Base de dados : BBO
Pesquisa : C07.793.818.124 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 175 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Longo]

página 1 de 18 ir para página                         

  1 / 175 BBO  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Masuda, Milton Satoiuqui
Texto completo
Id: 44918
Autor: KINOSHITA, Rafaela Yoshie Oliveira; SGURA, Ricardo; REIS, Mariana Cavalcante; MASUDA, Milton Satoiuqui; PRAZERES, Paulo Sérgio Lopes; ROMÃO-JÚNIOR, Waldyr; FRANCCI, Carlos Eduardo; DEVITO-MORAES, André Guaraci.
Título: Effect of whitening dentifrices on surface roughness of dental nanofiller-based composites. Stereomycroscopyand AFM analysis / Efeito de dentifrícios clareadores na rugosidade superficial de compósitos de nanoparticulados. Estereomicroscopia e AFM
Fonte: Braz. dent. sci;19(3):65-74, 2016. ilus, graf.
Idioma: en.
Resumo: Objective: the aim of this study was to assess the effects of whitening dentifrices on the surface roughness of three commercial nanofiller-based composite. Material and Methods: two optical analyses were performed: stereomicroscopy and atomic force microscopy (AFM). Disks (8.0 diam. x 2.0 mm thick.) of the nanocomposite Z350 (3M ESPE) and two nano-hybrid composites (EsthetXHD, Dentsply and Premisa, Kerr) were submitted to in vitro brushing (1000 cycles) with three whitening dentifrices (Colgate Luminous White, Oral-B 3D White e Close-Up Diamond Attraction) and a control (Colgate Total12). The results were analyzed by stereomicroscopy and rated according to the following criteria: 0 - no observed roughness, 1 - average roughness, 2 - great roughness. Data was submitted to Kruskall-Wallis non-parametric test followed by Tukey test (p = 0.05). Z350 specimens were assessed by AFM. Results: the surface roughness of composites brushed with whitening dentifrices was statistically higher than the roughness found in specimens brushed with conventional dentifrice. AFM analyses showed that, at a submicrometric scale, there was an increase in the number of peaks and irregularities in specimens brushed with whitening dentifrices. Conclusion: Whitening dentifrices may have an impact on the longevity of dental composites by an increase in its roughness. It is strongly recommended that clinicians guide their patients, warning them about the risks and consequences of their use. (AU)

Objetivo: o objetivo deste estudo foi avaliar os efeitos da abrasão produzida por dentifrícios clareadores sobre as superfícies de três marcas comerciais de resinas compostas contendo partículas nanométricas. Materiais e Métodos: A resina nanoparticulada Z350 (3M ESPE) e as resinas nano-híbridas EsthetXHD (Dentsply) e Premisa (Kerr) foram submetidas à escovação in vitro com três diferentes dentifrícios clareadores (Colgate Luminous White, Oral-B 3D White e Close-Up Diamond Attraction). Os espécimes de resina foram confeccionados com 8mm de diâmetro e 2mm de espessura. Foram produzidos 45 corpos de prova para os grupos experimentais e mais 15 espécimes para o grupo controle (dentifrício Colgate Total12). Após a realização de 1.000 ciclos de escovação, os espécimes foram armazenados em saliva artificial. A análise das superfícies escovadas foi obtida por estereomicroscópio. As rugosidades foram mensuradas segundo os critérios: 0 - sem rugosidade, 1 - média rugosidade e 2 - com muita rugosidade. Os dados obtidos foram analisados estatisticamente por teste não-paramétrico de Kruskall-Wallis seguido pelo teste de Tukey (p < 0,05). Os espécimes confeccionados com Z350 foram avaliados por microscopia de força atômica (AFM). Resultados: A rugosidade superficial dos espécimes de resina composta foi estatisticamente maior quando escovados com os dentifrícios clareadores em relação ao dentifrício controle convencional. Análise por AFM demonstrou, em uma escala submicrométrica, um aumento no número de picos na superfície dos espécimes da resina em que foi realizada a escovação com dentifrícios clareadores em comparação com o grupo controle. Conclusão: Os dentifrícios clareadores aumentaram a rugosidade superficial das resinas compostas podendo, assim, diminuir a sua longevidade. (AU)
Responsável: BR243.1 - Serviço Técnico de Biblioteca e Documentação
Br243.1


  2 / 175 BBO  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: 44810
Autor: Lopes, Anely Oliveira.
Título: Avaliação in vivo e in vitro de diferentes protocolos no tratamento da hipersensibilidade dentinária cervical / In vivo and in vitro study of different protocols for the treatment of cervical dentin hypersensitivity.
Fonte: São Paulo; s.n; 2016. 164 p. ilus, tab. (BR).
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Universidade de São Paulo. Faculdade de Odontologia para obtenção do grau de Doutor.
Resumo: Este estudo possui duas partes distintas: 1. in vivo (randomizado e longitudinal) que teve como objetivo avaliar protocolos de tratamento para hipersensibilidade dentinária com laser de baixa potência (com diferentes dosagens), laser de alta potência e agente dessensibilizante, por um período de 12 e 18 meses; e 2. in vitro que teve como objetivo analisar a perda de estrutura de dois dentifrícios distintos (Colgate Total 12 e Colgate Pró Alívio) e analisar a permeabilidade dentinária dos tratamentos da etapa 01, associados aos dentifrícios, após diferentes ciclos de abrasão. Na parte in vivo, as lesões cervicais não cariosas de 32 voluntários, previamente submetidos aos critérios de elegibilidade ou exclusão, foram divididas em nove grupos (n=10): G1: Gluma Desensitizer (Heraeus Kulzer), G2: Laser de baixa potência com baixa dosagem (Photon Lase, DMC) (três pontos de irradiação vestibulares e um ponto apical: 30 mW, 10 J/cm2, 9 seg por ponto com o comprimento de onda de 810nm). Foram realizadas três sessões com um intervalo de 72 horas), G3: Laser de baixa potência com alta dosagem (um ponto cervical e um ponto apical: 100 mW, 90 J/cm2, 11 seg por ponto com o comprimento de onda de 810nm. Foram realizadas três sessões com um intervalo de 72 horas), G4: Laser de baixa potência com baixa dosagem + Gluma Desensitizer, G5: Laser de baixa potência com alta dosagem + Gluma Desensitizer, G6: Laser de Nd:YAG (Power LaserTM ST6, Lares Research®), em contato com a superfície dental: 1,0W, 10 Hz e 100 mJ, ? 85 J/cm2, com o comprimento de onda de 1064nm, G7: Laser de Nd:YAG + Gluma Desensitizer, G8: Laser de Nd:YAG + Laser de baixa potência com baixa dosagem, G9: Laser de Nd:YAG + Laser de baixa potência com alta dosagem.(AU)

O nível de sensibilidade de cada voluntário foi avaliado através da escala visual analógica de dor (VAS) com auxílio do ar da seringa tríplice e exploração com sonda após 12 e 18 meses do tratamento. Na parte 02, in vitro, foram utilizados terceiros molares humanos não irrompidos e recém-extraídos. Todos foram limpos e tiveram suas raízes separadas das coroas. As raízes foram seccionadas em quadrados de dentina com dimensões de 4x4x2 mm, os quais foram embutidos em resina Epoxi e devidamente polidos até uma curvatura de 0,3 ?m, analisados em perfilometria ótica. Estes foram imersos em solução de EDTA 17% por 2min para abertura dos túbulos e armazenados em uma solução de Soro Fetal Bovino diluído em salina tamponada com fosfato. Os espécimes foram divididos aleatoriamente em 12 grupos (n=10) G1: Sem tratamento de superfície, sem dentifrício; G2: Nd:YAG/sem dentifrício; G3: Gluma/sem dentifrício; G4: Nd:YAG + Gluma/sem dentifrício; G5: Sem tratamento de superfície/Colgate Total 12; G6: Nd:YAG/Colgate Total 12; G7: Gluma/Colgate Total 12; G8: Nd:YAG + Gluma/Colgate Total 12; G9: Sem tratamento de superfície/Colgate Pró Alívio; G10: Nd:YAG/Colgate Pró Alívio; G11: Gluma/Colgate Pró Alívio; G12: Nd:YAG + Gluma/Colgate Pró Alívio. Em seguida, as superfícies receberam a aplicação de fitas adesivas nas duas margens, mantendo uma área central de teste exposta de 4 x 1 mm, onde foram realizados os tratamentos de superfície e os ciclos de abrasão correspondentes a 1, 7, 30 e 90 dias de escovação (52 ciclos, 210 segundos de contato com o slurry; 361 ciclos, 1470 segundos de contato com o slurry; 1545 ciclos, 6300 segundos de contato com o slurry; 4635 ciclos, 18900 segundos de contato com o slurry, respectivamente). A cada etapa de abrasão, foi realizada análise em Perfilometria Ótica. Para as analises de permeabilidade e Microscopia Eletrônica de Varredura, foram utilizadas amostras circulares de 6 mm de diâmetro e 1 mm de espessura de dentina...(AU)

This study has two distinct parts: in vivo (randomized and longitudinal) that aimed to assess different protocols for the treatment of dentin hypersensitivity with low power laser (with different doses), high power laser and a desensitizing agent, for a period of 12 and 18 months; and an in vitro part that aimed to analyze the loss of structure of two toothpastes (Colgate Total 12 and Colgate Pro Relief) and analyze dentin permeability and micrographs after different abrasion cycles. In the in vivo part, the lesions from 32 patients, that were submitted to the inclusion and exclusion criterias, were divided into nine groups (n = 10): G1: Gluma Desensitizer (Heraeus Kulzer), G2: Low power laser with low dose (Photon Lase, DMC, three points of irradiation in vestibular portion and an apical point: 30 mW, 10 J/cm2, 9 sec per point with the wavelength of 810nm, with three sessions with an interval of 72 hours) G3: low power laser with high dose (one pointin the cervical area, and one apical point: 100 mW, 90 J/cm2, 11 sec per point with the wavelength of 810nm in three sessions with an interval of 72 hours), G4: Low power laser with low dose + Gluma Desensitizer, G5: Low power laser with high dose + Gluma Desensitizer, G6: Nd:YAG laser (Power LaserTM ST6, Research® in contact: 1.0W, 10 Hz and 100 mJ, ? 85 J/cm2, with the wavelength of 1064nm,), G7: Nd:YAG laser + Gluma Desensitizer, G8: Nd:YAG laser + low power laser with low dose G9: Nd:YAG laser + low power laser with high dose. The level of sensitivity of each volunteer was assessed by visual analogue scale of pain (VAS) with the aid of air from the triple syringe and exploration probe, 12 and 18 months after treatment. In the in vitro part, unerupted and recently extracted human third molars were used. (AU)
Responsável: BR97.1 - Serviço de Documentação Odontológica
BR97.1; T5.095


  3 / 175 BBO  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: 44276
Autor: Reis, Gabriel Guerra David.
Título: Caracterização da topografia de superfície de cerâmica de zircônia após diferentes tratamentos de superfície: Análise perfilométrica e de MEV / Characterization of the zirconia ceramic surface topography after different surface treatments: Analysis and SEM perfilométrica.
Fonte: Rio de Janeiro; s.n; 2015. 56 p. ilus, tab.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Universidade Federal do Rio de Janeiro. Faculdade de Odontologia para obtenção do grau de Mestre.
Resumo: Objetivo: Avaliar a morfologia de superfície de cerâmicas de zircônia submetidas a diferentes tratamentos de superfície. Métodos: Trinta superfícies de cerâmicas Y-TZP (Lava, 3M) foram alocadas em 3 grupos (n=10/grupo) de acordo com o tratamento de superfície: COJ (Cojet, 3M), OXAL50 (Óxido de Alumínio 50μm, Bio-art) e OXAL110 (Óxido de Alumínio 110μm, Cobra). Após o jateamento e limpeza das peças o primer de cerâmica Clearfil Ceramic Primer (CCP) foi aplicado. Em cada grupo as análises de perfilometria e microscopia eletrônica de varredura (MEV) foram realizadas após a sinterização da cerâmica, após o jateamento de superfície e após a aplicação do CCP. Para a leitura perfilométrica, os valores de Ra, Sa, Sp, Sv foram mensurados. Para análise dos dados ANOVA e Tukey foram aplicados para dados com distribuição normal e Friedman e Kruskall Wallis para os resultados de distribuição não normal. Resultados: OXAL110 apresentou os maiores valores de Ra, Sa, Sp e Sv quando comparado aos grupos COJ e OXAL50 (p<0,05). Somente COJ não causou nenhuma modificação nos valores de Ra e Sa após o jateamento (p>0,017). As mudanças na topografia de superfície promovidas pelo primer CCP variou de acordo com a superfície prévia do material (p<0,017). Significância: A análise perfilométrica linear (Ra) e por área (Sa, Sp, Sv) associada com MEV permitiu identificar morfologicamente as modificações da superfície promovidas por todos os tratamentos testados. Nesta análise, o jateamento com partículas de 110μm de óxido de alumínio gerou alterações agressivas no material.(AU)

Objective: To evaluate the zirconia ceramic surface morphology under different surface treatments Methods: Thirty surfaces of Y-TZP ceramics (Lava, 3M) were allocated in 3 groups (n=10/group) according to the surface treatment: COJ (Cojet, 3M), OXAL50 (Aluminum Oxide 50μm, Bio-art) and OXAL110 (Aluminum Oxide 110μm, Cobra). After sandblasting and cleaning the ceramic primer Clearfil Ceramic Primer (CCP) was applied. In each group the profilometry and scanning electron microscopy analysis (SEM) were performed after sintered ceramics, after the surface blasting and after application of the CCP. For profilometry reading, the Ra, Sa, Sp, Sv values were measured. ANOVA and Tukey's test were applied for data analysis with normal distribution and Friedman and Kruskal Wallis's test for results with not normal distribution. Results: OXAL110 had the highest Ra, Sa, Sp and Sv values compared with the other groups, COJ and OXAL50 (p<0,05). After sandblasting, only COJ had no change in Ra and Sa values (p>0.017). CCP promoted surface topography changes in all study groups (p<0.017). Significance: Linear (Ra) and area (Sa, Sp, Sv) profilometry analysis associated with SEM were capable to identify morphologically the modifications of the ceramics surface promoted by all treatments. In this analysis, the sandblasting with 110μm aluminum oxide created aggressive changes in the material.(AU)
Responsável: BR1141.1 - Biblioteca Central
BR1141.1


  4 / 175 BBO  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: 44160
Autor: Silveira, Camila Augusto.
Título: Avaliação de uma nova abordagem cirúrgico-restauradora para tratamento de recessões gengivais associadas à lesão cervical não-cariosa: estudo clínico controlado randomizado / Evaluation of a new approach surgical restoration to treatment of the gingival recession associated with no - carious cervical lesion. Ramdomized clinical trial.
Fonte: São José dos Campos; s.n; 2016. 81 p. ilus, tab, graf.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a UNESP-Univ Estadual Paulista -Instituto de Ciência e Tecnologia-CSJC para obtenção do grau de Mestre.
Resumo: O objetivo do presente estudo foi avaliar um novo protocolo multidisciplinar por meio de um estudo clínico randomizado para o tratamento de recessões gengivais associadas à lesão cervical não-cariosa. Foram selecionados 40 pacientes alocados aleatoriamente em dois grupos: Grupo Teste (n=20), restauração parcial da lesão cervical e cirurgia para recobrimento radicular com enxerto de tecido conjuntivo (CTG+RP) e Grupo Controle (n=20), aplainamento da lesão cervical e cirurgia para recobrimento radicular com enxerto de tecido conjuntivo (CTG). Os grupos foram comparados quanto ao sangramento à sondagem (SS), índice de placa (IP), recessão gengival relativa (RGR), nível clínico de inserção (NIC), altura e largura das papilas (AL, LP),altura e espessura do tecido queratinizado (ATQ e ETQ), profundidade da lesão cervical (PLC), hipersensibilidade dentinária (HD) e na avaliação estética (MRES) durante um período de 6 meses. Após 6 meses, as porcentagens médias de recobrimento da altura da lesão cervical não-cariosa foram de 72,34±25,2 para o grupo teste e 74,85±33,1 para o grupo controle, sem diferença estatística entre eles. Foi notada diferença estatisticamente significante quando a hipersensibilidade cervical foi analisada. O grupo teste mostrou-se mais eficaz em 6 meses de acompanhamento na resolução desse sintoma (p=0,034). Na análise individual dos parâmetros da escala MRES, o grupo teste mostrou um melhor contorno gengival com diferença significante em relação ao grupo controle. Nos demais parâmetros, não houve diferenças significantes. Dentro dos limites do presente estudo, pode-se concluir que ambos os tratamentos foram efetivos e que a presença da restauração parcial de resina composta não interfere na taxa de recobrimento quando o retalho posicionado coronariamente associado ao enxerto de tecido conjuntivo é utilizado para o tratamento de recessões gengivais associadas à lesão cervical não-cariosa, além de proporcionar um melhor controle da ...(AU)

The aim of this study was to evaluate a new multidisciplinary protocol by means of a randomized controlled clinical trial for the treatment of gingival recession associated with cervical lesion non-carious. Were selected 40 patients randomly allocated to one of the following groups: Test group (n = 20), partial restoration of cervical lesion and surgery for root coverage with connective tissue graft (CTG + PR) and control group (n = 20), planning of non-carious cervical lesion and surgery for root coverage with connective tissue graft (CTG + RT). The groups were compared as to bleeding on probing (BOP), biofilm accumulation (IP), relative gingival recession (RGR), clinical attachment level (CAL), height and width of papillae (PH, PW), height and thickness of keratinized tissue (KTH and KTT), depth of the cervical lesion (CLD), dentin hypersensitivity (DH) and aesthetic evaluation (AE) for a period of 6 months. Average percentage rates of root coverage for test and control group were 72.34% and 74.85%, respectively. No significant statistical difference between test and control was observed regarding root coverage. A significant difference (p=0.034) was found for dentin sensitivity when control and test were compared. The test group showed better results regarding this parameter. The individual aesthetic analysis of MRES parameters, the test group showed a better gingival contour with a significant difference compared to the control group. When the other parameters were compared between the two groups, no difference was found. Within the limits of this study it can be concluded that both treatments were effective and that the presence of the partial restoration composite resin does not affect the root coverage when the coronally advanced flap associated with connective tissue graft is used for the treatment of gingival recession associated with non-carious cervical lesion, and provide better control of dentin hypersensitivity and harmonious aesthetic results(AU)
Responsável: BR243.1 - Serviço Técnico de Biblioteca e Documentação
BR243.1; tD64, S39a


  5 / 175 BBO  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: 44153
Autor: Augusto, Marina Gullo.
Título: Resistência de união e estabilidade de um sistema adesivo universal à dentina erodida/abrasionada após desproteinização / Bond strength and stability of an universal adhesive system to eroded/abraded dentin after deproteinization.
Fonte: São José dos Campos; s.n; 2016. 113 p. ilus, tab, graf.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a UNESP-Univ Estadual Paulista -Instituto de Ciência e Tecnologia-CSJC para obtenção do grau de Mestre.
Resumo: Os desafios erosivos promovem alterações na estrutura dental,podendo levar à perda do esmalte e exposição da dentina subjacente.O contato frequente da dentina exposta com uma substância ácida leva à desmineralização de sua camada superficial, ocasionando, ao menos in vitro, a exposição de uma malha rica em fibras colágenas com espessura considerável. Este trabalho se propõe a verificar os efeitos da abrasão promovida pela escovação e da aplicação de hipoclorito de sódio a 10% sobre a matriz orgânica da dentina erodida, visando determinar as consequências de tais condições na resistência de união (RU) de um sistema adesivo universal.Espécimes de dentina bovina foram divididos em cinco grupos de acordo com a condição da matriz orgânica (n=20): Controle (C); Erosão (E); Erosão + Abrasão (EA); Erosão + Hipoclorito (EH); Erosão + Abrasão + Hipoclorito (EAH). Em seguida, os grupos foramnovamente divididos (n=10) de acordo com a aplicação do Sistema Adesivo Universal (condicionamento total ou autocondicionamento). Foram confeccionados blocos de resina composta sobre as superfícies tratadas e obtidos palitos para o teste de microtração. Metade dos palitos obtidos de cada espécime foi testada imediatamente, a outra metade foi testada após envelhecimento artificial (5000 termociclos/ 5 e 55oC) utilizando-se uma Máquina de Ensaios Universal à velocidade de 1mm/min. Através do teste ANOVA foi observadadiferença estatisticamente significante para a interação entre os três fatores estudados (p=0,0007). Os maiores valores médios de RU foram obtidos pelos grupos EH e EAH, tanto para os grupos imediatos como para os submetidos a envelhecimento artificial, etambém para ambas as técnicas adesivas. O grupo controle apresentou valores médios de RU similares aos grupos E e EA, para ambas as técnicas adesivas. Conclusões: A erosão e a erosão/abrasão não influenciaram significativamente a RU à dentina. A técnica de desproteinização promoveu a manutenção da estabilidade ...(AU)

The erosive challenges promote changes in tooth structure and maylead to enamel loss and the exposure of underlying dentine. Thefrequent contact of exposed dentine with an acidic substance leads todemineralization of its surface layer, leaving, at least under in vitroconditions, a mesh rich in collagen fibrils with considerably thickness.This study intended to verify the effects of abrasion by brushing andthe application of sodium hypochlorite 10% on the organic matrix oferoded dentine, to determine the consequences of such conditions onthe microtensile bond strength (μTBS) of a universal adhesive,immediately and after artificial aging. Specimens of bovine dentinwere divided into five groups according to the organic matrixtreatment (n=20): Control (C); Erosion (E); Erosion + Abrasion(EA); Erosion + Sodium hypochlorite (EH); Erosion + Abrasion +Sodium hypochlorite (EAH). The groups were further divided (n=10)according to the application of a Universal Adhesive System (totaletching or self etching). Blocks of resin composite were bonded to thesamples and sticks were obtained for μBS test. One half of the sticksof each specimen was immediately tested and the other half was testedafter artificial aging (5000 thermocycles/5 and 55oC). Results:ANOVA showed significant difference for the interaction between thethree studied factors (p=0.0007). The higher μTBS means were obtained by EH and EAH groups as for immediate as for aged data, and for both adhesive techniques. The control group showed similar μTBS means to E and EA groups, for both adhesive techniques. Conclusions: Erosion and erosion/abrasion did not significantly influence the μTBS to dentin. The deproteinization techniquemaintained the bond stability to the eroded and eroded/abraded dentin, especially when using the total etching technique. The artificial aging reduced μTBS values only for groups C, E and EAusing the total etching technique(AU)
Responsável: BR243.1 - Serviço Técnico de Biblioteca e Documentação
BR243.1; D2, A45r


  6 / 175 BBO  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: 44109
Autor: Turci, Priscilla Cristoforides Pereira.
Título: Efeito de protocolos de jateamento na resistência à flexão e transformação de fase cristalina em cerâmicas de Y-TZP / Effect of sandblasting protocols on flexural strength and crystalline phase change in Y-TZP ceramic.
Fonte: São José dos Campos; s.n; 2014. 89 p. ilus, tab, graf.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a UNESP-Univ Estadual Paulista-Instituto de Ciência e Tecnologia-CSJC para obtenção do grau de Doutor.
Resumo: O objetivo deste estudo foi avaliar o efeito de diferentes protocolos de jateamento na resistência à flexão biaxial e transformação de fase cristalina de cerâmica policristalina de Y-TZP. Foram confeccionados 740 discos de zircônia estabilizada parcialmente por ítrio - Cercon®Zirconia (DENTSPLY Ceramco, EUA) e In Ceram 2000 YZ cubes (Vita Zahnfabrik, Alemanha) segundo a norma ISO 6872 (15 mm diâmetro x 2 mm espessura). As amostras foram jateadas com partículas de óxido de alumínio (30 μm) revestido por sílica (RocatecSoft - 3M ESPE) e divididas em 74 grupos (n = 10), incluindo-se os grupos controle (ausência de jateamento)(n = 10) para cada cerâmica, de acordo com os fatores: pressão de jateamento (2, 3 e 4 bar); ângulo formado entre a ponta do jateador e a superfície da cerâmica (45º, 60º, 90º); distância do microjateador à cerâmica (5 e 10 mm) e tempo de jateamento (15 s e 20 s). Foi realizado teste de resistência à flexão biaxial em máquina de ensaio universal (1 mm/min, 1000 kg). Os dados (MPa) foram submetidos a análise de variância e ao teste de Duncan. Parte das amostras (n=3) foram submetidas à difração por raios-X (DRX) para quantificação das fases cristalinas e à microcopia eletrônica de varredura (MEV) para análise da topografia superficial. Pressão (p = 0,00) afetou significativamente os resultados, porém tempo (p = 0,49), distância (p = 0,46) e angulação (p = 0,13) não afetaram a Cercon. Já para Vita YZ, a pressão (p = 0,00) foi estatisticamente significante, porém tempo (p=0,66), distância (p = 0,70) e angulação (p=0,14) não foram. Fase monoclínica foi encontrada nos grupos da Cercon (0 a 11%), enquanto para Vita YZ, nenhuma fase foi encontrada. Para Vita YZ, a pressão 3 bar teve maior resistência à flexão biaxial e 4 bar apresentou menor valor. Angulação de 45° associado a 2 bar foi a melhor combinação (1012,21 ± 108,36 MPa) comparado a 4 bar (556,65 ± 117,41 MPa). MEV revelou grãos superficiais regulares e uniformes. A contagem dos grãos ...(AU)

The aim of this study was to evaluate the effect of different sandblasting protocols on biaxial flexural strength and crystalline phase transformation in Y - TZP ceramic. 740 discs of Yttria-Partially-Stabilized Zirconia were made - Cercon ® Zirconia (DENTSPLY Ceramco, USA) and In Ceram 2000 YZ cubes (Vita Zahnfabrik, Germany) according to the standards of ISO 6872 (15 mm diameter x 2 mm thick) . The samples were sandblasted with aluminum oxide - coated silica 30 μm (Rocatec Soft - 3M ESPE ) and divided into 74 groups (n = 10 ) , according: pressure (2, 3 and 4 bar) ; nozzle angle (45°, 60°, 90°); nozzle distance (5 and 10 mm) and time (15 s and 20 s) . The biaxial flexural strength on universal testing machine (1mm/min, 1,000 kg) was performed. Data (MPa) were submitted to ANOVA and to Duncan´s test (α = 0.05). Samples (n = 2) were subjected to X- ray diffraction to quantify crystalline phases. Pressure (p = 0.00) significantly affected the results, but deposition time (p = 0.49), nozzle distance (p = 0.46) and nozzle angles (p=0.13) did not affect to Cercon ceramic. Pressure (p = 0.00) affected significantly the results to Vita YZ, but deposition time (p = 0.66), nozzle distance (p = 0.70) and nozzle angles (p = 0.14) did not affect. Some monoclinical phase was achieved in Cercon groups (0 a 11%) and none for Vita YZ. For Vita YZ ceramic, 3 bar pressure had the biggest flexural strength value and 4 bar was the worst one and angle 45° associated to 2 bar were the best combination (1012.21 ± 108.36 MPa) compared to 4 bar (556.65 ± 117.41 MPa) (p < 0.001). EDS analysis demonstrated regular superficial grains. SEM images indicated grain size of 0.712 μm (Vita YZ), and 0.705 μm (Cercon). The Cercon density was 98% compared to the theoretical density of zirconia, while VITA YZ was 99%(AU)
Responsável: BR243.1 - Serviço Técnico de Biblioteca e Documentação
BR2453.1; D15, T842e


  7 / 175 BBO  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: 44104
Autor: Santos, Luciana Floriani Thives Freitas.
Título: Efeito da escovação utilizando dentifrícios com diferentes graus de abrasividade no desgaste do esmalte após o uso de agentes clareadores com e sem cálcio em diferentes intervalos de tempo / Effect of brushing with toothpaste using different grades of abrasive wear of the enamel after the use of bleaching agents with and without calcium at different time intervals.
Fonte: São José dos Campos; s.n; 2014. 72 p. ilus, tab, graf.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a UNESP-Univ Estadual Paulista-Instituto de Ciência e Tecnologia-CSJC para obtenção do grau de Doutor.
Resumo: O objetivo deste estudo foi avaliar os efeitos da escovação, utilizando dentifrícios com diferentes graus de abrasividade após a exposição ao agente clareador peróxido de hidrogênio (PH) 7,5% com ou sem a adição de gluconato de cálcio em diferentes intervalos de tempo (imediatamente e após 1 h). Foi analisada a alteração no tecido dental decorrente destas interações no desgaste de superfície do esmalte. Neste estudo foram utilizados 144 espécimes de esmalte bovino, os quais foram distribuídos em 12 grupos (n = 12) de acordo com o gel clareador utilizado (com e sem cálcio), o grau de abrasividade (alto ou baixo) e o intervalo de tempo decorrido após a utilização do gel clareador (imediatamente e após 1 h). Para o controle, 4 grupos não foram expostos ao gel clareador, apenas passaram pelos ciclos de abrasão, de acordo com o tipo de abrasivo e o intervalo de tempo. O gel clareador foi aplicado por 1 h e após este período, os grupos que foram escovados imediatamente, passaram para o ciclo de abrasão e os do intervalo de 1 h permaneceram na saliva artificial antes da realização dos ciclos abrasivos. Os espécimes foram submetidos a 45 ciclos de escovação, correspondentes a 3x ao dia (135 ciclos por dia - 1 min e 30 s). Estes procedimentos foram repetidos por 7 dias, totalizando 945 ciclos ao final do estudo. O desgaste da superfície do esmalte foi medido (μm) por perfilometria. Para verificação dos resultados foi aplicado o teste ANOVA três fatores e o teste de Tukey. O nível de significância foi de 5%. Foram observadas diferenças estatisticamente significantes (p=0,0001) para os três fatores testados. Os valores de média (± DP) e os resultados do teste de Tukey para o fator clareamento foram: SC- 0,45(± 0,01)a, PH+Ca- 0,51(± 0,03)b, PH- 0,82(± 0,01)c. Para o fator abrasivo, foram: Baixo- 0,44(± 0,01)a e Alto- 0,74(± 0,05)b e para o intervalo de tempo, foram: 1 h- 0,41(± 0,01)a, imediatamente- 0,77(± 0,05)b. Pode-se concluir que: a) o clareamento com PH ...(AU)

The objective of this study was to evaluate the effects of brushing, using toothpastes with different degrees of abrasiveness after exposure to bleaching agent hydrogen peroxide (HP) 7.5% with or without the addition of calcium gluconate in different time intervals (immediately and after 1 h). The alteration in dental tissue resulting from these interactions on enamel surface wear was analyzed. In this study 144 bovine enamel specimens were divided into 12 groups (n = 12) according to the whitening gel used (with and without calcium), the grade of abrasive (high or low) and the time interval elapsed after use of the bleaching gel (immediately and after 1h). For the control, four groups were not exposed to the bleaching gel and were just submitted to abrasion cycles according to the type of abrasive and the time interval. The bleaching gel was applied for 1 h and after this period, the groups that were brushed immediately were submitted to abrasion cycle, and the ones tested after 1h, remained in artificial saliva before the performance of abrasive cycles. The specimens were subjected to 45 cycles of brushing, corresponding to 3x a day (135 cycles per day - 1 min 30 s). These procedures were repeated for 7 days, totaling 945 cycles at the end of the study. The enamel wear was measured (μm) by profilometry. To check the results, three-way ANOVA and Tukey's test was applied. The significance level was 5%. Statistically significant differences (p =0.0001) for the three tested factors were observed. Mean values (± SD) and results of Tukey test for whitening factor were: NB- 0.45(± 0.01)a, HP+Ca- 0.51(± 0.03)b, HP - 0.82(± 0.01)c. For the abrasive factor were: Low- 0.44(± 0.01)a and High- 0.74(± 0.05)b and for the time interval, were: 1h- 0.41(± 0.01)a, immediately- 0.77(± 0.05) b. It can be concluded that: a) HP 7.5% bleaching increased the enamel susceptibility to abrasion, b) the high degree of abrasiveness increased enamel wear, and c) the 1h delayed brushing ... (AU)
Responsável: BR243.1 - Serviço Técnico de Biblioteca e Documentação
BR243.1; D2, S59e


  8 / 175 BBO  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: 44077
Autor: Crastechini, Érica.
Título: Efeito da aplicação de sistemas adesivos autocondicionantes associados ao laser Nd: YAG na prevenção do desgaste erosivo/abrasivo do esmalte dental / Effect of application of adhesive systems associated with the Nd: YAG laser in the prevention of erosive / abrasive wear of tooth enamel.
Fonte: São José dos Campos; s.n; 2014. 75 p. ilus, tab, graf.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a UNESP - Univ Estadual Paulista-Instituto de Ciência e Tecnologia-CSJC para obtenção do grau de Mestre.
Resumo: O objetivo deste estudo foi avaliar a eficácia do laser Nd:YAG associado a diferentes sistemas adesivos autocondicionantes, na prevenção do desgaste erosivo e abrasivo do esmalte dental. Foram preparados 160 espécimes de esmalte bovino, polidos e submetidos a uma erosão inicial em ácido cítrico a 0,3 % por 5 min. Os perfis iniciais da superfície de esmalte foram medidos utilizando um perfilômetro, cuja unidade de medida é em micrométros (μm). Os espécimes foram distribuídos aleatóriamente em oito grupos (n=20): SB - Aplicação do adesivo Single Bond Universal (3M/Espe) e fotopolimerização; SB+L - Aplicação do adesivo Single Bond Universal, irradiação do laser de Nd:YAG (80 mJ,10 Hz) e fotopolimerização; FB - Aplicação do adesivo Futura Bond U (Voco) e fotopolimerização; FB+ L - Aplicação do adesivo Futura Bond U, irradiação do laser de Nd:YAG e fotopolimerização; GEN - Aplicação do adesivo G-aenial Bond (GC) e fotopolimerização; GEN +L - Aplicação do adesivo G-aenial Bond, irradiação do laser de Nd:YAG e fotopolimerização; L - Apenas irradiação do laser Nd:YAG; C - nenhum tratamento (Controle). Em seguida foram realizados diariamente os desafios erosivo, utilizando ácido cítrico a 0,3% (pH 2,6) por 2 min, e abrasivo realizado em uma máquina de escovação (40 ciclos, carga 200 g) com dentifrício diluído em saliva artificial (1:3 peso/peso). Foram realizados quatro ciclos por dia, durante 5 dias. Os perfis das superfícies do esmalte foram novamente avaliados utilizando um perfilômetro. Os dados foram analisados utilizando o teste de análise de variância ANOVA e Tukey. O nível de significância foi de 5 %. Para a ANOVA foram observadas diferenças estatisticamente significantes (p= 0,0000) de desgaste. Os valores de média (±dp) e os resultados do teste Tukey foram: GEN - 4,88 (±1,09) a; L - 5,04 (±0,99) a; FB - 5,32 (±0,93) ab; GEN + L - 5,46 (±1,27) abc; SB + L - 5,78 (±1,12) abc; FB + L - 6,23 (±1,25) bc; SB - 6,35 (±1,11) c; C - 6,46 (±0,61) c. Pode-se ...(AU)

The aim of this study was to evaluate the effectiveness of the Nd: YAG laser, alone or associated with different auto constraints adhesive systems, in the prevention of erosive and abrasive wear of the dental enamel. A hundred and sixty samples of bovine enamel were prepared, polished and subjected to an initial erosion in 0.3 % citric acid solution for 5 min. The initial profiles of the enamel surface were measured using a profilometer, whose unit is measured in micrometers (μm). The samples were randomly divided into eight groups (n = 20): SB - Single Bond Universal (3M/Espe) adhesive application and light curing; SB+L - Single Bond Universal adhesive application, Nd:YAG laser irradiation (80 mJ, 10 Hz) and light curing; FB - Futura Bond U (Voco) adhesive application and light curing; Group FB+L - Futura Bond U adhesive application, Nd:YAG laser irradiation and light curing; GEN - G-aenial Bond (GC) adhesive application and light curing; GEN+L - G-aenial Bond adhesive, Nd:YAG laser irradiation and light curing; L - Only Nd:YAG laser irradiation; C - No treatment (control group). The erosive challenge, using citric acid 0.3 % (pH 2.6) for 2 min, and abrasive challenge, using a tooth brushing machine (40 cycles, load of 200 g) with toothpaste diluted in artificial saliva (1:3 wt/wt), were performed. Four cycles a day were performed during 5 days. The profiles of the enamel surfaces were again measured using the profilometer. Data were analyzed using analysis of variance (ANOVA) and Tukey statistical tests. The level of significance was 5%. When ANOVA (one factor) test was applied, it was observed statistical difference (p=0,0000) of surface wear. Mean values (± SD) and results of the Tukey test were: GEN - 4,88 (±1,09) a; L - 5,04 (±0,99) a; FB - 5,32 (±0,93) ab; GEN + L - 5,46 (±1,27) abc; SB + L - 5,78 (±1,12) abc; FB + L - 6,23 (±1,25) bc; SB - 6,35 (±1,11) c; C - 6,46 (±0,61) c. It can be concluded that the treatment of the enamel surface with adhesive ...(AU)
Responsável: BR243.1 - Serviço Técnico de Biblioteca e Documentação
BR243.1; D, C854e


  9 / 175 BBO  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: 43612
Autor: Coppo, Priscilla Pessin.
Título: Novo método para o estudo de desgaste por atrição (deslizamento alternado) em esmalte bovino, em função da carga normal e da lubrificação: redução do desgaste com gel lubrificante oral / New method to study the wear by attrition (reciprocating sliding) in enamel, depending on the normal load and lubrication: reduction in wear with gel oral lubricant.
Fonte: São Paulo; s.n; 2015. 125 p. ilus, tab. (BR).
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Universidade de São Paulo. Faculdade de Odontologia para obtenção do grau de Doutor.
Resumo: O esmalte dental é o tecido mineralizado mais duro do corpo humano; apesar disto, seu desgaste é um problema muito comum. Este pode estar associado aos processos de envelhecimento, ou ainda, ser encontrado em indivíduos jovens, como consequência de atividades parafuncionais, por exemplo, atrição dental. Este tipo de dano pode resultar em prejuízo da função mastigatória e em diminuição da qualidade de vida. Por isto, o desgaste do esmalte dental tem sido objeto de muitos estudos, embora poucos tenham utilizado conceitos tribológicos. Não foi encontrado nenhum estudo que explorasse o desgaste de esmalte e seus micromecanismos oriundos do deslizamento alternado de incisivo contra incisivo, configuração que mais se aproxima do tribossistema real de atrição. O presente estudo tem por objeto investigar o desgaste e seus mecanismos em pares deslizantes de esmalte incisal (configuração pino-plano), selecionados por seus similares valores de dureza e de tenacidade à fratura, submetidos a diferentes cargas normais e lubrificações do meio. Incisivos bovinos foram ensaiados em deslizamento alternado sob duas cargas normais (8 N e 16 N) e quatro modos de lubrificação: saliva natural; saliva artificial; gel lubrificante oral (Oralbalance!, Biotène); e grupo controle sem lubrificação (seco) (AU)

Durante os ensaios, foram levantadas as curvas de atrito. O volume desgastado e a rugosidade da superfície foram mensurados via perfilometria 3D. Os micromecanismos de desgaste foram analisados ao microscópio eletrônico de varredura. O aumento da carga normal aplicada resultou em aumento do volume de desgaste para todas as condições. Comparando-se ao grupo sem lubrificação, as salivas (natural e artificial) não reduziram o desgaste, mas a lubrificação com o gel foi efetiva para reduzir tanto o volume de esmalte desgastado como o coeficiente de atrito. A relação entre o valor do parâmetro de rugosidade Sq e o coeficiente de atrito não foi linear, nem entre a rugosidade Sq e o coeficiente de desgaste, para todas as condições. Os micromecanismos de desgaste encontrados foram, em ordem crescente de severidade: desgaste da região interprismática (8 N - gel); propagação de trincas interprismáticas (8 N - seco); reações triboquímicas associadas à ação mecânica (8 N - saliva natural e artificial; 16 N - gel; 16 N - saliva natural e artificial); e desplacamento (16 N - seco) (AU)

Enamel is the hardest mineralized tissue in the human body; despite that, the enamel wear is a very common problem. The wear damage can be related to aging processes or also be found in young people as a result of parafunctional activities, for example, dental attrition. This type of damage can result in loss of masticatory function and decreased quality of life. Therefore, the wear of the enamel has been the subject of many studies, although few have used tribological concepts. The wear mechanisms of reciprocating sliding pairs from incisor against incisor have not been reported in the literature, this configuration is the one that is closest to the real tribosystem of attrition. The present study aims to investigate the wear behavior and the related mechanisms in reciprocating sliding pairs of incisal enamel (pin-on-flat configuration), selected for their similar hardness and fracture toughness values, with different applied normal loads and lubrication conditions. Bovine incisors were tested in reciprocating sliding with different applied normal loads (8 N and 16 N) and four lubrication conditions: natural saliva; artificial saliva; oral gel lubricant (Oralbalance!, Biotène); and control group (dry). During tests, the friction curves were recorded (AU)

The volume loss and the surface roughness Sq were investigated by 3D profilometry. Wear mechanisms were analyzed by scanning electron microscope. The increase of the normal load resulted in an increased volume loss for all conditions. Comparing to the group without lubrication, the saliva (natural and artificial) did not reduce the volume loss, but the lubricant gel was effective to reduce both the volume loss and the coefficient of friction. The relationship between the value of the roughness Sq and the friction coefficient was not linear, nor between the roughness Sq and the wear coefficient for all conditions. In increasing order of severity, the micromechanisms of wear were: wear at the interrod enamel (8 N - gel); crack propagation in the interrod enamel (8 N - dry); tribochemical reactions associated with mechanical wear (8 N - natural saliva and artificial saliva; 16 N - gel; 16 N - natural saliva and artificial saliva); and flake-like wear (16 N - dry) (AU)
Responsável: BR97.1 - Serviço de Documentação Odontológica
BR97.1; T5.039


  10 / 175 BBO  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Alonso, Roberta Caroline Bruschi
Texto completo
Id: 43318
Autor: Paula, Andréia Bolzan de; Alonso, Roberta Caroline Bruschi; Araújo, Giovana Albamonte Spagnolo de; Rontani, Julia Puppin; Correr-Sobrinho, Lourenço; Puppin-Rontani, Regina Maria.
Título: Influence of chemical degradation and abrasion on surface properties of nanorestorative materials
Fonte: Braz. j. oral sci;14(2):100-105, Apr.-June 2015. tab.
Idioma: en.
Resumo: Aim:

The aim of this in vitro study was to investigate the synergistic effect of chemical degradation (erosion) and three-body abrasion (mechanical degradation) on the surface roughness (Ra) and hardness (KHN) of two nanorestorative materials and two conventional materials.

Methods:

Disc-shaped specimens (5 mm in diameter, 2 mm thick) of Filtek Z350TM and TPH SpectrumTM composites and Ketac NanoTM and VitremerTM light-curing glass ionomer cements, nanomaterials and conventional materials were prepared according to the manufacturer's instructions. After 24 h, polishing procedures were performed and initial measurements of Ra and KHN were taken in all specimens. The specimens were divided into 12 groups (n = 10) according to material and storage media: artificial saliva, orange juice, and Coca-Cola(r). After 30 days of storage, the specimens were submitted to mechanical degradation and re-evaluated for Ra and KHN. Data were tested for significant differences by repeated-measure three-way ANOVA and Tukey's tests (p<0.05).

Results:

Erosion and abrasion wear significantly decreased hardness of all materials. Only Filtek Z350 roughness, however, was not affected by erosion and abrasion. All materials showed a significant increase in surface roughness after erosion and abrasion, except for Filtek Z350. After chemical and mechanical degradation, the KHN of all samples had decreased significantly. After mechanical degradation, the acidic drinks (Coca-Cola(r) and orange juice) were more aggressive than artificial saliva to all materials.

Conclusions:

A synergistic effect was observed by the increase in roughness for all materials, except for Filtek Z350; hardness values decrease for all materials, regardless of whether they were nanofilled or not. The RMGICs were more susceptible to ...(AU)

Responsável: BR1.1 - BIREME



página 1 de 18 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde