we take Hannah Arendt, Walter Benjamin and Giorgio Agamben's studies to problematize psychology and the direct demands to produce strategies against violent practices that have been escalating in the contemporary Brazilian context. We designate three main analyzers to the present discussion: the first is a scene experienced in a park in the city of Porto Alegre - Rio Grande do Sul, which serves as an example to discuss how psychology approaches these daily-life issues of vulnerability related to knowledge production; the second regards to movements performed by several groups throughout Brazil, during the election period, under the hashtag "#elenão"; finally, the third analyzer focuses on the campaign period for the second term of the 2018's presidential election when the public space was used to discuss candidates' presidential proposals. The ethical-epistemological and political bet of our research is linked to daily struggles that constitute a space of resistance to violent practices incited on a daily basis. We argue that struggles are not only related to the affirmation of the possibility to exist in society, but also to the impossibility of not struggling...(AU)

En este artículo, tomamos los estudios de Hannah Arendt, Walter Benjamin y Giorgio Agamben para problematizar la psicología y las demandas que se le dirigen en términos de emprender la producción de estrategias contra prácticas violentas que han crecido en el contexto brasileño contemporáneo. Para la presente discusión, designamos tres analizadores principales: el primero es una escena vivida en un parque de la ciudad de Porto Alegre ­ Rio Grande do Sul, cuya función como escenario es discutir cómo la psicología aborda temas relacionados con la vida cotidiana en términos de producción de conocimiento; el segundo analizador considera los movimientos realizados por diversos grupos en todo Brasil bajo el hashtag "#elenão"; Por último, el tercer analizador se centra en el período posterior a la primera votación de las elecciones presidenciales de 2018, cuando se utilizó el espacio público para dialogar sobre las propuestas presidenciales de los candidatos para la segunda votación. La apuesta ético-epistemológica y política de nuestra investigación está vinculada a las luchas que constituyen un espacio de resistencia en relación a las prácticas violentas incitadas cotidianamente. Argumentamos que las luchas no se refieren sólo a la afirmación de la posibilidad de existencia/vida, sino principalmente a la imposibilidad de no luchar...(AU)
Descritores: Psicologia
Psicologia Social
Comportamento Social
Violência
Poder (Psicologia)
Estado
Populações Vulneráveis
Marginalização Social
Relações Interpessoais
-Política
Relações Raciais
Violência Étnica
Limites: Seres Humanos
Masculino
Feminino
Tipo de Publ: 57788
Responsável: BR1552.1 - Biblioteca Central


  2 / 152 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1049718
Autor: Carvalho, Diego Sousa de.
Título: Quando o Estado bate à porta: faces do Estado e narrativas sobre a juventude no atendimento socioeducativo na Zona Sul de São Paulo / When State knocks on the door: faces of State and narratives about the youth on the socio-educational system at South Zone of São Paulo.
Fonte: São Paulo; s.n; 2019. 227 p.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública para obtenção do grau de Doutor.
Resumo: No Brasil, a história da infância, adolescência e juventude, enquanto instâncias sociais, configura um panorama marcado pelas trajetórias institucionais, inscreve-se certa fronteira que estabelece os sujeitos enquanto -moleques?, -pivetes?, -menores?; sendo que, o que determina tais categorias são, de fato, marcadores de pobreza e, muitas vezes, determinantes raciais. Ao longo dos anos, o Estado tratou institucionalizar e reprimir o direito ao convívio familiar e comunitário, como suposta -prevenção? aos jovens pobres. A partir do estabelecimento do Estatuto da Criança e do Adolescente (1990) e do Sistema Nacional de Atendimento Socioeducativo (2012), mudanças são estabelecidas na compreensão, abordagem e condutas sobre a implicação de adolescentes e jovens em práticas de ato infracional. Estas políticas têm como prerrogativa trabalhar ações sociais e educativas em conjunto na condução da responsabilização legal do jovem infrator, pela premissa da proteção integral e promoção de direitos, entendendo haver um compromisso entre família, comunidade e Poder Público para defesa e garantia de direitos humanos fundamentais. A pesquisa buscou compreender, a partir dos relatos de profissionais do sistema socioeducativo, o acesso aos programas e políticas do Estado pela juventude em conflito com a lei e moradora de periferias, na Zona Sul do Município de São Paulo. Foram realizadas entrevistas semiestruturadas junto a 16 profissionais que atuam no atendimento socioeducativo nas regiões do Capão Redondo e Fundão do Jardim Ângela (São Paulo - SP). A partir dos relatos, essas relações são descritas em sentidos complexos e conflitantes: muitas vezes, somente a partir da infração, o jovem e sua família são -incluídos? em políticas públicas socioassistenciais. Há uma compreensão, da parte dos profissionais, que o Estado aparece para o jovem periférico, a princípio, de maneira punitiva, através de ações policiais, pela violência ou pela internação na Fundação Casa. Em alguns casos, contudo, mobiliza também conteúdos afetivos, pelos vínculos que estes jovens desenvolvem com profissionais do sistema socioeducativo.

In Brazil, the history of childhood, adolescence and youth, as social instances, configures a panorama marked by institutional trajectories, a certain border is established that discriminates the subjects as -moleques?, -pivetes?, -minors?; and what determines such categories are, in fact, markers of poverty and, often, racial determinants. Over the years, the State has tried to institutionalize and repress family and community living right, as an alleged -prevention? for the poor youth. Since the establishment of the Child and Adolescent Statute (1990) and the National Socio-Educational Service System (2012), changes in understanding, approach and conduct are required on the involvement of adolescents and young people alleged implicated in practices of infraction. These policies have the prerogative to work social and educational actions together in the conduct of the legal responsibility of alleged offender adolescent, from the premises of integral protection and promotion of rights, and concern a compromise between family, community and Public Power to defend and guarantee fundamental human rights. The research aims to understand, from the reports of socio-educational system professionals, the access to State politics and programs performed by youth in conflict with the law and living in periphery regions, at the South Zone of São Paulo. For this, semi-structured interviews were carried out with 16 professionals who work in the socio-educational systemby the regions of Capão Redondo and Fundão do (-Bottoms of?) Jardim Ângela. From the reports, these relationships are described in complex and conflicting senses: often, only from the law infraction, the youth and family are -included? in social public policies. There is an understanding that the State firstly appears to the suburban resident young people in a punitive way, through police actions, violence or through incarceration at Fundação Casa. However, in some cases it also mobilizes affective contents, by the bonds that these young people develop with professionals of the socio-educational system.
Descritores: Adolescente
Estado
Direitos Humanos
Responsável: BR67.1 - CIR - Biblioteca - Centro de Informação e Referência


  3 / 152 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Texto completo
Id: lil-756836
Autor: Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Brasil).
Título: O estado e as redes de atenção à saúde: 1ª mostra nacional de experiências / The state and the networks of attention to health: 1st national show of experiences.
Fonte: Brasília; CONASS; 2012. 318 p. ilus, mapas, tab, graf. (CONASS documenta, 25).
Idioma: pt.
Conferência: Apresentado em: 1ª Mostra Nacional de Experiências, Rio de Janeiro, 2006.
Resumo: CONASS Documenta n. 25, reúne as experiências dos estados com a organização regional dos serviços de saúde, propiciando a troca de experiências e a identificação dos avanços e das dificuldades no caminho percorrido ao organizar redes e que foram apresentadas na ocasião das comemorações pelos 30 anos do CONASS. Ao todo, 22 estados participaram da Mostra e 80 experiências exitosas foram apresentadas por meio de um banner e um artigo, que compõem esta publicação.
Descritores: Atenção à Saúde
Conferências de Saúde/organização & administração
Estado
-Aborto
Limites: Seres Humanos
Tipo de Publ: Publicações Governamentais
Responsável: BR526.1 - Biblioteca de Saúde Pública


  4 / 152 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Id: lil-89736
Autor: Brasil. Ministério da Saúde.
Título: Reunião nacional sobre síndrome de imunodeficiência adquirida / National meeting on acquired immunodeficiency syndrome.
Fonte: s.l; s.n; s.d. [24] p.
Idioma: pt.
Conferência: Apresentado em: Reuniäo Nacional sobre Síndrome de Imunodeficiência Adquirida, 4, Curitiba, 21-23 maio 1985.
Descritores: Reunião
Estado
Síndrome de Imunodeficiência Adquirida/prevenção & controle
Limites: Seres Humanos
Responsável: BR599.1 - Coordenação Geral de Documentação e Informação (CGDI)
BR599.1


  5 / 152 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-773451
Autor: Romano, Cátia Maria Costa; Scatena, João Henrique Gurtler; Kehrig, Ruth Terezinha.
Título: Articulação público-privada na atenção ambulatorial de média e alta complexidade do SUS: atuação da Secretaria de Estado de Saúde de Mato Grosso / Public-private link in the ambulatory care of high and medium complexity within the SUS: the role of the State Health Department of Mato Grosso, Brazil
Fonte: Physis (Rio J.);25(4):1095-1115, out.-dez. 2015. graf.
Idioma: pt.
Projeto: CNPq; . Capes.
Resumo: A ancestralidade da relação público-privada na saúde remonta à criação e ao desenvolvimento da previdência social. No SUS, tal relação se manteve e tem ganhado força e estabilidade, principalmente nos níveis de atenção onde há possibilidade de lucro. Este estudo, de base qualitativa e foco na Secretaria de Estado de Saúde de Mato Grosso (SES), visa explorar, nessa esfera de gestão, a articulação público-privada no âmbito da assistência ambulatorial de média e alta complexidade. A coleta de dados contemplou documentos e entrevistas com técnicos daquela instância, material empírico explorado mediante análise de conteúdo. Os resultados mostraram que: o estado credencia/habilita ou contrata serviços de assistência ambulatorial de média e alta complexidade segundo a lógica da oferta privada; a gestão das ações de saúde é deficiente; a atuação das Comissões Intergestores Regionais é passiva; e as Organizações Sociais de Saúde têm processo diferenciado de avaliação e controle e recebem valores bem superiores aos da tabela SUS, não atendendo protocolos e parâmetros instituídos. Não há evidências de que a atuação atual da SES vá reverter o favorecimento do setor privado nesse nível de atenção.

The origin of the public-private relationship in the health system lays on the creation and development of social welfare. Within the SUS, such relationship is maintained and has gained strength and stability, especially in the levels where there is opportunity for profit. This study, of qualitative basis and focused on the State Health Secretariat (SHS) of Mato Grosso, Brazil, aims to explore, in this management sphere, the public-private link within the ambulatory care of high and medium complexity. Data collection included documents and interviews with technicians from that area and empirical material explored through content analysis. The results showed that: the state accredits/enables or hire ambulatory care services of high and medium complexity according to the logic of private offer; health management is poor; the performance of Regional Inter-Management Commissions is passive; Social Health Organizations have different evaluation and control processes and receive values above SUS standards, not meeting established protocols and parameters. There is no evidence that favouritism towards the private sector will be reversed in the current work of the SHS, on this level of care.
Descritores: Avaliação em Saúde
Sistema Único de Saúde
Brasil
Saúde Pública
Serviços Terceirizados
Gestão em Saúde
Estado
Pesquisa Qualitativa
Saúde Suplementar
Assistência Ambulatorial
Serviços de Saúde
Limites: Seres Humanos
Tipo de Publ: Revisão
Entrevista
Responsável: BR433.1 - CB/C - Biblioteca Biomédica C


  6 / 152 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-573352
Autor: Almeida, Dulce Filgueira de.
Título: Estatização, políticas sociais e lazer no Brasil / Statization, social polices and leisure in the Brazil
Fonte: Licere (Online);13(4), dez. 2010.
Idioma: pt.
Resumo: O trabalho analisa o papel do Estado e das políticas sociais, tendo como foco a questão do lazer e os programas governamentais no Brasil. Trata-se de um trabalho baseado em pesquisa documental, cuja reflexão se assenta em autores como Bobbio (1990), Burzstin (1998), Santos (1997) e Mascarenhas (2004). Os eixos norteadores do debate estão centrados nos conceitos de Estado, políticas sociais, participação democrática e lazer. Com base na reflexão apresentada, propõe-se a construção de uma compreensão crítica sobre o cenário da institucionalização de políticas sociais que focalizam o lazer no Brasil.

This paper analyses the role of the State and the social polices having as center the leisure and the governmental programs in the Brazil. It was a work based on documental research, supported by authors such as Bobbio (1990), Burzstin (1998), Santos (1997) and Mascarenhas (2004). The theoretical reference was centered in categories such as: State, social polices, participative democracy and leisure. It is proposed a critical comprehension of the scene of the institutionalization of the social polices in Brazil that has its' focus on the leisure.
Descritores: Política Pública
Participação da Comunidade
Estado
Marginalização Social
Direitos Socioeconômicos
Institucionalização/legislação & jurisprudência
Atividades de Lazer
Limites: Seres Humanos
Responsável: BR21.1 - Biblioteca J Baeta Vianna- Campus Saúde UFMG


  7 / 152 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-773440
Autor: Santos, Francisco de Assis; Gurgel Júnior, Garibaldi Dantas; Gurgel, Idê Gomes Dantas; Pacheco, Hélder Freire; Bezerra, Adriana Falangola Benjamin.
Título: A definição de prioridade de investimento em saúde: uma análise a partir da participação dos atores na tomada de decisão / The definition of investment priorities in health: an analysis from the participation of stakeholders in decision-making
Fonte: Physis (Rio J.);25(4):1079-1094, out.-dez. 2015. graf.
Idioma: pt.
Resumo: Os problemas de saúde possuem contornos próprios e a ação governamental para a elaboração de políticas públicas de saúde pode ser construída a partir da contribuição de diversos atores para a tomada de decisão. O estudo teve como objetivo analisar o processo de tomada de decisão sobre as prioridades de investimento a partir da percepção de diversos atores. Como método, é do tipo exploratório de corte transversal, com a utilização de abordagem qualitativa para coleta e análise de dados. Foram entrevistados 18 atores e realizados dois grupos focais, com gestores e membros do Conselho Estadual de Saúde. Concluiu-se que, na definição de prioridades para os rumos da política de saúde, no caso do ente federado estudado, os aspectos eleitorais suplantaram questões técnicas e a negociação dentro dos espaços colegiados de governança do SUS. As características da federação brasileira e a formatação do aparelho de Estado na saúde favorecem o fortalecimento de pautas relacionadas ao ciclo eleitoral na agenda governamental e na elaboração de políticas públicas, preterindo evidências científicas e outros aspectos técnicos para a tomada de decisão.

Health problems have their own contours and governmental action for the development of public health policies, can be built from the contribution of various actors for decision-making. This study aimed to analyze how was the process of making decisions about investment priorities and perceptions of the various actors on the construction of health policy in Pernambuco state, Brazil. As a method, it is an exploratory cross-sectional study, using qualitative approaches to collect and analyze data. Eighteen actors conducting two focus groups with managers and members of the state board of health were interviewed. It concludes that in setting priorities for the future of health policy in Pernambuco, electoral aspects overcame technical issues and negotiation within the collegiate governance spaces SUS. The characteristics of the Brazilian federation and State apparatus formatting favor strengthening health-related election cycle guidelines on the government agenda and the development of public policies, postponing scientific evidence and other technical aspects for decision-making.
Descritores: Política Pública
Sistema Único de Saúde
Brasil
Saúde Pública
Gestão em Saúde
Estado
Tomada de Decisões
Pesquisa Qualitativa
Política de Saúde
Limites: Seres Humanos
Tipo de Publ: Revisão
Entrevista
Responsável: BR433.1 - CB/C - Biblioteca Biomédica C


  8 / 152 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-967381
Autor: Teixeira, Marcelo Resende; Carneiro, Fernando Henrique; Mascarenhas, Fernando; Matias, Wagner Barbosa.
Título: Esporte, fundo público e pequena política: os reveses de um orçamento (r)emendado / Sports, public fund and narrow small politics: the downsides of an amended budget / Deporte, financiación pública y pequeña política: los reveses de un presupuesto con enmiendas
Fonte: Movimento (Porto Alegre);24(2):593-606, abr.-jun. 2018.
Idioma: pt.
Resumo: O estudo aborda a relação entre Estado e políticas esportivaspor meio de uma análise orçamentária das emendas parlamentares vinculadas ao Ministério do Esporte. O objetivo foi verificar a efetivação das emendas deste órgão, seu direcionamento (contemplados) e valoresrelativos ao período de 2008 a 2015. A abordagem foi de caráter quantitativo-qualitativo, sendo realizada uma pesquisa bibliográfica e um levantamento documental. Para a análise dos dados foi adotado o método proposto por Boschetti (2009), em seu aspecto: "configuração do financiamento e gasto". Concluiu-se que as emendas representaram naquele período cerca de 52% da composição orçamentária do órgão, sendo utilizadas majoritariamente para atender interesses dos parlamentares em suas bases eleitorais em obras de infraestrutura esportiva

The study approaches the relationship between the State and sports policies through a budget-based analysis of parliamentary amendments linked to the Ministry of Sports. The objective was to verify the effectiveness of the amendments to the agency's budget, their (accepted) aims, and the values for 2008-2015. The study was quantitativequalitative, including a bibliographical review and a documentary survey. The analysis of the data adopted the method proposed by Boschetti (2009) in its aspect related to "configuration of funding and expense". It found out that the amendments represented about 52% of the Ministry's budget for that period and were used mainly to serve the interests of Congress members regarding sports infrastructure works in their constituencies

El estudio aborda la relación entre Estado y políticas deportivas por medio de un análisis presupuestario de las enmiendas parlamentarias vinculadas al Ministerio del Deporte. El objetivo fue verificar la efectivación de las enmiendas de ese organismo, su direccionamiento (contemplados) y valores relativos al período de 2008 a 2015. El abordaje tuvo carácter cuantitativo-cualitativo, realizando una búsqueda bibliográfica y un levantamiento documental. Para el análisis de los datos se adoptó el método propuesto por Boschetti (2009), en su aspecto: "configuración de la financiación y gasto". Se concluyó que las enmiendas representaron en aquel período cerca del 52% de la composición presupuestaria de ese organismo, y que en su mayoría se utilizaron para atender a intereses de los parlamentarios en sus bases electorales en obras de infraestructura deportiva
Descritores: Política Pública
Esportes
Estado
-Legislação como Assunto
Limites: Seres Humanos
Responsável: BR553.1 - Biblioteca Edgar Sperb


  9 / 152 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Carvalho, Eduardo Maia Freese de
Texto completo
Id: lil-773444
Autor: Costa, Juliana Martins Barbosa da Silva; Pessoa Cesse, Eduarda Ângela; Samico, Isabella Chagas; Carvalho, Eduardo Maia Freese de.
Título: Avaliação do desempenho estadual da vigilância em saúde de Pernambuco Abstract / Performance evaluation of the state health surveillance in Pernambuco State, Brazil
Fonte: Physis (Rio J.);25(4):1141-1163, out.-dez. 2015. tab, graf.
Idioma: pt.
Resumo: Este trabalho teve como objetivo avaliar o desempenho estadual da vigilância em saúde em Pernambuco no ano de 2012. Realizou-se pesquisa avaliativa com base no modelo multidimensional de avaliação global e integral do desempenho dos sistemas de saúde - EGIPSS. Foi elaborado o modelo lógico da vigilância em saúde estadual, adaptado o modelo multidimensional de avaliação e concebida a matriz de análise e julgamento. Utilizaram-se dados primários, coletados por meio de entrevistas com informantes-chave, e secundários, dos sistemas de informação da vigilância em saúde e de documentos oficiais. O desempenho estadual da vigilância em saúde em Pernambuco mostrou-se satisfatório (64,0%). A função "manutenção de valores" apresentou escore excelente (85,0%), seguida das funções "adaptação" (70,0%) e "produção" (60,0%), ambas com desempenho satisfatório. A função "alcance das metas" apresentou escore insatisfatório (41,0%) devido, em parte, ao conjunto de fragilidades encontradas nas demais funções. A avaliação do desempenho da vigilância em saúde estadual, utilizando o modelo integral, mostrou ser uma estratégia apropriada para identificação das fortalezas e fragilidades em diversas dimensões do desempenho, proporcionando os meios para melhor compreendê-lo e instituir estratégias de melhoria.

This article aimed to evaluate the performance of Health Surveillance in Pernambuco in the year of 2012. An evaluative research based on the multidimensional model for comprehensive and global evaluation of health systems performance was conducted. The logic model of state health surveillance, adapted to the multidimensional evaluation model, and conceived as a judgement and analysis matrix was created. Primary data, collected through interviews with key informants, and secondary data, from health surveillance information systems and official documents, were used. The performance of health surveillance in Pernambuco was satisfactory (64.0%). The value "maintenance function" scored excellent (85.0%) followed by "adaptation" (70.0%) and "production" (60.0%) functions, both with satisfactory performance. The "achieving goals" function scored unsatisfactory (41.0%), due, in part, to the set of weaknesses found in the other functions. The performance evaluation of the state health surveillance, using the integral model, turned out to be an appropriate strategy to the identification of strengths and weaknesses in various performance dimensions, providing the means to better understand it and to establish improvement strategies.
Descritores: Avaliação em Saúde
Sistema Único de Saúde
Brasil
Gestão em Saúde
Estado
Pesquisa Qualitativa
Avaliação de Desempenho Profissional
Vigilância em Saúde Pública
Serviços de Saúde
Limites: Seres Humanos
Tipo de Publ: Revisão
Responsável: BR433.1 - CB/C - Biblioteca Biomédica C


  10 / 152 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-666004
Autor: Takeuti, Norma Missae.
Título: Paradoxos societais e juventude contemporânea / Societal paradoxes and contemporary youth
Fonte: Estud. psicol. (Natal);17(3):427-434, set.-dez. 2012.
Idioma: pt.
Resumo: Com foco nos jovens da América Latina, discutem-se os paradoxos societais que incidem fortemente sobre eles na atualidade. Um dos paradoxos importantes diz respeito, de um lado, à transformação contemporânea das significações sociais da juventude, nas quais o ser jovem passa a ser uma referência central para todas as faixas etárias e, de outro, às limitações da realidade concreta e objetiva que reduz o campo de possibilidades de realização dos jovens na vida profissional e social. Associado a isso, vê-se o desenvolvimento de um processo discursivo na sociedade atual, que revela a vontade de punir os jovens. Vontade associada a dois movimentos articulados entre si: a passagem do Estado-Providência para o Estado Penal; a política global da sociedade de controle. Como desdobramento desses processos, evidencia-se o paradoxo do poder e da multiplicidade - controles e resistências. Ao final, enfatiza as experimentações sociais positivas de determinados grupos de jovens na atualidade.

This article focuses on young people in Latin America. It discusses the societal paradoxes reflecting heavily on them today. An important paradox concerns on one hand, to the contemporary changes of the social meanings of being youth stands as a central reference of excellence to the entire society and, on the other, the limitation of objective and concrete reality which reduces the range of possibilities for realization in professional and social life. Associated with this, the development of a discursive process in today's society that reveals the will to punish the youth is also analyzed. This analysis is connected with two articulated processes: the transition from Welfare State to the Penal State; the overall policy of the society of control. The paradox of power and multiplicity - controls and resistances - are the consequence of these processes. Finally, the article emphasizes the positive social experimentations of certain groups of young people today.
Descritores: Punição/psicologia
Controle Social Formal
Adolescente
América Latina
-Psicologia Social
Estado
Responsável: BR1274.1 - Biblioteca Central Zila Mamede



página 1 de 16 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde