Base de dados : BDENF
Pesquisa : L01.143.506.423.796 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 14 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Longo]

página 1 de 2 ir para página        

  1 / 14 BDENF  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Alexandre, Neusa Maria Costa
Texto completo
Texto completo
Id: 31649
Autor: Schumaher, Mayara Larissa Nilsen; Alexandre, Neusa Maria Costa.
Título: Tradução e adaptação transcultural do psychological empowerment instrument para o contexto brasileiro / Translation and cultural adaptation of the psychological empowerment instrument for the Brazilian context
Fonte: REME rev. min. enferm;21, out.2017.
Idioma: pt.
Resumo: Empoderamento psicológico está relacionado a uma sensação de motivação referente ao ambiente de trabalho. É um processo pelo qual os trabalhadores ganham o controle, expressam e satisfazem suas necessidades e são capazes de identificar, analisar e propor soluções aos problemas relacionados ao trabalho. Estudos comprovam que quando utilizado nos ambientes de trabalho de enfermagem, proporcionam resultados positivos, como: o aumento da satisfação no trabalho, comprometimento organizacional e redução do Burnout. O Psychological Empowerment Instrument (PEI) é um instrumento que avalia uma medida multidimensional de empoderamento psicológico no contexto do trabalho. Trata-se de um questionário composto de 12 itens e subdivido em quatro domínios (significado, competência, autodeterminação e impacto) com uma escala de medida do tipo Likert.OBJETIVO: discutir a importância da aplicação do empoderamento psicológico no ambiente da enfermagem, bem como disponibilizar uma versão do PEI para a língua portuguesa do Brasil, traduzindo e adaptando culturalmente o instrumento.MÉTODOS: estudo metodológico, de corte transversal. O processo de adaptação cultural desenvolveu-se por meio de etapas recomendadas internacionalmente – tradução, síntese, retrotradução, avaliação por comitê de especialistas e o pré-teste.RESULTADOS: o índice de validade de conteúdo foi considerado adequado (0,95). Os itens foram analisados pelos membros do comitê de especialistas que sugeriram alterações com o objetivo de facilitar a compreensão pela população. Foi também realizado um pré-teste com 31 sujeitos.CONCLUSÃO: o PEI se mostrou adequado para a população brasileira. É necessário que outros estudos avaliem as propriedades psicométricas do instrumento.(AU)
Responsável: BR21.1 - Biblioteca J Baeta Vianna- Campus Saúde UFMG


  2 / 14 BDENF  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: 31504
Autor: Oliveira, Maria Aurelina Machado de; Sousa, Welyton Paraíba da Silva; Maia, Eulália Maria Chaves.
Título: Adaptação e validade de conteúdo da versão brasileira da Cambridge Worry Scale / Adaptation and validity of content of the brazilian version of the Cambridge Worry Scale
Fonte: Rev. enferm. UFPE on line;11(supl.5):2083-2089, maio 2017. ilus, tab.
Idioma: pt.
Resumo: Objetivos: fazer a adaptação semântica dos itens da Cambridge Worry Scale do inglês para o português brasileiro; avaliar evidências de validade de conteúdo pelo Coeficiente de Validade de Conteúdo (CVC). Método: estudo de corte transversal, com abordagem quantitativa, que consistiu em uma adaptação transcultural da Cambridge Worry Scale (CWS) realizada a partir de três etapas: na primeira, obteve-se a autorização formal dos autores; a segunda consistiu na preparação e consolidação da versão preliminar, formada pela maioria dos itens da tradução 01 e, por fim, realizou-se a validação de conteúdo acerca dos critérios clareza, pertinência prática e relevância teórica. Resultados: os CVCS foram maiores que 0,8 na maior parte dos itens. A dimensão teórica apresentou concordância substancial dos juízes (k=0,7164). Essa etapa resultou na versão experimental que foi aplicada a 39 gestantes com diferentes níveis de escolaridade. Conclusão: a versão experimental da escala mostrou-se apta para o uso. (AU)
Responsável: BR9.1 - Biblioteca de Ciências da Saúde Profa. Susana Schimidt


  3 / 14 BDENF  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: 31092
Autor: Oliveira, Roberta Juliane Tono de; Santos, José Luis Guedes dos; Erdmann, Alacoque Lorenzini.
Título: Tradução e adaptação transcultural do Index of Professional Nursing Governance para o contexto brasileiro / Cross-cultural translation and adaptation of the Index of Professional Nursing Governance to the brazilian context
Fonte: Rev. enferm. UFPE on line;11(1):239-243, jan.2017.
Idioma: pt.
Resumo: Objetivo: realizar a tradução e adaptação transcultural do Index of Professional Nursing Governance (IPNG) para o contexto brasileiro. Método: estudo metodológico a ser desenvolvido em seis fases: 1) Tradução do instrumento para a língua portuguesa; 2) Síntese das traduções; 3) Tradução do instrumento de volta para o idioma de origem (Back-translation); 4) Envio da síntese da back-translation para o autor; 5) Avaliação por um comitê de juízes; e 6) Pré-teste. Resultados esperados: disponibilizar um instrumento traduzido e adaptado para uso no contexto brasileiro que mensura a governança da prática profissional de enfermagem. A versão brasileira do INPG poderá ser útil na avaliação da estrutura de gestão hospitalar e o nível de autonomia do enfermeiro, fornecendo subsídios para o ensino e a pesquisa em gestão em enfermagem.(AU)
Responsável: BR9.1 - Biblioteca de Ciências da Saúde Profa. Susana Schimidt


  4 / 14 BDENF  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: 30647
Autor: Guimarães, Zelma Miriam Barbosa; Mendonça Filho, Euclides José; Menezes, Igor Gomes; Gomes, Ana Cristina Passos.
Título: Instrumentos de avaliação de qualidade de vida em pessoas com distúrbios osteomusculares relacionados ao trabalho / Measures for assessing quality of life in people with work-related musculoskeletal disorders
Fonte: Rev. baiana enferm;26(3), 2012.
Idioma: pt.
Resumo: O objetivo deste estudo foi realizar um levantamento dos instrumentos utilizados na população brasileira para avaliação da qualidade de vida de pessoas com distúrbios osteomusculares relacionados ao trabalho. Trata-se de uma revisão integrativa e o material utilizado constituiu-se de um indexador on-line nacional e um internacional. Foram incluídos estudos referentes ao período entre 1999-2012, no total de 299 artigos e resumos publicados, encontrando-se 14 publicações que atenderam aos objetivos do estudo. Os instrumentos utilizados para mensurar a qualidade de vida de pessoas com distúrbios osteomusculares são escalas que podem ser genéricas e específicas. Tais instrumentos foram traduzidos, adaptados culturalmente e verificadas as propriedades psicométricas que os tornam válidos no contexto brasileiro. Tendo por base os instrumentos investigados, pôde-se concluir que é necessário um instrumento específico para avaliar qualidade de vida para portadores de DORT, que considere uma investigação de diferentes dimensões, tais como psicológica, física, profissional e social. (AU)

This study aimed to explore some instruments used in the Brazilian population to evaluate quality of life for persons with Work-related Musculoskeletal Disorders. It is an integrative review and the material employed consists of two online indexers, one national and another international. It was included studies concerning a period of time between 1999-2012 in a total of 299 articles and abstracts. Fourteen publications, which met the aim of the study, were found. The instruments used to measure quality of life for people with Musculoskeletal Disorders are scales that can be generic or specific. Such instruments were translated, culturally adapted, and verified the psychometric properties that make them valid to the Brazilian context. Based on the instruments available, we identified the need for a specific instrument to assess quality of life for people with Work-related Musculoskeletal Disorders, but that also consider an investigation of different dimensions, such as psychological, physical, professional, and social. (AU)

El objetivo de este estudio fue hacer un reconocimiento de los instrumentos utilizados en la población brasileña para evaluar la calidad de vida de las personas con trastornos músculoesqueléticos relacionados con el trabajo. Es una revisión integrativa y el material utilizado consiste en un indexador online nacional y uno internacional. Se incluyeron estudios referentes al período comprendido entre 1999 y 2012, con un total de 299 artículos y resúmenes publicados, habiéndose encontrado 14 publicaciones que cumplieron con los objetivos del estudio. Los instrumentos utilizados para medir la calidad de vida de las personas con trastornos músculoesqueléticos son escalas que pueden ser de orden general y específica. Estos instrumentos fueron traducidos, culturalmente adaptados y se verificaron sus propiedades psicométricas, lo que los hacen válidos dentro del contexto brasileño. Tomando como base los instrumentos estudiados, se concluye que existe la necesidad de un instrumento específico para evaluar la calidad de vida de las personas con trastornos músculoesqueléticos relacionados con el trabajo, pero que se tenga en cuenta una investigación de diferentes dimensiones, como la psicológica, la física, la social y la profesional. (AU)
Responsável: BR342.1 - Biblioteca


  5 / 14 BDENF  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: 30494
Autor: Vieira, Gisele de Lacerda Chaves.
Título: Tradução, adaptação cultural e validação do questionário Diabetes Attitudes Scale - Third Version (DAS-3) para a população brasileira / To translate, cultural adapt and validate the third version of the Diabetes Attitudes Scale to the cultural context of Brazil.
Fonte: Belo Horizonte; s.n; 2016. 208 p. tab, ilus.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Universidade Federal de Minas Gerais. Escola de Enfermagem para obtenção do grau de Doutor.
Resumo: Objetivo. Realizar a tradução, adaptação cultural e validação do instrumento Diabetes Attitudes Scale – third version para o contexto cultural do Brasil. MÉTODOS: Trata-se de um estudo do tipo metodológico, compreendendo três etapas: tradução, adaptação cultural e validação. A primeira etapa foi realizada em parceria com o Laboratório Experimental de Tradução da Faculdade de Letras e o Laboratório de Bioestatística da UFMG. Na segunda etapa, as versões original e traduzida foram submetidas à análise por um Comitê de Juízes constituído por três grupos de 20 profissionais, sendo cada um composto por dez profissionais da área da Saúde e dez da área da Linguística Aplicada, para a avaliação de cada parte do instrumento, resultando em uma amostra de 60 profissionais distribuídos em igual proporção. No entanto, retornaram a avaliação 56 profissionais. A partir da avaliação obtida foi calculado o Índice de Validade de Conteúdo (IVC) e a porcentagem de aceitação dos juízes em relação à adequação dos itens avaliados. Todos os dados foram analisados no ambiente de programação estatística R. Em seguida foi realizado o pré-teste com a participação de um total de 25 profissionais da área da Saúde. O instrumento foi enviado por meio eletrônico à profissionais que prestam assistência a pessoas com diabetes Mellitus. Os profissionais foram solicitados a responder as 33 afirmativas do instrumento e a avaliar cada afirmativa quanto à facilidade de entendimento e clareza da informação. Após esta fase, realizou-se um encontro interdisciplinar entre pesquisadores e profissionais da área da Saúde, Linguística Aplicada e Estatística com objetivo de avaliar as sugestões realizadas pelos profissionais da área da Saúde. A cada problema identificado, melhorias foram sugeridas e alterações de cunho semântico, idiomático e cultural realizados. Terceira etapa: Por fim, com objetivo de verificar a confiabilidade do instrumento adaptado culturalmente, este foi...(AU)

To translate, cultural adapt and validate the third version of the Diabetes Attitudes Scale to the cultural context of Brazil. METHODS: This was a methodological type of study that comprised three stages: translation, cultural adaptation and validation. The first stage was carried out in partnership with the Laboratory for Experimentation in Translation of the Faculty of Letters and the Laboratory of Biostatistics at UFMG. In the second stage, the original and the translated versions were submitted to analysis by an expert committee formed by three groups of 20 professionals, each consisting of ten health professionals and ten applied linguistics professionals, who were responsible for assessing each part of the instrument. This resulted in a sample of 60 professionals distributed in equal proportion. However, 56 out of 60 professionals returned the questionnaire. After this stage, the Content Validity Index (CVI) was calculated, as well as the percentage of judges who considered the items evaluated to be adequate. All data were analyzed using R - a statistical programming environment. Then the pretest was performed with a group of 25 health professionals. The instrument was sent electronically to professionals who provide care to people with diabetes mellitus. The professionals were asked to respond to the instrument’s 33 statements and to evaluate each statement regarding its understandabiity and clarity. After this stage, there was an interdisciplinary meeting between researchers and health professionals, Applied Linguistics professionals and Statistics professionals, who were responsible for evaluating the suggestions made by the health professionals. Improvements were suggested and semantic, idiomatic and cultural changes were performed to each identified problem. Finally, in the third stage, in order to verify the validity and reliability of the culturally adapted instrument, it was applied to 120 health professionals on two different...(AU)
Responsável: BR21.1 - Biblioteca J Baeta Vianna- Campus Saúde UFMG
BR21.1; T-WY155, VITR


  6 / 14 BDENF  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: 30484
Autor: Kuznier, Tatiane Prette.
Título: Tradução, adaptação e validação da UCLA Loneliness Scale (Version 3) para o português do Brasil em uma amostra de idosos / The translation, cultural adaptation and validation of the UCLA Loneliness Scale (version 3) in a sample of Brazilian elderly.
Fonte: Belo Horizonte; s.n; 2016. 136 p. tab, graf.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Universidade Federal de Minas Gerais. Escola de Enfermagem para obtenção do grau de Doutor.
Resumo: Introdução: os sentimentos de solidão têm consequências graves sobre a saúde dos idosos, tornando-os mais suscetíveis à sintomatologia depressiva, ao declínio da saúde mental, sendo associados com o aumento da mortalidade e ideação suicida.Torna-se necessário o conhecimento sobre o nível de solidão vivenciado pelo idoso,para que estratégias que visem diminuir ou melhorar esta condição possam ser implementadas. Uma das formas de mensurar o nível de solidão é pelo uso de escalas. Como não foram encontradas escalas no Brasil que mensurassem a solidão em idosos, optou-se neste estudo pela utilização da UCLA Loneliness Scale,originalmente construída nos Estados Unidos da América. Objetivo: realizar a tradução, adaptação cultural e validação da UCLA Loneliness Scale (version 3) em uma amostra de idosos brasileiros. Método: trata-se de um estudo metodológico,desenvolvido em duas etapas: a primeira consistiu na tradução e adaptação cultural da versão em língua inglesa da UCLA Loneliness Scale (version 3) para a versão portuguesa do Brasil; na segunda etapa foi realizado o estudo da validade da escala.O processo de adaptação cultural foi realizado por meio das seguintes etapas:Tradução inicial, Síntese das traduções, Back-translation, Comitê de juízes e Préteste.A validade de construto foi analisada por meio da comparação entre grupos distintos, pela validade de construto convergente e pela análise fatorial exploratória.A amostra utilizada para validação da escala foi composta por 136 idosos. Para avaliar a validade de construto por meio da comparação entre grupos distintos foi realizado o teste t para comparar possíveis diferenças nas medidas da Escala de Solidão da UCLA (versão 3) BR, sexo e situação conjugal. Para avaliação da validade de construto convergente foram realizados testes de correlação de Pearsonentre a medida da UCLA e medidas de apoio social e de depressão. As forças das correlações foram analisadas de acordo com a classificação em...(AU)

Introduction: the feelings of loneliness have serious consequences on the health of the elderly, making them more susceptible to depressive symptoms, the decline inmental health and is associated with increased mortality and suicidal ideation. It is necessary to know about the loneliness level experienced by the elderly, so that strategies to reduce or improve this condition can be implemented. One way to measure loneliness level is the use of scales. As scales were not found in Brazil that mensurassem loneliness in the elderly, it was decided in this study the use of the UCLA Loneliness Scale, originally built in the United States. Objective: To perform the translation, cultural adaptation and validation of the UCLA Loneliness Scale(version 3) in a sample of Brazilian elderly. Method: This is a methodological study,carried out in two stages: the first was the translation and cultural adaptation of the English language version of the UCLA Loneliness Scale (version 3) for the Portuguese version of Brazil; in the second stage it was carried out to study thev alidity of the scale. The adaptation process was carried out through the following steps: initial translation, synthesis of translations, back-translation, judges Committee and Pre-test. Construct validity was analyzed by comparing different groups for the convergent construct validity and the exploratory factor analysis. The sample used for scale validation consisted of 136 elderly. To assess the construct validity by comparing between different groups was performed t test to compare possibledifferences in the measurements of the UCLA Loneliness Scale (Version 3) BR, sex and marital status. To evaluate the convergent construct validity were performed Pearson correlation test between UCLA and measure social support measures and depression. The strength of the correlations were analyzed according to the classification values below 0.1 were...(AU)
Responsável: BR21.1 - Biblioteca J Baeta Vianna- Campus Saúde UFMG
BR21.1; T-WY152, KUTR


  7 / 14 BDENF  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Chianca, Tânia Couto Machado
Texto completo
Texto completo
Id: 29831
Autor: Kuznier, Tatiane Prette; Oliveira, Flávia de; Mata, Luciana Regina Ferreira da; Chianca, Tânia Couto Machado.
Título: Tradução e adaptação transcultural da UCLA Loneliness Scale – (version 3) para idosos no Brasil / Translation and cross-cultural adaptation of UCLA Loneliness Scale – (version 3) for the elderly in Brazil
Fonte: REME rev. min. enferm;20, 2016.
Idioma: pt.
Resumo: OBJETIVO: realizar a tradução e adaptação cultural de uma escala de solidão em uma amostra de idosos no Brasil.MÉTODO: trata-se de estudo metodológico de tradução e adaptação cultural para a língua portuguesa do Brasil da UCLA Loneliness Scale (version 3). O processo de tradução e adaptação cultural da escala envolveu as seguintes etapas: tradução inicial, síntese das traduções, retrotradução, comitê de juízes e pré-teste. Os dados referentes ao pré-teste foram analisados utilizando-se o programa estatístico SPSS, versão 21.0. A análise da confiabilidade da escala foi calculada por meio do alfa de Cronbach. A significância adotada neste estudo foi de 5%.RESULTADOS: o referencial metodológico utilizado nesta pesquisa permitiu preservar as características do instrumento original, ao mesmo tempo em que possibilitou a obtenção de um instrumento adaptado à realidade cultural brasileira, revelando-se semanticamente, idiomaticamente, culturalmente e conceitualmente equivalente à versão original.CONCLUSÃO: a versão adaptada da UCLA Loneliness Scale (version 3) mostrou-se confiável, de fácil aplicação e compreensão pelos idosos.(AU)
Responsável: BR21.1 - Biblioteca J Baeta Vianna- Campus Saúde UFMG


  8 / 14 BDENF  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: 28919
Autor: Cecilio, Sumaya Giarola.
Título: Adequação cultural: etapa complementar à tradução e adaptação de instrumentos em saúde / Cultural fit: complementary step to the translation and adaptation of health instruments.
Fonte: Belo Horizonte; s.n; 2016. 111 p. ilus, tab.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Universidade Federal de Minas Gerais. Escola de Enfermagem para obtenção do grau de Mestre.
Resumo: Esta dissertação apresenta um estudo orientado para o desenvolvimento de uma etapa metodológica complementar à tradução e adaptação de instrumentos em saúde, denominada Adequação Cultural, e evidencia sua viabilidade por meio de sua implementação no instrumento Protocolo Mudança de Comportamento traduzido e adaptado no NUGEAS/EE/UFMG. Trinta usuários de Unidades Básicas de Saúde da Regional Leste de Belo Horizonte com Diabetes Mellitus tipo 2 que atenderam aos critérios de inclusão da pesquisa, a saber, não ter complicações crônicas relacionadas ao diabetes tais como retinopatia, nefropatia, cardiopatias e neuropatias, foram contatados para aplicação do instrumento por meio de testes face a face em suas respectivas residências. As aplicações foram realizadas por profissionais da área da Saúde que realizaram contato prévio via telefone com os usuários para agendar os pré-testes. Além do aplicador, a sessão contou com a presença de observadores que registraram por escrito as dificuldades dos usuários em compreender e responder as perguntas, bem como dos aplicadores em realiza-las. Foi desenvolvido um ciclo de resolução dos problemas de compreensão dos usuários entrevistados, com vistas a considerar as percepções e opiniões dos respondentes e dos profissionais aplicadores do instrumento, indicando discrepâncias nas respostas obtidas, implementado até que não fossem mais relatadas dificuldades e as respostas fossem consideradas adequadas. Todas as aplicações do instrumento foram gravadas e transcritas e procedeu-se à análise de conteúdo, a qual contou com a participação de profissionais da Linguística Aplicada e da Estatística Aplicada para a discussão da resolução dos problemas de compreensão dos respondentes relativos a três aspectos principais da adaptação do instrumento: Conceitos Abstratos; Uso de léxico não habitual ao público alvo; Interpretação incorreta ou dificuldade de assimilação. Foi construído um banco de dados para registro de...(AU)

This thesis presents a guided study to the development of a complementary methodological stage to the translation and an adaptation of instruments in health called Adequação Cultural (Cultural Adequacy). Its feasibility is evidenced through its implementation in the instrument Protocolo Mudança de Comportamento (Behavior Change Protocol), translated and adapted at the NUGEAS/EE/UFMG. Thirty users of the East Regional's Health Basic Units of Belo Horizonte carrying type 2 diabetes mellitus were contacted to participate in the study. They matched the study criteria for not showing chronic complications related to the disease suchs as retinopathy, nephropathy, cardiopathies, and neuropathies. Therefore, the instrument was applied to them through face-to-face tests carried out in their own households. The applications were carried out by healthcare professionals who previously phoned the users in order to schedule the pre-tests. Besides the applicators, there were observers annotating the difficulties the users demonstrated in understanding and answering the questions, as well as the difficulties of the applicators in asking them. A cycle to solve the difficulties expressed by the interviewees was developed, aiming to consider the perceptions and opinions of both respondents and applicators of the instrument. It indicated a distinction in the responses obtained. Thus, it was implemented that difficulties were no longer reported and the responses were considered adequate. All the applications were recorded and transcribed. Therefore, the next step was the content analysis which had the participation of professionals from the Applied Linguistics and Applied Statistics field in order to discuss the resolution for the respondents' understanding difficulties related to three main aspects of the instrument adaptation. Abstract Concepts; Use of non-habitual lexicon to the target audience; improper interpretation or difficulty of assimilation. A database was developed...(AU)
Responsável: BR21.1 - Biblioteca J Baeta Vianna- Campus Saúde UFMG
BR21.1; T-WA590, CEAD


  9 / 14 BDENF  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Rosa, Maria Luiza Garcia
Texto completo
Id: 28364
Autor: Vieira, Gláucia Cristina Andrade; Cavalcanti, Ana Carla Dantas; Silva, Suzana Alves da; Guimarães, Tereza Cristina Felippe; Rosa, Maria Luiza Garcia; Silva, Vanessa Alves da.
Título: Adaptação transcultural brasileira do “Family caregiver-specific quality of life scale”: estudo metodológico / Adaptación transcultural brasileña del “Family caregiver-specific quality of life scale”: estudio metodológico / Brazilian transcultural adaptation of the “Family caregiver-specific quality of life scale”: a methodological study
Fonte: Online braz. j. nurs. (Online);13(1):53-61, 2014.
Idioma: pt.
Resumo: To perform a transcultural adaptation of the Family Caregiver-Specific Quality of Life Scale to be used in Brazil. Method: A simple, easily applicable questionnaire was applied, composed of 16 questions, subdivided into the physical, psychological, social and spiritual domains, which was originally tested on a population composed of caregivers for heart failure patients. In this methodological study, the process of adaptation involved the translation, synthesis of translations, back translation and a committee of evaluators. Results: After the translation process, the committee of evaluators suggested some changes to the questionnaire that were authorized by its original author. Discussion: The questionnaire was considered pertinent to Brazilian culture, and to adequately represent the target-population, as well as presenting a good semantic equivalence between the final version in Portuguese and the original version. Conclusion: The instrument has proven to be sufficiently adequate to be used in the general population, and it has also been psychometrically validated...(AU)

Realizar adaptação transcultural do Family Caregiver-Specific Quality of Life Scale para uso no Brasil. Método: O questionário é simples, de fácil aplicação, composto por 16 questões subdivididas nos domínios físico, psicológico, social e espiritual, tendo sido validado originalmente em uma população de cuidadores de pacientes com insuficiência cardíaca. Neste estudo metodológico, o processo de adaptação envolveu a tradução, síntese das traduções, retrotradução e comitê de juízes. Resultados: Após as etapas de tradução, o comitê de juízes sugeriu modificações no questionário que foram autorizadas pela autora do questionário original Discussão: O questionário foi considerado pertinente à cultura brasileira e seus itens adequados quanto à sua capacidade de representar à população-alvo, além de apresentar boa equivalência semântica entre a versão final em português e a original. Conclusão: O instrumento mostrou-se adequado para ser utilizado na população e está sendo validado psicometricamente...(AU)

Realizar la adaptación transcultural del Family Caregiver-Specific Quality of Life Scale para usarlo en Brasil. Método: El cuestionario es simple, de fácil aplicación, compuesto por 16 cuestiones subdivididas en los temas físicos, psicológicos, social y espiritual habiendo sido validado originalmente en una población de cuidadores de pacientes con insuficiencia cardíaca. En este estudio metodológico, el proceso de adaptación involucró la traducción, síntesis de traducciones, retro traducción y un comité de jueces. Resultados: Después de las etapas de traducción, el comité de jueces sugirió modificaciones en el cuestionario que fueron autorizadas por la autora del cuestionario original. Discusión: El cuestionario se consideró pertinente a la cultura brasileña y sus elementos adecuados en relación a su capacidad de representar la población a la cual está destinado, además de presentar buena equivalencia semántica entre la versión final en portugués y la original. Conclusión: El instrumento resultó adecuado para ser utilizado en la población y se está validando psicométricamente...(AU)
Responsável: BR1342.1 - Biblioteca Setorial de Enfermagem


  10 / 14 BDENF  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Almeida, Miriam de Abreu
Texto completo
Id: 25151
Autor: Monteiro, Daiane da Rosa; Almeida, Miriam de Abreu; Kruse, Maria Henriqueta Luce.
Título: Tradução e adaptação transcultural do instrumento Edmonton Symptom Assessment System para uso em cuidados paliativos / Translation and cross-cultural adaptation of the Edmonton Symptom Assessment System for use in palliative care / Traducción e adaptación intercultural del instrumento Edmonton Symptom Assessment System para uso en cuidados paliativos
Fonte: Rev. gaúch. enferm;34(2):163-171, jun. 2013. tab.
Idioma: pt.
Resumo: O objetivo do estudo foi realizar a tradução e adaptação transcultural, para o português do Brasil, do instrumento Edmonton Symptom Assessment System (ESAS-r). O ESAS-r é uma versão revisada da ESAS, que avalia nove sintomas em pacientes paliativos. Trata-se de um estudo metodológico que utilizou um referencial composto de seis etapas: tradução, síntese, retrotradução, comitê de especialistas, pré-teste e submissão da tradução para apreciação dos autores. Como resultado, para adequação da gramática e vocabulário, surgiram alterações no título, enunciado e em determinados termos. No pré-teste, o termo náusea trouxe dúvidas e sugeriu-se uma explicação sobre o significado da palavra. Recomendou-se a padronização das colunas do instrumento e a substituição de depressão por tristeza. Nesta pesquisa, o instrumento ESAS-r foi traduzido e adaptado para o português do Brasil, sendo o próximo passo a verificação das propriedades psicométricas.(AU)

The objective of the study was translation and cross-cultural adaptation into Brazilian Portuguese of the Instrument Edmonton Symptom Assessment System (ESAS-r). The ESAS-r is a revised version of the instrument ESAS that assesses nine symptoms in pall iative care. This is a methodological study based on a benchmark composed of six steps: translation, synthesis, backtranslation, expert committee, pre-test and submission of translated version for consideration of the authors. As a result, changes were made to the title, statements and certain terms to ensure adequacy of grammar and vocabulary. in the pre-test, the term 'nausea' raised doubts, and an additional explanation on this word was suggested. Standardization of instrument columns and the replacement of the term 'depression' for 'sadness' was also recommended. In this study, the ESAS-r instrument was translated and adapted to Brazilian Portuguese, and the next step will be testing the psychometric properties.(AU)

El objetivo del estudio fue la traducción y la adaptación intercultural para el portugués de Brasil, del instrumento Edmonton Symptom Assessment System (ESAS-r). ESAS-r es una versión revisada del instrumento ESAS y evalúa nueve síntomas en pacientes paliativos. Se trata de estudio metodológico que utiliza un marco compuesto de seis pasos: traducción, síntesis, retrotraducción, comité de expertos, previa a la prueba y la presentación de la versión traducida a los autores. Como resultado, para la adecuación de la gramática y el vocabulario, se realizaron cambios en el título y en ciertos términos. En la prueba preliminar la náusea trajo dudas y sugirió una explicación sobre el significado de la palabra. Se recomendó la normalización de las columnas del instrumento y la sustitución de depresión por tristeza. En esta investigación el instrumento ESAS-r fue traducido y adaptado para el portugués de Brasil, el siguiente paso es la verificación de las propiedades psicométricas.(AU)
Responsável: BR1.1 - BIREME



página 1 de 2 ir para página        
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde