× Atenção: Esta versão do sistema de pesquisa será desativada em 28/02/2023. Recomendamos a utilização da nova versão disponível em pesquisa.bvsalud.org | deixe sua opinião


Base de dados : LILACS
Pesquisa : Rev. Bras. de Desenvolvimento Humano LILACS
Referências encontradas : 879 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 88 ir para página                         

  1 / 879 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1057560 LILACS-Express
Autor: Camargo, Luís Marcelo Aranha; Silva, Romeu Paulo Martins; Meneguetti, Dionatas Ulises de Oliveira.
Título: Research methodology topics: Cohort studies or prospective and retrospective cohort studies / Tópicos de metodologia de pesquisa: Estudos de coorte ou cohorte prospectivo e retrospectivo
Fonte: Rev. bras. crescimento desenvolv. hum;29(3):433-436, Sept.-Dec. 2019. ilus, tab.
Idioma: en.
Resumo: In health sciences, the epidemiological method can be divided into descriptive and analytical epidemiology and the latter being divided into observational (cross-sectional study, case-control study and cohort study) and experimental studies. Cohort studies may be retrospective or prospective, and both assume that the researcher will follow a population over time to seek a possible association between exposure (s) and outcome(s). These types of studies have as advantages the possibility of measuring several exposure factors and outcomes, both primary and secondary, for both relatively frequent outcomes and rare exposure factors. However, they are often long and therefore expensive studies. They have as main biases those of selection, memory and information. These are studies that may point to statistical associations between exposure and outcome that need other models to prove the casualty of these associations.

Na área de ciências da saúde, o método epidemiológico, pode ser dividido em epidemiologia descritiva e a analítica, essa última se divide em observacional (estudo de corte transversal, estudo caso-controle e estudo de coorte/cohorte) e experimentais. Os estudos de coorte ou cohorte, podem ser retrospectivos ou prospectivos, e ambos partem do pressuposto que o pesquisador irá acompanhar uma população ao longo do tempo para buscar possível associação entre exposição e desfecho. Esses tipos de estudos apresentam como vantagens a possibilidade de se mensurar vários fatores de exposição e desfechos, tanto primários como secundários, aplicam-se tanto para desfechos relativamente frequentes e fatores de exposição raros. Porém, muitas vezes são estudos prolongados e, portanto, caros. Têm como principais viéses os de seleção, memória e informação. São estudos que podem apontar para associações estatísticas entre exposição e desfecho que necessitam de outros modelos para se comprovar há casualidade destas associações.
Responsável: BR85.1 - Biblioteca Dante Moreira Leite


  2 / 879 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1057559 LILACS-Express
Autor: Holanda, Marlon Negreiros de; Câmara, Ozianndeny Ferreira; Silva, Delcio Damasceno da; Bernarde, Paulo Sérgio; Silva, Ageane Mota da; Lima, Marcos Venicicus Malveira de; Monteiro, Adilson; Wajnsztejn, Rubens.
Título: Accident and vascular injury with stingray in the Alto Juruá, Acre, Brazil: a case report / Acidente e lesão vascular com arraia no Alto Juruá, Acre, Brasil: um relato de caso
Fonte: Rev. bras. crescimento desenvolv. hum;29(3):427-432, Sept.-Dec. 2019. ilus.
Idioma: en.
Resumo: INTRODUCTION: Injuries caused by fish are common and considered a neglected health problem with high morbidity and low lethality. Noteworthy are the envenomings by freshwater stingrays, which are considered very serious and one of the most important injuries caused by aquatic animals in South America. CASE PRESENTATION: To describe an accident and vascular injury with venomous stingray animals in the Alto do Juruá, Acre, Brazil. Male patient admitted due to stingray in the left lower extremity 20 days ago. CONCLUSION: The freshwater stingray, due to its sharp characteristics, injured the great saphenous vein, requiring surgical intervention. The situation presented negative evolution due to the lack of necessary procedures in the first attendance, such as the proper cleaning of the wound and the removal of the sting.

INTRODUÇÃO: Acidentes com peixes, denominados de ictismo, são comuns e são considerados um problema de saúde negligenciado, de alta morbidade e baixa letalidade. Destacam-se os envenenamentos por arraias de água doce, pois são considerados muito graves e uma das mais importantes lesões causadas por animais aquáticos na América do Sul. APRESENTAÇÃO DO CASO: Descrever um acidente e lesão vascular com animais peçonhentos do tipo arraia no alto do Juruá, Acre, Brasil. Paciente do sexo masculino, admitido devido a ferroada de arraia no membro inferior esquerda há 20 dias. CONCLUSÃO: O ferrão da arraia de água doce por possuir características pontiagudas lesionou a veia safena magna, necessitando de uma intervenção cirúrgica. O quadro apresentou evolução negativa devido a não realização de procedimentos necessários no primeiro atendimento, como a limpeza adequada do ferimento e a retirada do ferrão.
Responsável: BR85.1 - Biblioteca Dante Moreira Leite


  3 / 879 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1057558 LILACS-Express
Autor: Álvarez, Cláudia Cecília de Souza; Hans Filho, Günter.
Título: Leprosy and Physiotherapy: a necessary approach / Hanseníase e Fisioterapia: uma abordagem necessária
Fonte: Rev. bras. crescimento desenvolv. hum;29(3):416-426, Sept.-Dec. 2019. tab.
Idioma: en.
Resumo: INTRODUCTION: New cases of leprosy occur due to a set of factors associated with the lack of knowledge about the disease, both by health professionals and patients, favoring late diagnosis, the development of physical and social disabilities, stigma and prejudice. OBJECTIVE: To verify the knowledge of students completing the physiotherapy course on leprosy and professional practice in the care of patients with the disease. METHODS: A qualitative exploratory descriptive study was conducted with 68 undergraduate students from physiotherapy courses from public and private universities (AU, UB, UC), in the State of Mato Grosso do Sul. Data were collected through a questionnaire with ten open questions about knowledge, practical action, motivations, interests and teaching-learning process about leprosy. To organize and analyze the data, the collective subject discourse technique was used. RESULTS: It was found that 60% of aU students, 63% of UB and 30.8% of UC have a general conception about the disease. 46.7% of aU students, 77.8% of UB and 80.9% of UC never had contact with leprosy patients. More than half of the students at the three universities said they were unaware of the physiotherapy approaches and practices in leprosy. Almost 100% of ub and UC students stated that the subject was not addressed during the course and therefore did not feel prepared to provide health education and to guide on how to prevent physical deficiencies resulting from leprosy. 73.3% of AU students, 96.3% of UB and 100% of UC recorded negative evaluations, qualifying the course as precarious, insufficient and weak in the leprosy approach. CONCLUSION: It is concluded that leprosy should be included in physiotherapy courses systematically, providing practical care activities, developing skills from prevention to rehabilitation, seeking greater motivation and identification of his work in this area.

INTRODUÇÃO: Novos casos de hanseníase ocorrem devido a um conjunto de fatores associados à falta de conhecimento sobre a doença, tanto pelos profissionais de saúde quanto pelos pacientes, favorecendo o diagnóstico tardio, o desenvolvimento de incapacidades físicas e sociais, o estigma e o preconceito. OBJETIVO: Verificar o conhecimento de estudantes concluintes do curso de fisioterapia sobre hanseníase e a prática profissional no cuidado ao paciente com a doença. METODOLOGIA: Realizou-se um estudo descritivo exploratório qualitativo com 68 estudantes de graduação dos cursos de fisioterapia de universidades públicas e privadas (UA, UB, UC), no Estado de Mato Grosso do Sul. Os dados foram coletados por meio de questionário com dez perguntas abertas sobre conhecimento, ação prática, motivações, interesses e processo de ensino-aprendizagem sobre a hanseníase. Para organizar e analisar os dados, utilizou-se a técnica do Discurso do Sujeito Coletivo. RESULTADOS: Encontrou-se que 60% dos estudantes de UA, 63% de UB e 30,8% de UC têm concepção geral sobre a doença. 46,7% dos estudantes da UA, 77,8% da UB e 80,9% da UC nunca tiveram contato com pacientes com hanseníase. Mais da metade dos estudantes das três universidades disseram não ter conhecimento das abordagens e práticas fisioterápicas em hanseníase. Quase 100% dos estudantes de UB e UC declararam que o assunto não foi abordado durante o curso e, portanto, não se sentiram preparados para fornecer educação em saúde e para orientar em como prevenir deficiências físicas resultantes da hanseníase. 73,3% dos estudantes da UA, 96,3% da UB e 100% da UC registraram avaliações negativas, qualificando o curso como precário, insuficiente e fraco na abordagem da hanseníase. CONCLUSÃO: Conclui-se que a hanseníase deve ser incluída nos cursos de fisioterapia de forma sistemática, proporcionando atividades práticas de cuidado, desenvolvendo habilidades desde a prevenção até a reabilitação, buscando maior motivação e identificação de seu trabalho nessa área.
Responsável: BR85.1 - Biblioteca Dante Moreira Leite


  4 / 879 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Szarfarc, Sophia Cornbluth
Bertoli, Ciro Joäo
Texto completo
Id: biblio-1057557 LILACS-Express
Autor: Pereira, Silvia Maira; Rocha, Élida Mara Braga; Szarfarc, Sophia Cornbluth; Gallo, Paulo Rogério; Bertoli, Ciro João; Leone, Claudio.
Título: Family Health Strategy and prevalence of anemia in women in an urban region of high Human Development Index / Estratégia de Saúde da Família e prevalência de anemia em mulheres de uma região urbana de alto Índice de Desenvolvimento Humano
Fonte: Rev. bras. crescimento desenvolv. hum;29(3):410-415, Sept.-Dec. 2019. tab.
Idioma: en.
Resumo: INTRODUCTION: Iron deficiency anemia is a major public health problem. OBJECTIVE: To analyze the hemoglobin value and the prevalence of anemia in women in reproductive age, mothers of children enrolled in municipal day care centers in a municipality with a high Human Development Index, in the Southeast region of Brazil, and related factors, including being attended by the Family Health Strategy. METHOD: This is a cross-sectional study with a sample of 230 women between 15 and 49 years old. Data collection was performed through a form, addressing socioeconomic variables and maternal health. It was verified: weight, height and hemoglobin concentration dosage. : The prevalence of anemia in women was 9.6%, with an average hemoglobin concentration of 14.6 g / dL. In the bivariate analysis, the following variables were associated with anemia: age, having a disease, obstetric complications in the pregnancy of the studied child and, as a protective factor, being in the Family Health Strategy program. In the binary logistic analysis, only being met by the Family Health Strategy proved to be a significant protective effect against anemia (OR = 0.391, p <0.05). CONCLUSION: Although there is a slight prevalence of anemia, according to World Health Organization criteria, in urban areas with a high Human Development Index, well-conducted health care policies, the Family Health Strategy in particular can contribute to further reduce plus the prevalence of this condition in the health of women of reproductive age.

INTRODUÇÃO: Anemia ferropriva é um importante problema de saúde pública. OBJETIVO: Analisar o valor de hemoglobina e a prevalência de anemia em mulheres em idade reprodutiva, mães de filhos inscritos em creches municipais de um município com alto Índice de Desenvolvimento Humano, na região Sudeste, além de fatores a elas relacionados, incluindo serem atendidas pela Estratégia de Saúde da Família. MÉTODO: Trata-se de um estudo transversal com amostra constituída por 230 mulheres entre 15 e 49 anos de idade. A coleta de dados foi realizada por meio de formulário, abordando variáveis socioeconômicas e saúde materna. Verificaram-se: peso, estatura e dosagem da concentração da hemoglobina. RESULTADOS: A prevalência de anemia nas mulheres foi de 9,6%, com média de concentração da hemoglobina de 14,6g/dL. Na análise bivariada, mostraram associação com anemia as variáveis: idade, ter alguma doença, intercorrências obstétricas na gestação da criança estudada e, como fator de proteção, estar no programa Estratégia de Saúde da Família. Na análise binária logística, apenas ser atendida pela Estratégia de Saúde da Família demonstrou ser significante efeito protetor frente à anemia (OR=0,391, p<0,05). CONCLUSÃO: Apesar de haver uma prevalência leve de anemia, pelo critério da Organização Mundial da Saúde, em área urbana de alto Índice de Desenvolvimento Humano, políticas de atenção à saúde e bem conduzidas, a Estratégia de Saúde da Família em particular, podem contribuir para reduzir ainda mais a prevalência desse agravo na saúde das mulheres em idade reprodutiva.
Responsável: BR85.1 - Biblioteca Dante Moreira Leite


  5 / 879 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1057556 LILACS-Express
Autor: Del Ciampo, Luiz Antonio; Louro, Adriana L; Del Ciampo, Ieda R L; Ferraz, Ivan S.
Título: Sedentary lifestyle among adolescents living in the city of Ribeirão Preto (SP) / Estilo de vida sedentário entre adolescentes na cidade de Ribeirão Preto (SP)
Fonte: Rev. bras. crescimento desenvolv. hum;29(3):403-409, Sept.-Dec. 2019. tab.
Idioma: en.
Resumo: INTRODUCTION: Physical inactivity has been pointed out as one of the major public health problems of the 21st century and the benefits of the regular practice of physical activity during adolescence are important for the biological process of growth and development. OBJECTIVE: To analyze the prevalence of physical inactivity among adolescents enrolled in schools in the city of Ribeirão Preto (SP). METHODS: From September 1 to November 30, 2013, a cross-sectional, observational and descriptive study was conducted with adolescents enrolled in 14 state schools in the city of Ribeirão Preto (SP) using the International Physical Activity Questionnaire, short version. RESULTS: A total of 535 adolescents participated, 35% of them boys and 65% girls; 65% were 10 to 14 years old and 35% were 15 to 19 years old; 52.3% studied in the evening period and 10.3% worked part time on a daily basis. Regarding the level of physical activity, 15.5% of the boys and 24.1% of the girls were classified as sedentary (p>0.05). 60.4% of the boys performed physical activity of vigorous intensity, while 56.3% of the girls showed preference for physical activity of low or moderate intensity (p=0.03). The girls aged 15 to 19 years spent more time sitting during the week, while the girls aged 10 to 14 years were less active during the weekend. 24.2% of the girls aged 10 to 14 years who studied during the morning period and 13.7% of the boys and 18% of the girls who studied during the evening period were classified as sedentary. CONCLUSION: High rates of sedentary lifestyle were observed among adolescents enrolled in state (or public?) schools in Ribeirão Preto (Brazil). Girls presented higher rates of sedentary lifestyle than boys. Boys performed physical activity of vigorous intensity more frequently than girls. The older girls had higher rates of physical inactivity (hours spent in the sitting position) during the week days compared to the younger ones, while the latter spent more time in physical inactivity during the weekend.

INTRODUÇÃO: Adolescência é o período de transição entre a infância e a vida adulta, caracterizado por modificações no desenvolvimento físico, emocional, sexual e social e pelos esforços em alcançar os objetivos relacionados às expectativas culturais da sociedade em que vive, OBJETIVO: Avaliar a prevalência de inatividade física entre adolescentes matriculados em escolas da cidade de Ribeirão Preto (SP). MÉTODO: Estudo transversal, observacional e descritivo realizado entre 01/09/2013 e 30/11/2013, com adolescentes matriculados em 14 escolas estaduais da cidade de Ribeirão Preto (SP), utilizando-se o International Physical Activity Questionnarie, versão curta. RESULTADOS: Participaram 535 adolescentes sendo 35 % masculino e 65 % feminino; 65% tinham entre 10 e 14 anos e 35% entre 15 e 19 anos; 52,3% estudavam no período vespertino e 10,3% trabalhavam meio período ao dia. Quanto ao nível de atividade física encontrou-se 15,5% dos meninos e 24,1% das meninas classificados como sedentários (p>0,05). As moças com idades entre 10 e 14 anos referiram nível de atividade física menor que as da faixa etária dos 15 aos 19 anos (p= 0,507). 60,4% dos rapazes realizam atividade física de intensidade vigorosa enquanto 56,3% das moças mostraram preferência por atividades físicas de intensidade baixa ou moderada (p=0,03). As moças na faixa etária dos 15 aos 19 anos passam mais tempo sentadas durante a semana, enquanto que nos finais de semana são menos ativas aquelas com idades entre 10 e 14 anos. Classificou-se como sedentários 24,2% das moças com idades entre 10 e 14 anos que estudam no período da manhã e, no período vespertino, 13,7% dos rapazes e 18% das moças na faixa etária dos 15 aos 19 anos. CONCLUSÃO: A prevalência de sedentarismo foi de 21% sendo maior para o sexo feminino na faixa etária dos 10 aos 14 anos, que são menos ativas nos finais de semana e que estudam no período da manhã
Responsável: BR85.1 - Biblioteca Dante Moreira Leite


  6 / 879 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1057555 LILACS-Express
Autor: Franciscato, Suzana Janson; Departamento de Ortodontia, Odontopediatria e Saúde ColetivaJanson, Guilherme; Machado, Rachel; Departamento de Odontopediatria, Ortodontia e Saúde ColetivaLauris, José Roberto Pereira; Andrade, Silvana Marques Javarez de; Fisberg, Mauro.
Título: Impact of the nutrition education Program Nutriamigos® on levels of awareness on healthy eating habits in school-aged children / Impacto do Programa de educação nutricional "Nutriamigos®" nos níveis de conhecimento sobre alimentação saudável em crianças escolares
Fonte: Rev. bras. crescimento desenvolv. hum;29(3):390-402, Sept.-Dec. 2019. ilus, tab.
Idioma: en.
Resumo: INTRODUCTION: With the increase of childhood obesity, early intervention in nutrition education becomes necessary. Therefore, during the school period, the school becomes the best place for implementation of a nutritional education program. OBJECTIVE: The current study was carried out in a public and in a private school, with the objective of evaluating and comparing the results of the "Nutriamigos®" Program on food and nutrition knowledge of children with different socioeconomic levels, sex, age and Body Mass Index (BMI). METHODS: Comparative longitudinal study, before and after educational intervention. To evaluate the intervention, a public (school 1) and a private school (school 2) were selected. This was a random, convenience sample comparing students from different social and economic levels, consisting of 242 (school 1) and 99 children (school 2), respectively, totaling 341 children, from 6 to 10 years of age. The Body Mass Index was used to measure nutritional status. Knowledge about food and nutrition was evaluated through a questionnaire, applied before and after intervention. The nutritional intervention consisted of 12 classes of 50 minutes each. RESULTS: The improvement in knowledge on food and nutrition between the pre and post intervention stages was statistically significant. CONCLUSION: The "Nutriamigos®" Program reached its goal, proving that it is effective in public and private schools and should not be different for boys or girls, or for children with normal or excessive weight.

INTRODUÇÃO: Com o aumento da obesidade infantil, torna-se necessária intervenção educacional nutricional desde a infância. Durante o período escolar, a escola se torna, portanto, o melhor local para a implementação de um programa de educação nutricional. OBJETIVO: O presente estudo foi realizado em uma escola pública e uma particular, com o objetivo de avaliar e comparar o resultado da intervenção do Programa "Nutriamigos®" no conhecimento sobre alimentação e nutrição, de crianças de diferentes níveis socioeconômicos, sexo, idade e Índice de Massa Corporal (IMC) MÉTODO: Estudo longitudinal comparativo, antes e após intervenção educacional. Para a avaliação da intervenção foram selecionadas uma escola pública (escola 1) e uma particular (escola 2). Esta foi uma amostra de conveniência aleatória, comparando alunos de diferentes níveis sociais e econômicos, consistindo de 242 (escola 1) e 99 crianças (escola 2), respectivamente, totalizando 341 crianças, de 6 a 10 anos de idade. O Índice de Massa Corporal foi utilizado para mensurar o estado nutricional. O conhecimento sobre nutrição e alimentação foi avaliado por meio de um questionário de conhecimento, aplicado pré e pós intervenção. A intervenção nutricional constou de 12 aulas de 50 minutos cada. RESULTADOS: A melhora no conhecimento sobre alimentação e nutrição entre os estágios de pré e pós intervenção foi estatisticamente significante. CONCLUSÃO: O Programa "Nutriamigos®" atingiu o objetivo proposto, comprovando que é efetivo em escolas públicas e particulares e não deve ser diferenciado para meninos ou meninas, ou para crianças com peso normal ou excessivo.
Responsável: BR85.1 - Biblioteca Dante Moreira Leite


  7 / 879 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1057554 LILACS-Express
Autor: Shigaki, Gabriela Blasquez; Batista, Mariana Biagi; Paludo, Ana Carolina; Vignadelli, Lidyane Ferreira Zambrin; Serassuelo Junior, Helio; Ronque, Enio Ricardo Vaz.
Título: Secular trend of physical fitness indicators related to health in children / Tendência secular dos indicadores de aptidão física relacionados à saúde em crianças
Fonte: Rev. bras. crescimento desenvolv. hum;29(3):381-389, Sept.-Dec. 2019. graf, tab.
Idioma: en.
Resumo: INTRODUCTION: Health-related physical fitness (HRPF) demonstratesan inverse association with several cardiovascular risk factors in young people; however, few studies have investigated the alterationsin HRPF indicators throughout a determined period. OBJECTIVE: To analyze the secular trend of HRPF indicators in children of seven to 10 years of age. METHODS: In total, 1,136 subjects were analyzed, seven to 10 years of age, in three-time periods (2002, 2005, 2010-2011). The HRPF tests were: sit-and-reach (SR), abdominal resistance (AB), 9 min walk/run test (9min), and body adiposity by the skinfold sum (∑SF). Classification of the HRPF indicators was carried out by the Physical Best cut-off point. The ANCOVA test (controlled by BMI, height and ∑SF) was used to compare the differencesin HRPF indicators betweenthe three-time periods. RESULTS: Boys presented a 6% decrease in flexibility between the 2010 and 2002 periods; no significance was found in the AB test; children of both sexes presented higher values in the 9min test in the 2005 period. CONCLUSION: It was concluded that there was a negative secular trend for HRPF, in that the individuals studied in 2010 presented inferior results to their peers (2002-2005) for HRPF, in both sexes, except for abdominal strength and endurance.

INTRODUÇÃO: A aptidão física relacionada à saúde (AFRS) apresenta associação inversa com diversos fatores de risco cardiovascular em jovens, no entanto, poucos estudos têm investigado as alterações ocorridas ao longo de um determinado período nesses indicadores em crianças. OBJETIVO: Analisar a tendência secular de indicadores da AFRS em crianças de sete a 10 anos de idade. MÉTODO: A amostra foi composta de 1.136 sujeitos com idade de sete a 10 anos avaliados em três períodos do tempo (2002, 2005, 2010-11). Os testes de AFRS incluíram o teste de sentar-e-alcançar (SA), resistência abdominal (ABDO), corrida/caminhada de 9 min (9min) e para a adiposidade corporal utilizou-se o somatório de dobras cutâneas (∑DC). A classificação desses indicadores foi realizada através dos pontos de corte da Physical Best. O teste de ANCOVA (controlado pelo índice de massa corporal (IMC), estatura e ∑DC) comparou a diferença nos indicadores de AFRS entre os três períodos do tempo. RESULTADOS: Meninos apresentaram um declínio da flexibilidade de 6% entre os anos de 2010 e 2002; não ocorreram alterações significativas para teste de ABDO; crianças de ambos os sexos apresentaram maiores valores para o teste de 9 min no ano de 2005. CONCLUSÃO: Ocorreu tendência secular negativa para a AFRS, sendo que os indivíduos estudados em 2010 apresentaram resultados inferiores comparados aos seus pares (2002-2005) para a AFRS, em ambos os sexos, com exceção para força e resistência abdominal.
Responsável: BR85.1 - Biblioteca Dante Moreira Leite


  8 / 879 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1057553 LILACS-Express
Autor: Ferreira, Ayrton Bruno de Morais; Medeiros, Jason Azevedo de; Medeiros, Rafaela Catherine da Silva Cunha de; Serrano, Luiz Afonso Rangel; Pinto, Vanessa Carla Monteiro; Dantas, Matheus; Dantas, Paulo Moreira Silva.
Título: Level of physical activity and motor coordination of schoolchildren in different maturational stages / Nível de atividade física e coordenação motora de escolares em diferentes estágios maturacionais
Fonte: Rev. bras. crescimento desenvolv. hum;29(3):373-380, Sept.-Dec. 2019. graf, tab.
Idioma: en.
Resumo: INTRODUCTION: Studies and debates in the field of motor development reveal that sport and physical activity develop and improve motor skills. These studies seek to understand the changes that occur with movement, which becomes more complex as it develops through physical activity. OBJECTIVE: To compare the level of physical activity and motor coordination of students in different maturational stages and to relate the level of physical activity with the motor coordination of young people. METHODS: Descriptive research with cross section. The study included 46 male individuals, aged between 10 and 14 years. The Baecke Habitual Physical Activity questionnaire was applied; the maturity stage was verified through the Pubertal Maturation Prediction Equation; body composition was assessed using the Guedes protocol for children and adolescents; Finally, the coordinating performance was rated using the Korperkoordinationstest fur Kinder (KTK) test battery. RESULTS: There were significant differences for the variables Age and Height between all stages: P3, P4 and P5 of maturation. The differences found in body mass occurred only between stages P3 and P5; P4 and P5. It was also observed that no significant differences were found for motor coordination between the maturation stages. The same occurred when the physical activity indices were compared CONCLUSION: There is no difference in the level of physical activity between stages 3, 4 and 5 of sexual maturation, nor does the maturational stage seem to influence the level of motor coordination of young schoolchildren.

INTRODUÇÃO: Estudos e debates na área do desenvolvimento motor revelam que o esporte e a atividade física desenvolvem e melhoram as habilidades motoras. Esses estudos buscam compreender as mudanças que ocorrem com o movimento, o qual se torna mais complexo à medida que se desenvolve através da atividade física. OBJETIVO: Comparar o nível de atividade física e coordenação motora de escolares em diferentes estágios maturacionais e relacionar o nível de atividade física com a coordenação motora de jovens MÉTODO: Pesquisa descritiva com corte transversal. Participaram do estudo 46 indivíduos do sexo masculino, com idades entre 10 e 14 anos. Foi aplicado o questionário de Atividade Física Habitual de Baecke; o estágio de maturidade foi verificado através da Equação de Predição da Maturação Puberal; a composição corporal foi avaliada através do protocolo de Guedes para crianças e adolescentes; por fim, o desempenho coordenativo foi classificado por meio da bateria de testes Korperkoordinationstest fur Kinder (KTK). RESULTADOS: Houve diferenças significativas para as variáveis Idade e Estatura entre todos os estágios: P3, P4 e P5 de maturação. As diferenças encontradas na massa corporal ocorreram apenas entre os estágios P3 e P5; P4 e P5. Observou-se também que não foram encontradas diferenças significativas para a coordenação motora entre os estágios de maturação. O mesmo ocorreu quando os índices de atividade física foram comparados. CONCLUSÃO: Não existe diferença no nível de atividade física entre os estágios 3, 4 e 5 da maturação sexual, assim como o estágio maturacional não parece influenciar o nível de coordenação motora de jovens escolares
Responsável: BR85.1 - Biblioteca Dante Moreira Leite


  9 / 879 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1057552 LILACS-Express
Autor: Mazzoccante, Rafaello Pinheiro; Corrêa, Hugo de Luca; Queiroz, José Luiz de; Sousa, Beatriz Raquel Castro de; Sousa, Ioranny Raquel Castro de; Santos, Marcos Aurélio Barboza; Câmara, Matheus Almeida; Ferreira, Aparecido Pimentel; Melo, Gislane Ferreira de.
Título: The relationship of sports practice with motor performance, selective attention, cognitive flexibility and processing speed in children aged 7 to 10 years / A relação da prática esportiva com o desempenho motor, atenção seletiva, flexibilidade cognitiva e velocidade de processamento em crianças de 7 a 10 anos
Fonte: Rev. bras. crescimento desenvolv. hum;29(3):365-372, Sept.-Dec. 2019. graf, tab.
Idioma: en.
Resumo: INTRODUCTION: Sports initiation is usually started during childhood and adolescence, and the beneficial effects of this practice for physical and motor capacities are already known. Recent research has shown the potential of sports to stimulate and modify cognitive development. OBJECTIVE: To verify the relationship of sports practice during childhood on cardiorespiratory, motor, attention, cognitive flexibility and cognitive processing speed. METHODS: 130 students aged 7 to 10 years participated in the study, of which 68 were athletes and 62 non-athletes, divided into sports group and control group. The researchers carried out three visits for the application of the research instruments, which were carried out in a randomized manner within the school premises, divided into three blocks: 1) attention test for cancellation and test of tracks A and B (applied collectively); 2) jumping tests; 3) anamnesis, body composition and the Körperkoordination für Kinder (KTK) test. RESULTS: Children practicing sports obtained lower values in the weight (28 ± 10.08 kg vs 33.9 ± 15.3 kg), waist circumference (57.8 ± 7.7 cm vs 61.7 ± 9.6 cm) and circumference of the hip (69.1 ± 9.5 cm vs 72.8 ± 10.5 cm). In addition, we observed higher values in single-hops scores (96.9 ± 17.3 vs 85.6 ± 14.3) and lateral jumps scores (99.1 ± 18.8 vs 91.2 ± 18.0) compared to children who do not play sports. (p < 0.05). The high performance in single-heel jumps, side jumps, motor quotient, B-trails and B-A trails presented as predictors of sports practice (CI > 0.50_. CONCLUSION: The results indicated a positive relationship between children practicing sports in childhood and interesting benefits in the ability of cognitive flexibility, without expressing differences in motor coordination compared to non-practicing children.

INTRODUÇÃO: A iniciação esportiva é geralmente iniciada durante a infância e adolescência. Já é conhecido os efeitos benéficos desta prática para as capacidades físicas e motoras. Pesquisas recentes vêm demonstrando o potencial da prática esportiva em estimular e modificar o desenvolvimento cognitivo OBJETIVO: Analisar a relação da prática esportiva durante a infância na coordenação motora, atenção, flexibilidade cognitiva e velocidade de processamento cognitivo MÉTODO: Participaram do estudo 130 estudantes com idades entre 7 a 10 anos, sendo 68 praticantes de modalidades esportivas e 62 não praticantes de modalidades esportivas, divididos em grupo de esportistas (GE) e grupo controle (GC). Os pesquisadores realizaram três visitas para aplicação dos instrumentos de pesquisa, os quais foram realizados de forma aleatorizada dentro das dependências da escola, divididos em três blocos: 1) teste de atenção por cancelamento e teste de trilhas A e B (aplicados de forma coletiva); 2) testes de saltos; 3) anamnese, composição corporal e o teste Körperkoordination für Kinder (KTK) RESULTADOS: Crianças que praticam esporte obtiveram menores valores nas variáveis massa corporal (28 ± 10,08 kg vs 33,9 ± 15,3 kg), circunferência da cintura (57,8 ± 7,7 cm vs 61,7 ± 9,6 cm) e circunferência do quadril (69,1 ± 9,5 cm vs 72,8 ± 10,5 cm). Ademais, observam-se maiores valores nos dos saltos monopedais (96,9 ± 17,3 vs 85,6 ± 14,3) e saltos laterais (99,1 ± 18,8 vs 91,2 ± 18,0) em comparação às crianças que não praticam esporte (p < 0,05). O alto desempenho nos saltos monopedais, saltos laterais, quociente motor, trilhas B e Trilhas B-A apresentaram-se como preditores da prática esportiva (IC > 0,50) CONCLUSÃO: Os resultados indicaram relação positiva entre crianças praticantes de modalidades esportivas na infância e benefícios interessantes na capacidade da flexibilidade cognitiva, sem expressar diferenças na coordenação motora em comparação às crianças não praticantes
Responsável: BR85.1 - Biblioteca Dante Moreira Leite


  10 / 879 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Moimaz, Suzely Adas Saliba
Amaral, Marcelo Augusto
Texto completo
Id: biblio-1057551 LILACS-Express
Autor: Moimaz, Suzely Adas Saliba; Amaral, Marcelo Augusto; Miotto, Aline Maria Malachini; Garbin, Cléa Adas Saliba; Saliba, Tânia Adas.
Título: Parent's perception of allergic or food-intolerant children in relation to disease / Percepção de pais de crianças alérgicas ou intolerantes alimentares em relação à doença
Fonte: Rev. bras. crescimento desenvolv. hum;29(3):354-364, Sept.-Dec. 2019. ilus, graf, tab.
Idioma: en.
Resumo: INTRODUCTION: Cow´s milk protein allergy (CMPA) and lactose intolerance (LI) negatively affect the quality of life of patients and their families. OBJECTIVE: To analyse the perception parents of children with CMPA or LI regarding aspects of health, emphasizing their oral health and the factors involved in the treatment of allergy/food intolerance METHODS: Qualitative research employing focus groups, with a sample of 12 parents of children with CMPA or LI (two groups), including the participation of a researcher/moderator, an observer, and six participants in each group and a plan with guiding questions. Discourses were recorded and transcribed, and textual contents were processed in software IRAMUTEQ and analysed by the descendant hierarchical classification (DHC) technique, content analysis, and word cloud. RESULTS: Six categories were derived from DHC-multivariate analysis: (1) children formula, (2) oral health, (3) nutritional aspects, (4) treatment, (5) disease´s stigma, and (6) health services. The thematic axes were derived from nutritional, assistance, and care categories. Reports of different oral diseases were given by parents regarding food allergy or intolerance in their children, such as frequent caries, teeth spots, pain, and sensitive teeth. CONCLUSION: Parents´ perception of CMPA/LI in their children is affected by nutritional factors and the stigma caused by the disease, with special reference to the importance given to children´s oral health and reports about difficulties in the access to health services with multi-professional teams.

INTRODUÇÃO: A alergia a proteína do leite de vaca (APLV) e intolerância à lactose (IL) afetam negativamente a qualidade de vida de pacientes e seus familiares. OBJETIVO: Analisar a percepção de pais de crianças com APVL ou IL, quanto aos aspectos de saúde, enfatizando sua saúde bucal, bem como, os fatores envolvidos no tratamento da alergia e intolerância alimentar. MÉTODO: Pesquisa qualitativa com emprego da técnica de grupo focal, com uma amostra de 12 pais de crianças com APLV ou IL (dois grupos), incluindo a participação de pesquisador/moderador, observador e seis participantes em cada grupo e um roteiro com questões norteadoras. Os discursos foram gravados e transcritos, os conteúdos textuais foram processados no software IRAMUTEQ e analisados pelas técnicas de Classificação Hierárquica Descendente (CHD), análise de conteúdo e nuvem de palavras. RESULTADOS: Seis clusters emergiram da análise multivariada pela CHD: (1) Fórmulas Infantis; (2) Saúde Bucal; (3) Aspectos Nutricionais; (4) Tratamento; (5) Estigma da Doença; (6) Serviços de Saúde. A partir dos clusters foram identificados três eixos temáticos: nutrição, atenção e assistência. Relatos de diferentes doenças bucais foram dados pelos pais, com relação à alergia ou intolerância alimentar em seus filhos, tais como: cárie frequente, manchas dentárias, dor e dentes sensíveis. CONCLUSÃO: A percepção dos pais de crianças com APLV/IL sofreram influência dos fatores nutricionais e do estigma que a doença apresenta, com especial importância dada para a saúde bucal de seus filhos, e relatos de dificuldades de acesso a serviços de saúde com equipes multiprofissionais.
Responsável: BR85.1 - Biblioteca Dante Moreira Leite



página 1 de 88 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde