Base de dados : LILACS
Pesquisa : 32310 [Identificador único]
Referências encontradas : 1 [refinar]
Mostrando: 1 .. 1   no formato [Detalhado]

página 1 de 1

  1 / 1 LILACS  
             
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Martins, Ana Maria
Id: lil-32310
Autor: Schmidt, Benjamin José; Morais, Mauro B; Fisberg, Mauro; Martins, Ana Maria; Machado, N. L.
Título: Comparaçäo terapêutica entre o sulfato ferroso e o ferro trivalente em forma de complexo de hidróxido férrico polimaltosado na deficiência orgânica de ferro / Therapeutic comparison between ferrous sulfate and trivalent iron in form of polymaltosed ferric hydroxide complex in organic iron deficiency
Fonte: Folha méd;90(4):225-9, abr. 1985. tab.
Idioma: pt.
Resumo: Com o objetivo de estudar os efeitos terapêuticos do Hidróxido Férrico Polimaltosado, em crianças com deficiência orgânica de ferro, com anemia, realizou-se ensaio duplo-cego, comparativo entre o sal férrico e o sulfato ferroso como substância de referência. O Hidróxido de Ferro III Polimaltosado e o Sulfato Ferroso foram administrados na forma de xarope, sendo impossível distingui-los física e organolepticamente. De 30 crianças pré-escolares de ambos os sexos, 22 terminaram o período de 60 dias de observaçäo terapêutica, usando a dose de 4 mg de Fe elementar por kg de peso, por dia, via oral. Os dois grupos observados apresentaram características demográficas, nutricionais, estato-ponderais, clínicas e laboratoriais similares. As crianças eram avaliadas clínica e laboratorialmente antes do início e a cada 15 dias, durante os 2 meses de tratamento. As 12 crianças (8 meninos) tratadas com Fe III tinham média de idade de 31 meses, sendo 7 eutróficos e 5 D.P.C. 1§ grau (Critério de Gomez). O grupo controle constituiu-se de 10 crianças (dois meninos) com média etária de 33 meses, sendo 5 eutróficos e 5 D.P.C. 1§ grau. Na análise dos resultados observou-se que, após o tratamento, os dois grupos apresentaram normalizaçäo dos parâmetros inicialmente alterados. O estudo dos valores iniciais e finais de cada grupo em separado, utilizando-se o teste "t" pareado, demonstrou aumento significativo (p<0,05) da ferritina, hemoglobina e do ferro sérico, em ambos os grupos. O incremento médio do peso das crianças tratadas com Fe III foi discretamente superior ao grupo controle (diferença näo significante). A tolerabilidade foi boa para os dois medicamentos, no entanto 30% das crianças tratadas com sulfato ferroso, apresentaram manchas enegrecidas nos dentes, o que näo ocorreu com o Fe III
Descritores: Anemia Hipocrômica/tratamento farmacológico
Compostos Ferrosos/uso terapêutico
-Ensaios Clínicos como Assunto
Método Duplo-Cego
Limites: Pré-Escolar
Seres Humanos
Masculino
Feminino
Tipo de Publ: Ensaio Clínico Controlado
Estudo Comparativo
Responsável: BR1.1 - BIREME



página 1 de 1
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde