Base de dados : LILACS
Pesquisa : Z01.433.850 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 18 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 2 ir para página        

  1 / 18 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-895287
Autor: Bonomo, Mariana; Cardoso, Grecy Kelle de Andrade; Faria, Jéssica Maria Gomes; Brasil, Julia Alves; Souza, Lídio.
Título: Os eternos estrangeiros: contato, campo afetivo e representações sociais de ciganos entre não ciganos da grande Vitória/ES / The eternal foreigners: contact, affective field and social representations of gypsies among non gypsies in the metropolitan region of Vitória/ES / Los extranjeros eternos: contacto, campo afectivo y representaciones sociales de gitanos entre no gitanos en la región metropolitana de Vitória/ES
Fonte: Pesqui. prát. psicossociais;12(3):1-19, set.-dez. 2017. tab.
Idioma: pt.
Resumo: Este trabalho investigou a elaboração do objeto social 'ciganos' entre não ciganos da Grande Vitória/ES, a partir da dimensão afetiva e dos níveis de contato em relação ao grupo cigano. Participaram do estudo 56 pessoas, com idades entre 18 e 45 anos, que apresentaram tanto sentimentos positivos quanto negativos em relação aos ciganos. Para o tratamento dos dados, coletados por meio da aplicação de questionário, utilizou-se o software EVOC e a Análise de Conteúdo Categorial. Os resultados informam que o posicionamento afetivo se organiza, principalmente, a partir das dimensões positiva 'curiosidade' e 'respeito', e negativa 'insegurança' e 'desconfiança'. Associado a esse campo de ambiguidades, entre os elementos centrais das representações de ciganos encontram-se significados como 'nomadismo' e 'cultura diferente', além de estereótipos negativos e termos que descrevem a dimensão figurativa do objeto social. Discute-se a função das representações encontradas na manutenção do preconceito e da discriminação social contra esse grupo.

This study investigated the construction of the social object 'gypsies' among non-gypsies in the metropolitan region of Vitória/ES, based on the affective dimension and the levels of contact towards the gypsy group. Fifty-six (56) individuals aged between 18 and 45 participated in the study. They presented both positive and negative feelings towards gypsies. The data were gathered through questionnaires, and then treated using the software EVOC and Categorical Content Analysis approach. The results showed that the affective field is organized mainly based on the positive dimensions 'curiosity' and 'respect', and the negative ones 'insecurity' and 'suspicion'. Associated to this field of ambiguity, among the central elements of the representations of gypsies, we found meanings such as 'nomadism' and 'different culture', as well as negative stereotypes and terms that describe the figurative dimension of the social object. This study discusses the function of these representations in the maintenance of prejudice and social discrimination against this group.

Este trabajo investigó la elaboración del objeto social 'gitanos' entre los no gitanos de la Gran Vitória/ES, a partir de la dimensión afectiva y de los niveles de contacto con relación al grupo gitano. Participaron en el estudio 56 personas de 18 a 45 años de edad que presentaron tanto sentimientos positivos como negativos con relación a los gitanos. Para el análisis de los datos, recogidos por medio de cuestionarios, se utilizó el software EVOC y el Análisis de Contenido Categorial. Los resultados informan que la posición afectiva se organiza, principalmente, a partir de las dimensiones positivas 'curiosidad' y 'respeto'; y negativas 'inseguridad' y 'desconfianza'. Asociado a este campo de ambigüedades, entre los elementos centrales de las representaciones de gitanos, se encuentran significados como 'nomadismo' y 'cultura diferente', además de estereotipos negativos y términos que describen la dimensión figurativa del objeto social. Se discute la función de las representaciones encontradas en el mantenimiento del prejuicio y de la discriminación social contra este grupo.
Descritores: Desejabilidade Social
Roma
-Psicologia Social
Relações Raciais
Estereotipagem
Grupos Populacionais
Relações Interpessoais
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Responsável: BR378.1 - Biblioteca Central


  2 / 18 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Souza, Lídio de
Texto completo
Id: biblio-1040883
Autor: Brasil, Julia Alves; Bonomo, Mariana; Nascimento, Amandha Gyselle Martins; Livramento, André Mota; Souza, Lídio de.
Título: Ancoragem psicossocial a partir dos sentimentos negativamente valorados: representações sociais de ciganos / Psychosocial anchorage based on negatively valued feelings: social representations of gypsies / Anclaje psicosocial a partir de los sentimientos negativamente valorados: representaciones sociales de gitanos
Fonte: Psicol. rev. (Belo Horizonte);24(2):616-637, maio-ago. 2018. ilus, tab.
Idioma: pt.
Resumo: Tendo como referência a abordagem não consensual da teoria das representações sociais, este trabalho teve como objetivo investigar como se articulam as representações sociais e a dimensão afetiva associadas ao objeto social "ciganos", entre população não cigana da Grande Vitória-ES. Foram desenvolvidos dois estudos complementares com (1) 108 estudantes universitários e (2) 10 sujeitos que associaram sentimentos de valoração negativa aos ciganos. A coleta dos dados foi realizada por meio da aplicação de questionário e de entrevista em profundidade, e o tratamento das informações obtidas foi conduzido com o auxílio dos softwares SPAD-T e Alceste. Os resultados indicaram a (re)produção de estereótipos negativos vinculados aos ciganos e a dimensão afetiva fortemente marcada por medo e aversão, núcleo de preconceito e discriminação contra os ciganos.

Having as a reference the non-consensual approach of the Theory of Social Representations, this study aimed to investigate how the social representations and the affective dimension associated with the social object "Gypsies" among non-Gypsy population within the metropolitan area of Vitória-ES. Two complementary studies were developed with (1) 108 college students and (2) 10 subjects who linked feelings of negative assessment towards the Gypsies. Data collection was performed by applying a questionnaire and in-depth interview and the handling of the obtained information was processed with the help of SPAD-T and Alceste softwares. The results showed the (re)production of negative stereotypes linked to Gypsies and the affective dimension strongly marked by fear and aversion, core of prejudice and discrimination against Gypsies.

En este trabajo se analizan las relaciones sociales y la dimensión afectiva asociadas al objeto social "gitanos", entre población no gitana de la Gran Victoria-ES, teniendo como referencia el abordaje no consensuado de la Teoría de las Representaciones Sociales. Dos estudios complementarios fueron desarrollados con (1) 108 estudiantes universitarios y (2) 10 sujetos que asociaron sentimientos de valoración negativa a los gitanos. La recolección de los datos fue realizada por medio de la aplicación de cuestionario y de entrevista en profundidad y el tratamiento de las informaciones obtenidas fue conducido con la ayuda del software SPAD-T y Alceste. Los resultados indicaron la (re) producción de estereotipos negativos vinculados con los gitanos y la dimensión afectiva fuertemente marcada por miedo y aversión, núcleo de prejuicio y discriminación contra los gitanos.
Descritores: Estereotipagem
Roma
Relações Interpessoais
Responsável: BR370.1 - Biblioteca Central


  3 / 18 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1013046
Autor: Vanderlei, Lygia Carmen de Moraes; Frias, Paulo Germano de.
Título: Death surveillance as an instrument to reduce invisibility from social and assistance exclusion of women and children / A vigilância do óbito como instrumento para reduzir a invisibilidade da exclusão social e assistencial de mulheres e crianças
Fonte: Rev. Bras. Saúde Mater. Infant. (Online);17(4):633-634, Oct.-Dec. 2017.
Idioma: en.
Descritores: Mortalidade Infantil
Equidade no Acesso aos Serviços de Saúde
Mortalidade Fetal
Morte Materna
Monitoramento Epidemiológico
Marginalização Social
-Organização Mundial da Saúde
Pessoas em Situação de Rua
Roma
Mortalidade
Políticas Públicas de Saúde
Grupos Populacionais
Serviços de Saúde Materno-Infantil
Objetivos de Desenvolvimento do Milênio
FREEDOMABATTOIRS
Limites: Humanos
Feminino
Gravidez
Criança
Tipo de Publ: Editorial
Responsável: BR663.1 - Biblioteca da Saúde da Mulher e da Criança


  4 / 18 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1020204
Autor: Cardoso, Grecy Kelle Andrade; Bonomo, Mariana.
Título: Infância Calin: Socialização Étnica e Identidade Social entre Crianças Ciganas / Calin Childhood: Ethnic Socialization and Social Identity Among Gypsy Children / Infancia Calín: Socialización Étnica e Identidad Social entre Niños Gitanos
Fonte: Psicol. ciênc. prof;39(spe):67-84, 2019. tab, graf.
Idioma: pt.
Resumo: Compreendendo fases sucessivas do momento de proteção, aprendizagem e preparação para se tornarem adultas, na infância, as crianças ciganas vão sendo formadas para uma vida em grupo e voltada para o núcleo familiar. A partir dos conceitos de socialização étnica e de identidade social, o estudo foi desenvolvido com o objetivo de analisar o universo psicossocial da infância calin entre crianças de etnia calon no estado do Espírito Santo. Participaram do estudo sete crianças, com idades entre 4 e 12 anos, que compõem a terceira geração da comunidade, a primeira após processo de fixação territorial. As entrevistas foram orientadas por um roteiro semiestruturado explorando os universos da lei cigana, tradições do grupo e vivências cotidianas, bem como técnicas de desenho a fim de conhecer as imagens de si, da família e de futuro. Todas as entrevistas foram realizadas no acampamento cigano e os dados foram analisados por meio da análise de conteúdo temática. Os principais resultados demonstraram que as crianças calin destacam em suas narrativas a vivência da lei cigana e das tradições por meio do uso de vestimentas típicas e da língua caló, moradia em tendas e obediência às normas para o matrimônio, bem como relatam rotinas envolvendo brincadeiras, escolarização e atividades de mediação para o universo adulto. Nesse contexto, manifestam-se movimentos de resistência do grupo, em que a nova geração teria como tarefa manter os elementos identitários essenciais da cultura cigana e criar recursos para manutenção de sua sociabilidade em trânsito nas fronteiras com o mundo não cigano....(AU)

Comprising successive phases of the moment of protection, learning and preparation to become adults, gypsy children are being raised for a life in group and geared towards the family nucleus. Based on the concepts of ethnic socialization and social identity, the study was developed in order to analyze the psychosocial universe of Calin childhood among Calon children in the State of Espírito Santo. Seven children aged between 4 and 12 years participated in the study. They make up the third generation of the community, the first one after the process of territorial settlement. The interviews were guided by a semi-structured script exploring the universes of Gypsy law, group traditions and everyday experiences, as well as drawing techniques in order to know the images of oneself, the family and the future. All the interviews were carried out in the Gypsy camp and the data were analyzed through the thematic content analysis approach. The main results showed that Calin children emphasize in their narratives the experience of Gypsy law and traditions through the use of typical dress and Caló language, residence in tents and obedience to norms for marriage, as well as routines involving games, schooling and mediation activities for the adult universe. In this scenario, the resistance movements of the group rise, in which the new generation will have to protect the essential identity elements of the Gypsy culture and create resources to maintain their sociability in transit on the borders with the non-Gypsy world....(AU)

En la infancia, los niños gitanos se van formando para una vida en grupo y orientada hacia el núcleo familiar, comprendiendo fases sucesivas del momento de protección, aprendizaje y preparación para hacerse adultos, en la infancia. A partir de los conceptos de socialización étnica y de identidad social, el estudio fue desarrollado con el objetivo de analizar el universo psicosocial de la infancia calin entre niños de etnia calon en el estado de Espírito Santo. Participaron del estudio 7 niños, entre 04 y 12 años de edad, que componen la tercera generación de la comunidad, la primera después del proceso de fijación territorial. Las entrevistas fueron orientadas por un guion semiestructurado explorando los universos de la ley gitana, tradiciones del grupo y vivencias cotidianas, así como técnicas de dibujo a fin de conocer las imágenes de sí, de la familia y del futuro. Todas las entrevistas se realizaron en el campamento gitano y los datos fueron analizados por medio del análisis de contenido temático. Los principales resultados demostraron que los niños calin destacan en sus narrativas la vivencia de la ley gitana y de las tradiciones por medio del uso de ropas típicas y de la lengua caló, vivienda en tiendas y obediencia a las normas para el matrimonio, así como también relatan rutinas que involucran juegos, escolarización y actividades de mediación para el universo adulto. En este contexto, se manifiestan movimientos de resistencia del grupo, en el que la nueva generación tendría como tarea mantener los elementos identitarios esenciales de la cultura gitana y crear recursos para mantener su sociabilidad en tránsito en las fronteras con el mundo no gitano....(AU)
Descritores: Psicologia
Identificação Social
Roma
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Pré-Escolar
Criança
Responsável: BR1552.1 - Biblioteca Central


  5 / 18 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1017272
Autor: Cardoso, Grecy Kelle Andrade; Bonomo, Mariana.
Título: Infância Calin: Socialização Étnica e Identidade Social entre Crianças Ciganas / Calin Childhood: Ethnic Socialization and Social Identity Among Gypsy Children / Infancia Calín: Socialización Étnica e Identidad Social entre Niños Gitanos
Fonte: Psicol. ciênc. prof;39(spe):67-84, jan./ Mar.2019. tab, ilus.
Idioma: pt.
Resumo: Compreendendo fases sucessivas do momento de proteção, aprendizagem e preparação para se tornarem adultas, na infância, as crianças ciganas vão sendo formadas para uma vida em grupo e voltada para o núcleo familiar. A partir dos conceitos de socialização étnica e de identidade social, o estudo foi desenvolvido com o objetivo de analisar o universo psicossocial da infância calin entre crianças de etnia calon no estado do Espírito Santo. Participaram do estudo sete crianças, com idades entre 4 e 12 anos, que compõem a terceira geração da comunidade, a primeira após processo de fixação territorial. As entrevistas foram orientadas por um roteiro semiestruturado explorando os universos da lei cigana, tradições do grupo e vivências cotidianas, bem como técnicas de desenho a fim de conhecer as imagens de si, da família e de futuro. Todas as entrevistas foram realizadas no acampamento cigano e os dados foram analisados por meio da análise de conteúdo temática. Os principais resultados demonstraram que as crianças calin destacam em suas narrativas a vivência da lei cigana e das tradições por meio do uso de vestimentas típicas e da língua caló, moradia em tendas e obediência às normas para o matrimônio, bem como relatam rotinas envolvendo brincadeiras, escolarização e atividades de mediação para o universo adulto....(AU)

Comprising successive phases of the moment of protection, learning and preparation to become adults, gypsy children are being raised for a life in group and geared towards the family nucleus. Based on the concepts of ethnic socialization and social identity, the study was developed in order to analyze the psychosocial universe of Calin childhood among Calon children in the State of Espírito Santo. Seven children aged between 4 and 12 years participated in the study. They make up the third generation of the community, the first one after the process of territorial settlement. The interviews were guided by a semi-structured script exploring the universes of Gypsy law, group traditions and everyday experiences, as well as drawing techniques in order to know the images of oneself, the family and the future. All the interviews were carried out in the Gypsy camp and the data were analyzed through the thematic content analysis approach. The main results showed that Calin children emphasize in their narratives the experience of Gypsy law and traditions through the use of typical dress and Caló language, residence in tents and obedience to norms for marriage, as well as routines involving games, schooling and mediation activities for the adult universe. In this scenario, the resistance movements of the group rise, in which the new generation will have to protect the essential identity elements of the Gypsy culture and create resources to maintain their sociability in transit on the borders with the non-Gypsy world....(AU)

En la infancia, los niños gitanos se van formando para una vida en grupo y orientada hacia el núcleo familiar, comprendiendo fases sucesivas del momento de protección, aprendizaje y preparación para hacerse adultos, en la infancia. A partir de los conceptos de socializaciónétnica y de identidad social, el estudio fue desarrollado con el objetivo de analizar el universo psicosocial de la infancia calin entre niños de etnia calon en el estado de Espírito Santo. Participaron del estudio 7 niños, entre 04 y 12 años de edad, que componen la tercera generación de la comunidad, la primera después del proceso de fijación territorial. Las entrevistas fueron orientadas por un guion semiestructurado explorando los universos de la ley gitana, tradiciones del grupo y vivencias cotidianas, así como técnicas de dibujo a fin de conocer las imágenes de sí, de la familia y del futuro. Todas las entrevistas se realizaron en el campamento gitano y los datos fueron analizados por medio del análisis de contenido temático. Los principales resultados demostraron que los niños calin destacan en sus narrativas la vivencia de la ley gitana y de las tradiciones por medio del uso de ropas típicas y de la lengua caló, vivienda en tiendas y obediencia a las normas para el matrimonio, así como también relatan rutinas que involucran juegos, escolarización y actividades de mediación para el universo adulto. En este contexto, se manifiestan movimientos de resistencia del grupo, en el que la nueva generación tendría como tarea mantener los elementos identitarios esenciales de la cultura gitana y crear recursos para mantener su sociabilidad en tránsito en las fronteras con el mundo no gitano....(AU)
Descritores: Socialização
Roma
Creches
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Pré-Escolar
Criança
Responsável: BR1552.1 - Biblioteca Central


  6 / 18 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Texto completo
Id: biblio-971865
Autor: Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Gestão Estratégica e Participativa.Departamento de Apoio à Gestão Participativa.
Título: Subsídios para o cuidado à saúde do povo cigano.
Fonte: Brasília; Ministério da Saúde; set. 2016. 43 p. ilus, map, tab.
Idioma: pt.
Descritores: Roma/educação
Roma/história
Roma/estatística & dados numéricos
Grupos Étnicos
-Grupos de Populações Continentais/educação
Grupos de Populações Continentais/história
Grupos Populacionais
Assentamentos Humanos/história
Acampamento
Saúde das Minorias/história
Saúde das Minorias/estatística & dados numéricos
Saúde das Minorias/tendências
Grupos Minoritários
Limites: Humanos
Tipo de Publ: GOVERNMENT PUBLICATIONS
Responsável: BR599.1 - Coordenação Geral de Documentação e Informação (CGDI)
ACERVO DIGITAL


  7 / 18 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Id: lil-750901
Autor: Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Gestão Estratégica e Participativa. Departamento de Apoio à Gestão Participativa.
Título: Políticas de promoção da equidade em saúde / Policy to promote equity in health / Politicas de promoción de la equidad en salud.
Fonte: Brasília; Brasil. Ministério da Saúde; 2012. 14 p. ilus. (B. Textos Básicos de Saúde).
Idioma: pt.
Descritores: Grupo com Ancestrais do Continente Africano
Equidade em Saúde
Política de Saúde
Promoção da Saúde
Homossexualidade Feminina
Homossexualidade Masculina
Roma
População Rural
-Brasil
Limites: Humanos
Tipo de Publ: GOVERNMENT PUBLICATIONS
Responsável: BR599.1 - Coordenação Geral de Documentação e Informação (CGDI)


  8 / 18 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-740638
Autor: Balmaceda, Daniel.
Título: San Martín casi muere en Roma / San Martín nearly died in Rome
Fonte: Rev. med. Rosario;80(3):135-135, sept.-dic. 2014.
Idioma: es.
Resumo: La nota hace referencia a las crisisconvulsivas sufridas por el libertador General José de San Martín durante su estancia en la ciudad de Roma a mediados del Siglo XIX.

The note refers to theseizures suffered by José de San Martín during his stay in Rome in the mid- nineteenth century.
Descritores: Epilepsia
Nível de Saúde
-Argentina
História do Século XIX
Roma
Limites: Humanos
Idoso
História do Século XIX
Tipo de Publ: Artigo Histórico
Responsável: AR16.1 - Biblioteca


  9 / 18 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-731545
Autor: Fabrizzi, Antonio.
Título: Centro dia para idosos frágeis: recursos para a promoção de qualidade de vida / Day center for the frail elderly: resources for the promotion of quality of life
Fonte: Estud. interdiscip. envelhec;18(2):227-255, dez. 2013. tab, graf, ilus.
Idioma: pt.
Resumo: O progressivo envelhecimento da população comporta um aumento no número de pessoas idosas que apresentam problemas de natureza biológica, psicológica, sociológica e de relações sociais e interpessoais. Estima-se que em 2030, os velhos com mais de 65 anos constituirão um quarto da população que compreende os atuais países da União Europeia. Nem sempre são difundidos os serviços que podem responder adequadamente às múltiplas exigências dos velhos. Entre os problemas mais emergentes, aparecem a solidão, a ausência de espaços de relação, os temores crescentes de marginalização, as agressões (especialmente nas grandes cidades) e o medo da doença e da invalidez. Outro problema são as perdas decorrentes do declínio cognitivo e afetivo. A partir desse estudo, percebe-se que a família e o grupo de assistência raramente são preparados de modo apropriado para enfrentar as novas demandas e as dificuldades que se manifestam ainda sob o plano clínico. A família com frequência esforça-se para apoiar e ajudar os idosos, mas mesmo assim tem-se consciência da importância de novas estruturas e serviços locais em condições de satisfazer as exigências da população idosa. Nesse contexto, o Centro Dia de Idosos Frágeis representa uma resposta qualificada às necessidades que emergem; de fato, permite ao idoso permanecer no próprio domicílio, às suas famílias continuarem próximas aos seus idosos e à comunidade reduzir custos.

The progressive ageing of the population carries an increase in the number of elderly people who have problems of biological, psychological,and sociological nature, and also of social and interpersonal relationships. It is estimated that in 2030, the old over 65 years constitute one quarter of the population that comprises the current European Union countries. The services that can respond adequately to the varied needs of the aged are not often distributed. Among the most emergent problems, appears loneliness, lack of opportunities for relationship, the growing fears of marginalization, the aggressions (especially in big cities) and the fear of disease and disability. Another problem is the loss from cognitive and affective decline. From this study, we find out that the family and the support group are rarely prepared in an appropriate way to face new demands and difficulties that arise even under the clinical level. The family often struggles to support and assist the elderly, yet one is aware of the importance of new local facilities and services capable of satisfying the requirements of the elderly population. In this context, the Day Center for the frail elderly is a qualified answer to the needs that emerge as it allows the elderly to stay at their homes, their families to remain close to their elders and the community to reduce costs.
Descritores: Envelhecimento/psicologia
Serviços de Saúde para Idosos
Idoso Fragilizado/psicologia
Qualidade de Vida/psicologia
Apoio Social
-Roma
Responsável: BR574.2 - Biblioteca


  10 / 18 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Id: lil-687536
Autor: Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Gestão Estratégica e Participativa. Departamento de Apoio à Gestão Participativa.
Título: Políticas de promoção da equidade em saúde / Policie to promote equity in health / Politicas de promoción de la equidad en salud.
Fonte: Brasília; Brasil. Ministério da Saúde; 2012. 14 p. ilus. (B. Textos Básicos de Saúde).
Idioma: pt.
Descritores: Grupo com Ancestrais do Continente Africano
Equidade em Saúde
Política de Saúde
Promoção da Saúde
Homossexualidade Feminina
Homossexualidade Masculina
Roma
População Rural
-Brasil
Limites: Humanos
Tipo de Publ: GOVERNMENT PUBLICATIONS
Responsável: BR599.1 - Coordenação Geral de Documentação e Informação (CGDI)
BR599.1; 35:614, B823p, MT, 10000. 10002016417; BR599.1; 35:614, B823p, e.2, AG. 10002016418



página 1 de 2 ir para página        
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde