Base de dados : LILACS
Pesquisa : 730888 [Identificador único]
Referências encontradas : 1 [refinar]
Mostrando: 1 .. 1   no formato [Detalhado]

página 1 de 1

  1 / 1 LILACS  
             
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: lil-730888
Autor: González, Rodrigo Corral; Shimizu, Roberto Hideo; Hermann, Caio; Sartori, Ivete Aparecida de Mattias.
Título: Efeito de diferentes níveis de torques na resistência ao destorque do parafuso e dos pilares de duas peças em junções cone-morse. Estudo in vitro / The effect of different torque levels on detorque resistance of a two-piece, cone Morse abutment and screw. An in vitro study
Fonte: ImplantNews;11(4):444-450, 2014. ilus, tab.
Idioma: pt.
Resumo: Objetivos: determinar se a quantidade da pré-carga influencia a resistência ao destorque do parafuso e pilar de duas peças com junção cone-morse indexada. Material e métodos: foram utilizados 60 análogos de implantes conexão tipo cone-morse de 11,5° com indexador hexagonal e 60 munhões universal cone-morse parafuso passante (4,5 mm de diâmetro, 2,5 mm de altura cinta de transmucoso e 4 mm de altura, não indexados), divididos em três grupos segundo o torque aplicado: 15 Ncm (G1); 20 Ncm (G2) e 25 Ncm (G3). A análise de variância fator único (Anova) e o teste LSD foram usados para as comparações entre os grupos (nível de significância 5%). Imagens em MEV foram realizadas na cabeça do parafuso e na chave de aplicação de torque. Resultados: os valores médios para os destorques dos parafusos foram: G1=17,48 Ncm, G2=21,16 Ncm e G3=26,42 Ncm, com diferencas estatisticamente significativas (p < 0,001) entre todos os grupos. Os valores médios para os destorques nos pilares foram: G1=15,17 Ncm, G2=19,58 Ncm e G3=21,64 Ncm, sendo (G1 e G2) e (G1 e G3) (p < 0,001); e G2 e G3 (p=0,02). Conclusão: 1) o aumento do torque no parafuso gerou valor médio aumentado do destorque em todos os grupos; 2) o aumento do torque gerou valor médio de destorque equivalente ao torque inicial dado para o G1 e G2, sendo este aumento menor no G3; 3) torques maiores do que os indicados pelo fabricante foram capazes de promover a deformação plástica na cabeça do parafuso após apertos repetidos

Objectives: to determine whether the applied preload influences on detorque resistance of abutment and abutment screw of a two-piece, indexed cone-morse taper connection. Material and methods: Sixty implant analogs (cone-morse taper=11,5 degrees) with internal hexagonal indexing and sixty cone morse universal abutments (4.5 mm diameter, 2.5 mm collar height, and 4 mm in height, non-indexed), were divided into three groups according to applied torques: 15 Ncm (G1); 20 Ncm (G2), and 25 Ncm (G3). The one-way Anova and LSD tests were used for comparisons among groups (at 5% level). Representative SEM images were obtained from screw heads and key drivers. Results: mean detorque abutment screw values were as follows: G1=17.48 Ncm, G2=21.16 Ncm, and G3=26.42 Ncm, with statistically significant differences (p < 0,001) among all tested groups. Also, the mean detorque abutment levels were: G1=15.17 Ncm, G2=19.58 Ncm, and G3=21.64 Ncm, being (G1 and G2); (G1 and G3) (p < 0.001); and G2 and G3 (p=0.02). Conclusion: 1) an increase on abutment screw torque level also increases detorque values for all groups; 2) an increase on abutment torque level provided detorque values proportional to that found in G1 and G2, being this lower for G3; 3) torque values higher than those preconized by the manufacturer lead to plastic deformation at screw heads after repeated tightening sequences
Descritores: Parafusos Ósseos
Implantação Dentária
Responsável: BR243.1 - Serviço Técnico de Biblioteca e Documentação



página 1 de 1
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde