Base de dados : LILACS
Pesquisa : Estudos de Psicologia (Natal) - LILACS
Referências encontradas : 816 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 82 ir para página                         

  1 / 816 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-359990
Autor: Bilsky, Wolfgang.
Título: A Teoria das Facetas: noções básicas / Facet Theory: basic notions
Fonte: Estud. psicol. (Natal);8(3):357-365, set.-dez. 2003. ilus, tab, graf.
Idioma: pt.
Projeto: CNPq.
Resumo: A Teoria das Facetas é um procedimento de pesquisa metateórico. Ela oferece um marco de referência formal que facilita o desenvolvimento de teorias e o estabelecimento de hipóteses, utiliza métodos que requerem um mínimo de restrições estatísticas e inter-relaciona sistematicamente delineamento de pesquisa, coleta de dados e análise estatística. Neste artigo esboçam-se os componentes básicos desta teoria, ilustra-se a aplicação da análise da estrutura de similaridades - um método freqüentemente empregado no contexto da Teoria das Facetas - e esquematizam-se os diversos papéis que as facetas desempenham na análise multidimensional. Isto é realizado usando como ilustração exemplos advindos da pesquisa de motivação e de valores, bem como estudos sobre medo do delito.
Descritores: Pesquisa/instrumentação
Projetos de Pesquisa
-Brasil
Responsável: BR1274.1 - Biblioteca Central Zila Mamede


  2 / 816 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-349838
Autor: Resende, Briseida Dôgo de; Ottoni, Eduardo B.
Título: Brincadeira e aprendizagem do uso de ferramentas em macacos-prego (Cebus apella) / Play and tool use learning in tufted capuchin monkeys (Cebus apella)
Fonte: Estud. psicol. (Natal);7(1):173-180, jan. 2002. tab, graf.
Idioma: pt.
Projeto: FAPESP.
Resumo: Nossa pesquisa tem como objetivo estudar o desenvolvimento dos infantes e juvenis de um grupo de macacos-prego (Cebus apella) em condiçäo de semiliberdade, com ênfase nos comportamentos manipulativos. No presente estudo, relacionamos o aparecimento do uso de instrumentos para quebra de cocos com a brincadeira social e com a brincadeira com objetos. A brincadeira social ocorreu predominantemente em infantes e juvenis. A brincadeira com objetos, muitas vezes indistinguível das atividades exploratórias, aumentou durante o primeiro ano de vida. A manipulaçäo exploratória de pedras constitui uma oportunidade importante para a aprendizagem individual, por tentativa-e-erro, do uso de instrumentos para quebrar cocos, que surge entre o segundo e o terceiro anos de vida. A brincadeira social parece facilitar a tolerância entre os sujeitos, o que favoreceria a aprendizagem por observaçäo dos episódios de quebra
Descritores: Jogos e Brinquedos
Primatas
Cebus/psicologia
Comportamento de Utilização de Ferramentas
Aprendizagem
-Comportamento Animal
Brasil
Limites: Animais
Masculino
Feminino
Responsável: BR1274.1 - Biblioteca Central Zila Mamede


  3 / 816 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Yamamoto, Maria Emília
Texto completo
Id: lil-349837
Autor: Spinelli, Luísa Helena Pinheiro; Yamamoto, Maria Emília; Nascimento, LÌdio FranÁa do.
Título: Identificação e descrição da brincadeira em uma espécie pouco estudada, o boto cinza (Sotalia fluviatilis), em seu ambiente natural / Identification and description of play in a scarcely studied species, the tucuxi (Sotalia fluviatilis) in a field site
Fonte: Estud. psicol. (Natal);7(1):165-171, jan. 2002. ilus, graf.
Idioma: pt.
Projeto: CNPq.
Resumo: Comportamentos de brincadeira säo fáceis de identificar, mas difíceis de definir. Sua ocorrência é mais freqüente em animais jovens, apresentando algumas características comuns: falta de funçäo aparente, utilizaçäo de comportamentos específicos da espécie de forma exagerada em intensidade ou número de repetiçöes. Estudamos a brincadeira em uma espécie pouco conhecida, o boto cinza, durante 18 meses, na Praia de Pipa, RN. Definimos seis categorias de brincadeira: com objeto, de forrageio, locomotora, surf, social e de impulsäo. Os comportamentos descritos ocorreram quando havia filhotes nos grupos observados. Sugerimos que alguns tipos de brincadeira possibilitam o exercício da musculatura, enquanto que outras também permitem o desenvolvimento de relaçöes sociais. A brincadeira com objetos e de forrageio treinam o animal para a pesca, habilidade complexa que deve dominar antes de se tornar independente. Nossos dados sugerem que, à semelhança dos mamíferos terrestres, nos mamíferos aquáticos a brincadeira tem funçäo adaptativa, preparando o indivíduo para a vida adulta
Descritores: Jogos e Brinquedos
Comportamento Animal
Golfinhos/psicologia
Etologia
-Brasil
Limites: Animais
Responsável: BR1274.1 - Biblioteca Central Zila Mamede


  4 / 816 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-353019
Autor: Gouveia, Valdiney V; Clemente, Miguel.
Título: O individualismo-coletivismo no Brasil e na Espanha: correlatos sócio-demográficos / Individualim-collectivism in Brazil and Spain: socio-demographic correlates
Fonte: Estud. psicol. (Natal);5(2):317-346, jul.-dez. 2000. tab.
Idioma: pt.
Projeto: CAPES.
Resumo: O presente estudo pretendeu conhecer os correlatos sócio-demográficos do individualismo-coletivismo, considerando três cidades do Brasil (João Pessoa, Brasília e São Paulo) e três da Espanha (Pontevedra, Madri e Barcelona). Um total de 471 brasileiros e 476 espanhóis, estudantes universitários de diversos contextos sócio-demográficos, providenciaram os dados; a maioria era do sexo feminino (76 por cento) e solteiro (91 por cento), com uma média de idade de 22 anos (amplitude de 16 a 55 anos). Estes responderam ao Questionário de Individualismo-Coletivismo e ao Questionário Sócio-Demográfico. Os resultados indicaram que as seguintes variáveis se correlacionaram sistematicamente com a dimensão individualismo-coletivismo: intensidade das amizades, identificação endogrupal e gênero, nesta ordem. Comprovou-se, também, que algumas variáveis são mais adequadas em um país que em outro; por exemplo, a religiosidade no Brasil e o número de amigos íntimos na Espanha. Tais resultados são discutidos à luz dos previamente encontrados na literatura
Descritores: Valores Sociais
Espanha
Brasil
Comportamento Cooperativo
Cultura
Individuação
-Psicologia Social
Estudantes/psicologia
Inquéritos e Questionários
Educação Superior
Limites: Seres Humanos
Masculino
Feminino
Adolescente
Adulto
Meia-Idade
Responsável: BR1274.1 - Biblioteca Central Zila Mamede


  5 / 816 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-787480
Autor: Guareschi, Neuza Maria de Fátima; Lara, Lutiane de; Ecker, Daniel Dall'Igna.
Título: A internação compulsória como estratégia de governamentalização de adolescentes usuários de drogas / The compulsory hospitalization as a governmentalization strategy for the adolescent drug users / El internamiento como estrategia de gobernamentalización de adolescentes consumidores de drogas
Fonte: Estud. psicol. (Natal);21(1):25-35tab.
Idioma: pt.
Projeto: MCTI/CNPq.
Resumo: Resumo Este artigo tem como objetivo problematizar a internação compulsória de adolescentes usuários de drogas em um serviço de saúde mental de Porto Alegre/RS a partir da noção de Biopolítica, proposta por Michel Foucault. Assim, primeiramente, descrevemos o processo de internação compulsória e os percursos dos jovens no serviço para depois avançarmos na análise da internação compulsória como uma estratégia de governamentalização da vida. Esta análise leva para a desnaturalização das ações contemporâneas do Estado direcionadas aos adolescentes usuários de drogas e aos atravessamentos dos interesses de mercado que operam no contexto dessa política. Por fim, apontamos a suspensão dos elementos universais que permeiam a temática das drogas como possibilidade de ruptura dos padrões de cuidado até então colocados no campo da saúde.

Abstract This article aims to discuss the compulsory hospitalization of adolescent drug users in a mental health service in the city of Porto Alegre/RS from the notion of Bio-politics, proposed by Michel Foucault. So, first, we describe the process of compulsory hospitalization and the passages of young people in the service, and thus we move to the analysis of compulsory hospitalization as a strategy of governmentalization of life. This analysis leads to the denaturalization of contemporary state actions directed to adolescent's drug users and the crossings market interests operating in the context of this policy. Finally, we point to the suspension of the universal elements that permeate the theme of drugs as a possibility to break off the standards of care placed in the health field.

Resumen Ese artículo tiene como objetivo problematizar el internamiento forzado de adolescentes consumidores de drogas en un servicio de salud mental de Porto Alegre/RS a partir de la noción de la Biopolítica, propuesta por Michel Foucault. Así, primero, describimos el proceso de internamiento forzado y el camino de los jóvenes en el servicio investigado como un fenómeno inherente al campo de la problemática de las racionalidades del gobierno de las conductas. Análisis que desnaturaliza las acciones de hoy día del Estado dirigidas a los adolescentes consumidores de drogas al discutir los intereses del mercado que operan en el contexto de esa política. Por último, apuntamos la suspensión de los elementos universales que permean la temática como posibilidad de rotura de los patrones de cuidado hasta el momento colocados en el campo.
Descritores: Saúde Mental
Adolescente
Usuários de Drogas/psicologia
Tratamento Involuntário
Tratamento Psiquiátrico Involuntário
-Brasil
Serviços de Saúde Mental
Limites: Seres Humanos
Masculino
Feminino
Adolescente
Responsável: BR1274.1 - Biblioteca Central Zila Mamede


  6 / 816 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-468055
Autor: Colaço, Veriana de Fátima Rodrigues; Pereira, Eleonora; Pereira Neto, Francisco Edmar; Chaves, Hamilton Viana; Sá, Ticiana Santiago de.
Título: Estratégias de mediação em situação de interação entre crianças em sala de aula / Strategies of mediating children's interaction situations in classroom
Fonte: Estud. psicol. (Natal);12(1):47-56, jan.-abr. 2007.
Idioma: pt.
Resumo: O presente artigo apresenta os resultados de uma pesquisa cujo objetivo era investigar as estratégias de mediação simbólica em situações de interação entre crianças em sala de aula, que possibilitam a construção de conhecimento compartilhado e de subjetividades. O estudo foi realizado em duas turmas de quarta série do ensino fundamental de uma escola particular da cidade de Fortaleza. Foram tomadas como unidade de análise as atividades discursivas de dois grupos de quatros crianças, quando realizavam conjuntamente tarefas escolares. A partir de um enfoque teórico-metodológico fundamentado na perspectiva histórico-cultural de Lev Vygotsky e na teoria da linguagem de Mikhail Bakhtin, os diálogos das crianças foram analisados, identificando-se estratégias de natureza semiótica que potencializam o aprendizado e a emergência de zona de desenvolvimento proximal nas situações de interação das crianças, ao mesmo tempo em que formas de comunicação e conduta eram forjadas no jogo de papéis que se constituíam nessas interações.

The present paper has provided research results that aimed at investigating strategies symbolically mediating children's interaction situations in classroom enabling common knowledge and subjectivity construction. We have studied two primary school classes of the fourth year in a private school in Fortaleza, Ceará. We have analysed discursive activities of two four-child groups who worked together in learning tasks. We have focused on children's dialogues, identifying semiotic strategies enabling learning and proximal development zone emergence in children's interaction situations, all from a theoretical and methodological viewpoint based upon the historical and cultural perspective by Lev Vygotsky and the language theory by Mikhail Bakhtin, while communication and conduct practices were created in the game of roles that were formed in these interactions.
Descritores: Aprendizagem
Comportamento Social
Comunicação
Conhecimento
Desenvolvimento Infantil
Desenvolvimento da Personalidade
Linguística/educação
-Gravação em Vídeo/métodos
Limites: Seres Humanos
Masculino
Feminino
Criança
Responsável: BR1274.1 - Biblioteca Central Zila Mamede


  7 / 816 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-953536
Autor: Conde, Erick Francisco Quintas; Fraga Filho, Roberto Sena; Lameira, Allan Pablo; Riggio, Lucia; Gawryszewski, Luiz G.
Título: Stimulus-response dimensional overlap elicits a decreasing Simon effect along the vertical dimension / A sobreposição dimensional entre o estímulo e a resposta na dimensão vertical provoca um decaimento do efeito Simon / Superposición dimensional induce la disminución del efecto Simon en la dimensión vertical
Fonte: Estud. psicol. (Natal);22(4):358-365, out.-dez. 2017. ilus, graf.
Idioma: en.
Projeto: Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; . Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; . Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Rio de Janeiro; . Universidade Federal Fluminense. FAPESQ/PROPPi.
Resumo: In Simon task, the response is faster when stimulus and response locations are spatially correspondent than when they are on opposite sides (Simon effect - SE). The SE was found with both horizontal and vertical stimulus-response arrangements. The horizontal SE decreases as reaction times increase. In contrast, the vertical SE does not decay over time. In this work, we investigate the vertical SE when both stimuli and responses are located along the vertical dimension. Results showed a decreasing SE occurring along the vertical dimension suggesting that similar underlying mechanisms may be involved both for the horizontal and vertical Simon effects.

Na tarefa de Simon, a resposta é mais rápida quando os locais do estímulo e da resposta são espacialmente correspondentes do que quando estão em lados opostos (efeito Simon - ES). O ES foi observado ao longo das dimensões horizontal e vertical. O ES horizontal diminui à medida que aumenta o tempo de reação, o que não ocorre com o ES vertical. Neste trabalho, investigamos o ES vertical com estímulos e respostas localizados ambos ao longo da dimensão vertical. Os resultados mostraram um ES decrescente na dimensão vertical sugerindo que mecanismos semelhantes estão envolvidos nos efeitos Simon horizontal e vertical.

En la tarea de Simón, la respuesta es más rápida cuando el estímulo y la respuesta son espacialmente correspondientes que cuando están en lados opuestos (efecto Simon - ES). La ES se observó en las dimensiones horizontal y vertical. El ES horizontal disminuye con el aumento del tiempo de reacción, lo que no ocurre con ES vertical. En este trabajo, se investigó el ES vertical con estímulos y respuestas situadas en la dimensión vertical. Los resultados mostraron una disminución del ES en la dimensión vertical lo que sugiere que mecanismos similares están implicados en los efectos Simon horizontal y vertical.
Descritores: Psicologia
Dimensão Vertical
Expressão Facial
-Brasil
Análise de Variância
Limites: Seres Humanos
Masculino
Feminino
Adolescente
Adulto
Responsável: BR1274.1 - Biblioteca Central Zila Mamede


  8 / 816 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-356722
Autor: Moser, Gabriel.
Título: Examinando a congruência pessoa-ambiente: o principal desafio para a Psicologia Ambiental / Examinando la congruencia persona-ambiente: el principal desafío para la psicología ambiental
Fonte: Estud. psicol. (Natal);8(2):331-333, maio-ago. 2003. tab.
Idioma: pt.
Descritores: Qualidade de Vida
Meio Ambiente
Psicologia Ambiental
-Brasil
Responsável: BR1274.1 - Biblioteca Central Zila Mamede


  9 / 816 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-356721
Autor: Aragonés, Juan Ignacio.
Título: Los desarrollos de la Psicología Ambiental en los próximos años / The developments of Environmental Psychology in the coming years
Fonte: Estud. psicol. (Natal);8(2):329-330, maio-ago. 2003.
Idioma: es.
Descritores: Psicologia Social
Meio Ambiente
Psicologia Ambiental
Responsável: BR1274.1 - Biblioteca Central Zila Mamede


  10 / 816 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-356718
Autor: Castro, Paula.
Título: Pensar a natureza e o ambiente: alguns contributos a partir da Teoria das Representações Sociais / Thinking about nature and the environment: some contributions from Social Representations Theory
Fonte: Estud. psicol. (Natal);8(2):263-271, maio-ago. 2003. graf.
Idioma: pt.
Resumo: Este artigo apresenta dois estudos conduzidos em Portugal, sob a orientação da Teoria das Representações Sociais (TRS), que analisaram como os portugueses pensam e falam sobre o ambiente e a natureza. É primeiro apresentada uma perspectiva geral do campo de estudos das crenças e atitudes em relação ao ambiente e à natureza e são esboçadas as ideias da TRS que podem contribuir para suprir algumas das suas lacunas. Depois é sumarizado um primeiro estudo por questionário que procurou identificar as representações do ambiente em Portugal. Para responder a questões levantadas pelos resultados deste primeiro estudo foi feito um segundo, com grupos de discussão, e apresentam-se as principais características dos quatro discursos que foram identificados com este. Nas conclusões discute-se qual o valor acrescentado da TRS para este campo, em termos de maior integração teórica e do aprofundamento do diálogo entre os vários quadros teóricos que mais estruturam o campo.
Descritores: Natureza
Meio Ambiente
Psicologia Ambiental
-Portugal
Psicologia Social
Inquéritos e Questionários
Limites: Seres Humanos
Responsável: BR1274.1 - Biblioteca Central Zila Mamede



página 1 de 82 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde