Base de dados : LILACS
Pesquisa : VS2.002.001.014 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 30 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 3 ir para página          

  1 / 30 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1145569
Autor: Waetge, Tatiana Sanjuan Ganem; Machado, Carlos José Saldanha.
Título: A realidade das informações da política de medicamentos especializados nos websites das Secretarias Estaduais de Saúde / The reality of the information of the specialized drug policy on the websites of the State Health Departments / La realidad de la información especializada sobre políticas de medicamentos en los sitios web del Departamento de Salud del Estado
Fonte: RECIIS (Online);14(4):926-941, out.-dez. 2020. ilus, graf.
Idioma: pt.
Resumo: O objetivo desse artigo é analisar como os sites das Secretarias Estaduais de Saúde da Paraíba, Bahia, Santa Catarina e Rio Grande do Sul disponibilizam informações sobre a política de medicamentos brasileira para os usuários do SUS. Com base em uma metodologia qualitativa, observa-se uma variedade de formas de organização e apresentação das informações estruturadas em uma linguagem predominantemente técnica, em desacordo com o nível de instrução da população, em oposição à uma comunicação pública que deve ser, segundo a norma legal, acessível e compreensível por gestores, profissionais e atores da sociedade civil, superando o linguajar do corpo técnico-burocrático para que a política pública seja apropriada pela sociedade. Ao identificar uma distância existente entre lei e realidade, conclui-se enunciando limites e desafios a serem superados pelos agentes políticos no aprofundamento e desenvolvimento de metodologias voltadas para a qualidade do acesso às informações da política pública de medicamentos pela população.

The objective of this article is to analyze how the websites of the State Health Departments of Paraíba, Bahia, Santa Catarina and Rio Grande do Sul provide information about the Brazilian drug policy for SUS users. Based on a qualitative methodology, a variety of forms of organization and presentation of structured information are observed in a predominantly technical language, in disagreement with the level of education of the population of these states, as opposed to a public communication that must be, according to the legal norm, accessible and understandable by managers, professionals and civil society actors, overcoming the language of the technical-bureaucratic body so that public policy is appropriated by society. When identifying a distance between law and reality, it concludes by stating a limits and challenges to be overcome by the political agents in the deepening and development of methodologies focused on the quality of access to information on public policy of medicines by the population.

El propósito de este documento es analizar cómo los sitios web de los Departamentos de Salud del Estado de Paraíba, Bahía, Santa Catarina y Rio Grande do Sul proporcionan información sobre la política de drogas de Brasil a los usuarios del SUS. Basado en una metodología cualitativa, se puede observar una variedad de formas de organización y presentación de información estructurada en un lenguaje predominantemente técnico, en desacuerdo con el nivel educativo de la población, en oposición a una comunicación pública que debe ser, según la norma, legal, accesible y comprensible para gerentes, profesionales y actores de la sociedad civil, superando el lenguaje del cuerpo técnico-burocrático para que la sociedad se apropie de las políticas públicas. Al identificar una distancia existente entre la ley y la realidad, concluimos estableciendo límites y desafíos que deben superar los agentes políticos en la profundización y el desarrollo de metodologías dirigidas a la calidad del acceso a la información de las políticas públicas sobre medicamentos por parte de la población.
Descritores: Redes de Comunicação de Computadores
Serviços de Informação sobre Medicamentos
Medicamentos do Componente Especializado da Assistência Farmacêutica
Política Nacional de Medicamentos
Acesso a Medicamentos Essenciais e Tecnologias em Saúde
Governo Eletrônico
-Sistema Único de Saúde
Características de Residência/estatística & dados numéricos
Alocação de Custos
Pesquisa Qualitativa
Escolaridade
Políticas Públicas de Saúde
Saúde da População
Limites: Humanos
Adolescente
Adulto
Responsável: BR526.1 - Biblioteca de Saúde Pública


  2 / 30 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1022852
Autor: Riera, Rachel; Bagattini, Ângela Maria; Pachito, Daniela.
Título: Eficácia, segurança e aspectos regulatórios dos medicamentos órfãos para doenças raras: o caso Zolgensma® / Efficacy, safety and regulatory aspects of orphan drugs for rare diseases: Zolgensma®'s case study
Fonte: Cad. Ibero Am. Direito Sanit. (Impr.);8(3):48-59, jul.-set. 2019.
Idioma: pt.
Resumo: Objetivo: discutir o processo regulatório de medicamentos para doenças raras no Brasil, com base no caso Zolgensma®, e avaliar criticamente as evidências disponíveis até o momento sobre a eficácia e a segurança do Zolgensma® no tratamento da atrofia muscular espinhal (AME). Metodologia: estudo descritivo realizado no Núcleo de Avaliação de Tecnologias em Saúde do Hospital Sírio-Libanês (NATS-HSL) em junho de 2019. Resultados: em abril de 2019, o uso do Zolgensma® para AME foi regulamentado nos Estados Unidos com base em dois estudos clínicos abertos (sem mascaramento), sem grupo comparador paralelo (e, portanto, não randomizados). Essas limitações metodológicas aumentam a incerteza nos resultados encontrados. A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) aprovou estratégias para regulamentar o processo e os prazos de análise das submissões de registro de novos medicamentos para doenças raras, caso do Zolgensma®. Conclusão: faz-se necessário ampliar o debate em torno do processo de regulamentação e de incorporação de medicamentos órfãos para doenças raras no Brasil. O debate deve incluir as evidências relacionadas aos efeitos ­ benefícios e riscos ­ desses medicamentos, e maior clareza nos critérios para concessão de registro e recomendação de incorporação em sistemas de saúde. (AU).

Objective: to discuss the regulatory process of drugs for rare diseases in Brazil, based on the Zolgensma® case, and to critically evaluate the evidence so far available on the efficacy and safety of Zolgensma® for treating spinal muscular atrophy (SMA). Methods: descriptive study conducted at the Health Technology Assessment Center of the Sírio Libanês Hospital (NATS-HSL) in June 2019. Results: in April 2019, the use of Zolgensma® for SMA was regulated in the United States based on two open-lable (unmasked), non-comparative (and therefore non-randomized) studies. These methodological limitations increase the uncertainty related to study results. The National Agency of Sanitary Surveillance (Anvisa) has approved strategies to regulate the process and specific deadlines for completing the appraisal process of new medicines for rare diseases, such as Zolgensma®. Conclusion: it is necessary to broaden the debate about the process of regulation and incorporation of orphan drugs for rare diseases in Brazil. This debate should include evidence related to the effects (benefits and risks) of these drugs, and greater transparency of the criteria indispensable for granting registration and recommendation of incorporation into health systems. (AU).

Objetivo: analizar el proceso de fármacos reguladores para enfermedades raras en Brasil, con base en el caso Zolgensma, y para evaluar críticamente la evidencia disponible hasta el momento sobre la eficacia y seguridad de Zolgensma® nel tratamiento de atrofia muscular espinal (AME). Métodos: estudio descriptivo realizado en el Centro de Evaluación de Tecnología de Salud del Hospital Sírio-Libanês (NATS-HSL) en junio de 2019. Resultados: en abril de 2019, el uso de Zolgensma® para la AME se reguló en los Estados Unidos basado en dos estudios abiertos (no enmascarados), no comparativos (y por lo tanto no aleatorios). Estas limitaciones metodológicas aumentan la incertidumbre en los resultados encontrados. La Agencia Nacional de Vigilancia Sanitaria en Brasil (Anvisa) ha aprobado estrategias para regular el proceso y los plazos de análisis de las solicitudes de registro de nuevos fármacos para enfermedades raras, el caso de Zolgensma. Conclusión: es necesario ampliar el debate sobre el proceso de regulación e incorporación de medicamentos huérfanos para enfermedades raras en Brasil. Este debate debe incluir evidencia relacionada con los efectos (beneficios y riesgos) de estos medicamentos y una mayor transparencia en los criterios para otorgar el registro y la recomendación de incorporación a los sistemas de salud. (AU).
Descritores: Atrofia Muscular Espinal
Terapia Genética
Doenças Raras
Registro de Produtos
Medicamentos do Componente Especializado da Assistência Farmacêutica
Responsável: BR208.2 - PRODISA - Programa de Direito Sanitário


  3 / 30 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-525888
Autor: Calderón Velasco, Rolando.
Título: Enfermedades raras y drogas huérfanas / Rare diseases and orphan drugs
Fonte: Diagnóstico (Perú);48(1):5-6, ene.-mar. 2009.
Idioma: es.
Descritores: Doenças Raras
Medicamentos do Componente Especializado da Assistência Farmacêutica
Tipo de Publ: Editorial
Responsável: PE1.1 - Oficina Universitária de Biblioteca


  4 / 30 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Texto completo
Texto completo
Id: lil-609623
Autor: Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Brasil).
Título: Assistência farmacêutica no SUS / Pharmaceutical assistance in the SUS.
Fonte: Brasília; CONASS; 2011. 172 p. tab. (Coleção para entender a gestão do SUS, 7).
Idioma: pt.
Projeto: Conass. Programa de Informação e Apoio Técnico às Equipes Gestoras Estaduais do SUS.
Resumo: Este livro aborda os principais aspectos relacionados à Assistência Farmacêutica no SUS e serve de fonte de informação para os gestores e técnicos das Secretarias Estaduais de Saúde, pois apresenta de forma sistemática toda a gestão da Assistência Farmacêutica, com ênfase para o ciclo da Assistência Farmacêutica em seus aspectos técnico-operacionais. Traz ainda, as informações mais atualizadas sobre a Assistência Farmacêutica no SUS no contexto do Pacto pela Saúde e dos componentes estabelecidos: Básico, Estratégico e Especializado. Nele, é enfatizada a importância da adoção dos protocolos clínicos como orientadores e disciplinadores do acesso aos medicamentos no SUS, e apresentada a questão das demandas judiciais para fornecimento de medicamentos e as informações mais recentes sobre importantes decisões tomadas no âmbito do Poder Judiciário sobre o tema.
Descritores: Assistência Farmacêutica
Sistema Único de Saúde
-Atenção Primária à Saúde/organização & administração
Direito à Saúde
Medicamentos Essenciais
Medicamentos do Componente Especializado da Assistência Farmacêutica
Protocolos Clínicos
Limites: Humanos
Tipo de Publ: GOVERNMENT PUBLICATIONS
Responsável: BR526.1 - Biblioteca de Saúde Pública
BR526.1; 362.110981, B823a


  5 / 30 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1001581
Autor: Oliveira, Cristiani Lopes Capistrano Gonçalves de; Salgado, Hérida Regina Nunes; Moraes, Maria de Lourdes Leite.
Título: Stability-indicating capillary zone electrophoresis assay for the analysis of linezolid in tablets
Fonte: Braz. J. Pharm. Sci. (Online);54(4):e17585, 2018. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: A simple and fast alternative methodology using capillary zone electrophoresis (CZE) to analyze linezolid and its cationic photodegradation products in tablets has been developed. The separation was carried out on fused silica capillary and conducted using 100 mM formic acid (pH 3.0) and by applying 30 KV voltage. Detection was performed at UV 254 nm. The optimized method was validated in terms of linearity, limits of detection and quantification, precision (repeatability), stability studies (selectivity) and accuracy. Good linearity (8-20 mg L-1) was obtained and the limit of detection was 0.95 mg L-1. The greatest advantages of the CZE method were the rapid set-up of instrumentation and capillary equilibration, short analysis time (12 min), low running cost and low waste generation. The method showed good stability in determining linezolid submitted to degradation by light and to a climatic chamber and can be used as an alternative for evaluation in stability studies of linezolid in tablets, as well as for the analysis of the drug in raw materials and finished products.
Descritores: Comprimidos/classificação
Eletroforese Capilar/instrumentação
Linezolida/análise
-Fotodegradação
Medicamentos do Componente Especializado da Assistência Farmacêutica
Responsável: BR40.1 - DBD - Divisão de Biblioteca e Documentacão do Conjunto das Químicas


  6 / 30 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-978527
Autor: Quirland-Lazo, Camila; Castañeda-Cardona, Camilo; Chirveches Calvache, María Alejandra; Aroca, Alberto; Otálora-Esteban, Margarita; Rosselli, Diego.
Título: Modelos de atención en salud en enfermedades raras: revisión sistemática de la literatura / Healthcare Models for Rare Diseases: A Systematic Review of the Literature / Modelos de atenção em saúde em doenças raras: revisão sistemática da literatura
Fonte: Rev. gerenc. políticas salud;17(34):112-118, ene.-jun. 2018. tab, graf.
Idioma: es.
Resumo: Resumen Las enfermedades de baja prevalencia requieren modelos de gestión diferentes a los de otras condiciones. Este trabajo buscó recoger las experiencias internacionales. Se realizaron búsquedas en numerosas bases de datos de literatura indexada y de documentos grises. Un panel de expertos de diferentes disciplinas revisó los resúmenes de la literatura y su posible adaptación al contexto colombiano. La búsqueda inicial arrojó 5604 referencias; la búsqueda manual adicionó 31 referencias, finalmente 78 artículos aportaron información útil para el análisis. Los resultados permiten afirmar que existen varios componentes de un modelo de gestión, estos son: políticas, legislación y aspectos administrativos; definición y codificación de enfermedades; investigación y educación; centros especializados, centros de excelencia y redes de atención; diagnóstico, tamizaje, prevención y promoción; inclusión de medicamentos huérfanos; rehabilitación y manejo paliativo; organizaciones de pacientes, grupos o redes de apoyo; y apoyo sociosanitario (inclusión laboral y educativa).

Abstract Low prevalence diseases require management models different from those used in other conditions. This work was intended to gather international experiences on this issue. Searches were made in many indexed literature databases as well as in those with gray literature. A panel of experts from different disciplines checked the abstracts and their potential adaptation into the Colombian context. The initial search retrieved 5604 references and the manual search added other 31 references. At the end, 78 articles provided useful information for the analysis. The results allow to state that a management model consists of several components, to wit: policies, legislation and administrative aspects; definition and coding of the diseases; research and education; specialized centers; excellence centers and service networks; diagnosis, screening, prevention, and promotion; orphan drug inclusion; rehabilitation and palliative care; organizations of patients and support groups or networks; and social-sanitary support (labor and educational inclusion).

Resumo As doenças de baixa prevalência requerem modelos de gestão diferentes aos de outras condições. Este trabalho visou coletar experiências internacionais. Realizaram-se pesquisas em numerosos bancos de dados de literatura indexada e documentos cinza. Um painel de expertos de diferentes disciplinas revisou os resumos da literatura e sua possível adaptação no contexto colombiano. A procura inicial resultou em 5604 referências; a procura manual adicionou 31 referências, por fim 78 artigos forneceram informações úteis para a análise. Os resultados permitem afirmar que existem vários componentes de um modelo de gestão, quais são: políticas, legislações e aspetos administrativos; definição e codificação de doenças; pesquisa e ensino; centros especializados, centros de excelência e redes de atendimento; diagnóstico, triagem, prevenção e promoção; inclusão de medicamentos órfãos; reabilitação e cuidados paliativos; organizações de pacientes, grupos ou redes de apoio; e apoio sócio-sanitário (inclusão laboral e educativa).
Descritores: Administração Hospitalar
-Organizações de Serviços Gerenciais
Doenças Raras
Medicamentos do Componente Especializado da Assistência Farmacêutica
Limites: Humanos
Responsável: CO185.1 - Biblioteca Alfonso Borrero Cabal, S. J.


  7 / 30 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Cherchiglia, Mariângela Leal
Acúrcio, Francisco de Assis
Texto completo
Id: biblio-910245
Autor: Brandão, Cristina Mariano Ruas; Guerra Júnior, Augusto Afonso; Cherchiglia, Mariângela Leal; Andrade, Eli Iola Gurgel; Queiroz, Odilon Vanni de; Acurcio, Francisco de Assis.
Título: Perfil dos usuários e gastos com medicamentos excepcionais pelo SUS, destinados ao tratamento da osteoporose, em Minas Gerais, 2000-2004 / Users profile and expenses with the high cost medicines in the National Health System of Brazil for the treatment of osteoporosis in Minas Gerais, 2000-2004
Fonte: Rev. méd. Minas Gerais;22(supl.2):98-105, maio 2012. tab, graf.
Idioma: pt.
Resumo: Introdução: A osteoporose é uma doença comum, caracterizada por um comprometimento sistêmico da massa óssea e da microarquitetura que resulta em fraturas por fragilidade. Objetivo: Descrever o perfil demográfico e epidemiológico e os gastos envolvidos com o tratamento da osteoporose em indivíduos residentes em Minas Gerais, atendidos pelo Programa de Medicamentos Excepcionais do Sistema Único de Saúde, no período de 2000 a 2004. Métodos: Realizou-se pareamento probabilístico-determinístico de dados provenientes de registros de Autorizações de Procedimentos de Alta Complexidade/Alto Custo (APAC/SIA) e Sistema de Informação sobre Mortalidade (SIM), do DATASUS, identificando- se os indivíduos com diagnóstico com osteoporose e registro de gastos. Resultados: Foram identificados 6.596 pacientes com osteoporose, predominantemente do sexo feminino, idade igual ou superior a 50 anos. Grande parte dos pacientes atendidos iniciou tratamento medicamentoso após a ocorrência de fraturas osteoporóticas e o medicamento mais utilizado no início do tratamento foi o alendronato de sódio. A média de gastos com medicamentos no primeiro ano de tratamento foi de R$73,60±194,89, sendo maior para pacientes com idades entre 10-14, 20-39 e acima de 80 anos; que iniciaram tratamento em 2000, com fraturas osteoporóticas e utilizaram calcitonina e raloxifeno. Conclusão: Maior ênfase deve ser dada à prevenção de fraturas osteoporóticas, afim de que se inicie o tratamento o mais precocemente possível, auxiliando na redução da morbi-mortalidade e dos custos com o tratamento. Além disso, deve-se priorizar a utilização de medicamentos eficazes, seguros e que apresentem baixo custo de tratamento.(AU)

Introduction: Osteoporosis is a common disease characterised by a systemic impairment of bone mass and microarchitecture that results in fragility fractures. Objective: To describe the epidemiological and demographic profile of patients with osteoporosis enrolled at the High Cost Medicines Program and their treatment expenditures, in Minas Gerais, from 2000 to 2004. Methods: We conducted a data probabilistic-deterministic linkage from records of Ministry of Health's databases (DATASUS): Outpatient Information System (APAC/SIA) and Mortality Information System (SIM), identifying individuals diagnosed with osteoporosis and related drug expenditures. Results: We identified 6596 patients with osteoporosis, most of them were female, aged 50 years or more. Most patients started drug treatment after the occurrence of osteoporotic fractures and the drug used was alendronate sodium. The average cost of medication in the first year of treatment was R$73,60±194,89. The higher expenditures were observed for patients aged 10-14, 20-39 and 80 years or more, who started treatment in 2000, with osteoporotic fractures and were treated with calcitonin and raloxifene. Conclusion: Increased emphasis should be placed for the prevention of osteoporotic fractures. Treatment must begin as early as possible, helping to reduce morbidity and mortality and treatment costs. In addition, the use of effective and low cost drugs should be prioritized.(AU)
Descritores: Osteoporose/economia
Custos de Medicamentos/estatística & dados numéricos
Medicamentos do Componente Especializado da Assistência Farmacêutica
-Osteoporose/diagnóstico
Sistema Único de Saúde
Perfil de Saúde
Brasil
Estudos Retrospectivos
Fraturas por Osteoporose/epidemiologia
Cooperação e Adesão ao Tratamento
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Lactente
Pré-Escolar
Criança
Adolescente
Adulto
Pessoa de Meia-Idade
Idoso
Idoso de 80 Anos ou mais
Responsável: BR21.1 - Biblioteca J Baeta Vianna- Campus Saúde UFMG


  8 / 30 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Id: biblio-936593
Autor: Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Assistência à Saúde. Departamento de Sistemas de Redes Assistenciais.
Título: Protocolos clínicos e diretrizes terapêuticas: medicamentos excepcionais.
Fonte: Brasília-DF; Ministério da Saúde; 2002. 602 p.
Idioma: pt.
Descritores: Protocolos Clínicos
Medicamentos do Componente Especializado da Assistência Farmacêutica
Preparações Farmacêuticas
Limites: Masculino
Feminino
Humanos
Responsável: BR276.2 - Biblioteca Doutor Orlando Costa
BR276.2; 615.2, B823p, AG


  9 / 30 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Id: biblio-935765
Autor: Brasil. Tribunal de Contas da União. Secretaria Geral de Controle Externo. Secretaria de Fiscalização e Avaliação de Programas de Governo.
Título: Avaliação do TCU sobre a ação assistência financeira para aquisição e distribuição de medicamentos excepcionais.
Fonte: Brasília-DF; TCU; 2005. 37 p.
Idioma: pt.
Descritores: Medicamentos do Componente Especializado da Assistência Farmacêutica
Medicamentos Essenciais/provisão & distribução
Limites: Masculino
Feminino
Humanos
Responsável: BR276.2 - Biblioteca Doutor Orlando Costa
BR276.2; 615.2, B823a, F, AGex.2


  10 / 30 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-878624
Autor: Beltrama, Alberto.
Título: Ampliação do acesso a medicamentos de alto custo uma análise da política brasileira / Enhancing acces to high cost pharmaceuticals analysing brazilian policies.
Fonte: Rio de Janeiro; s.n; 2002. 105 p. tab, graf, ilus.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Universidade de Estado do Rio de Janeiro para obtenção do grau de Mestre.
Resumo: INTRODUÇÃO: A assistência farmacêutica constitui parte fundamental dos serviços de atenção à saúde do cidadão. Em muitos casos, a estratégia terapêutica para a recuperação do paciente ou para redução dos riscos da doença e agravos somente é possível a partir da utilização de algum tipo de medicamento. Nessas situações, o medicamento é elemento essencial para a efetividade do processo de atenção à saúde. Nesse contexto, o direito constitucional à saúde só se materializa em sua plenitude mediante o acesso ao medicamento pelo paciente. Em pouco mais de uma década de construção do Sistema Único de Saúde (SUS), muitos avanços foram alcançados. Os problemas iniciais de sua implantação, inclusive os de ordem política e filosófica, foram superados e significativos avanços foram alcançados no tocante à sua organização e à descentralização de sua gestão nos âmbitos político-administrativo e financeiro. Vivemos, hoje, um período de consolidação do SUS onde a organização da atenção e assistência à saúde e a ampliação do acesso dos cidadãos aos serviços constituem o principal desafio para os seus gestores, nas três esferas de governo. É na área de assistência farmacêutica, no entanto, que o sistema de saúde brasileiro ainda se depara com grandes problemas e dificuldades. É aqui que ficam mais evidentes as distorções e problemas que são gerados pelas grandes desigualdades sociais e econômicas ainda existentes no país, e que determinam restrições ao pleno acesso a medicamentos. Esta situação é particularmente dramática em se tratando de medicamentos de uso ambulatorial continuado, quando o tratamento de doenças crônicas, muitas vezes com duração por toda uma vida, se torna inacessível para a maioria da população, quer pelo alto custo do medicamento quer pelo custo total do tratamento. Neste particular é fundamental a ação do poder público para combater a iniqüidade no acesso, na formulação de políticas de assistência farmacêutica de alto custo, na garantia do financiamento, na distribuição gratuita de medicamentos e na ampliação do acesso à população a estes tratamentos. OBJETIVO: O presente trabalho tem como objetivo analisar a política brasileira de medicamentos, aspectos relativos à assistência farmacêutica de alto custo no país, sua evolução, o comportamento do mercado farmacêutico, o processo de gerenciamento do chamado Programa de Medicamentos Excepcionais, a regulação da atividade, o processo de ampliação da capacidade gestora do Ministério da Saúde e dos estados nesta área e a ampliação do acesso da população a medicamentos de alto custo.

INTRODUCTION: Pharmaceutical assistance constitutes a fundamental part of the services to be provided to health care of the citizens. In many cases, the therapeutical strategy for the recovering of the patient, or to reduce the risk of the disease, is only possible when using some kind of specific pharmaceutical. In such situations pharmaceuticals are a key issue to the efectiveness of the process of health care. Constitutional Right to Health Care is only possible and feasible at its highest level upon access to pharmaceuticals by the patients. In a little over a decade of existence of the Unified Health System (SUS) many improvements have been achieved. The initial problems of its implementation, including political and phylosofical ones, were overcome and significant improvements were achieved in regards to its organization and decentralization in fields such as politicies, administration and financing. We currently live a period of consolidation of the SUS where the organization of the health care assistance and enhancing services to population represent the major challenge to its administrators in the three levels of power (federal, state and municipal levels). However, it is exactly in the pharmaceutical assistance field that the SUS is still facing major problems and difficulties. It is here that it becomes more evident the distortions and problems that are generated by the drastic social and economical disparities still existing in the country, which determine restrictions. OBJECTIVE: The present work is focused in analysing the brazilian policy of pharmaceuticals, aspects related to high cost ones, its evolution, market behaviour, management process of the so called Exceptional Pharmaceutical Program, regulating of the activity, enhancing management capacity of the Health Ministry and the states in this field and enhancing access of high cost pharmaceuticals to population. Key Wo rds: pharmaceutical assistance, pharmaceutical policies, pharmaceuticals, medicaments, high cost pharmaceuticals, exceptional medicaments
Descritores: Política Nacional de Medicamentos
Preparações Farmacêuticas/economia
Assistência Farmacêutica
-Medicamentos do Componente Especializado da Assistência Farmacêutica
Responsável: BR1.1 - BIREME



página 1 de 3 ir para página          
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde